Abril 19 2014

Jan Oblak diz ser «um privilégio» defender a baliza do Benfica e faz votos para que possa continuar a jogar de águia ao peito «durante muitos anos».

«É um grande orgulho e, ao mesmo tempo, uma enorme responsabilidade jogar neste Estádio. Mas a vida é mesmo assim, cheia de desafios. Temos que aprender a enfrentar as dificuldades que possam surgir», afirmou o esloveno, em declarações ao jornal do clube.

«Sem dúvida que sou um privilegiado por ter conseguido conquistar um lugar na equipa», referiu o guardião.

Aos 21 anos, Oblak não pensa em outros voos: «Consigo imaginar-me a jogar pelo Benfica durante muitos anos e espero, sinceramente, que isso venha a acontecer».

Quando está entre os postes, não pensa em nada em particular.

«Estou sempre concentrado na bola e na posição dos meus colegas em campo. A concentração é o segredo», indicou.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:17

BENFICA 73
contador grátis
Abril 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...