Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Benfica – PAOK, 3-0 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo e Resumo com Relato (Vídeo)

28.02.14, Benfica 73

Quinta-feira europeia no Estádio da Luz! Benfica trouxe de Salonica a vantagem de um golo e cabia ao PAOK ir atrás do prejuízo. Na antecâmara, à entrada das equipas no relvado, uma enorme tarja na bancada MEO abriu-se para homenagear Mário Coluna, falecido, esta terça-feira, aos 78 anos. Obrigado Capitão era a mensagem da nação benfiquista ao Monstro Sagrado.

 

Se motivação fosse preciso tinha sido dado o mote a um Benfica que estava lançado para os oitavos-de-final e que confirmou com um claro 3-0. O PAOK tinha dado a entender que iria arriscar, mas a verdade é que não colocando o “autocarro atrás da baliza” estiveram longe de pegar no jogo e de ser um real perigo para os da casa.

O Benfica teve sempre mais bola, tomou conta do jogo e o perigo veio através da referência ofensiva, Cardozo. Sempre atento ao jogo – mesmo parecendo, por vezes, alheado do jogo – camisola 7 teve nos pés o 1-0 aos dez minutos, quando contornou o guarda-redes e atirou à rede lateral. Pouco ofensivos, esperando o erro das “águias”, o PAOK, de forma fortuita, quase chegou ao golo aos 14’, quando um remate de Lucas levou calafrios à baliza de Artur que defendeu a dois tempos.

 

Sem jogar a uma velocidade vertiginosa, o Benfica sabia que estava na frente da eliminatória e que teria de ser o PAOK a tentar inverter o resultado desfavorável. Não parecia ter capacidade de o fazer e o avançado paraguaio “voltou” ao jogo aos 33 minutos num livre directo. Remate meio em força, meio em jeito e uma defesa do tamanho do Mundo de Glykos. 

Até ao intervalo, a bola voltou a rondar a baliza helénica num contra-ataque de Gaitán que Salvio concluiu com um bom remate. O intervalo chegou com um nulo, mas no reatamento a Catedral viu mais do mesmo.

O Benfica voltou a entrar mais “mandão” apesar de o protagonista na turma de Salonica ter sido Katsouranis, primeiro pelos bons momentos, remate de cabeça aos 52’ e depois pelos piores, aos 68’, por derrubar Lima à entrada da área quando este ia isolado para o golo. Realce para o facto de a Luz ter aplaudido o antigo jogador do Clube de pé.

 

Desse livre, o marcador foi colorido com um golo de mestre de Gaitán. Livre superiormente marcado e Glykos nem esboçou a defesa. Estava

feito o 1-0 e os “oitavos” cada vez mais perto. A confirmação – se dúvidas houvessem – surgiu aos 77 minutos. Lima de grande penalidade aumentou a contagem após mão de Maduro na área em lance com Djuricic.

Os contornos de goleada pairavam pela Luz quando aos 79 minutos,Markovic fez o 3-0. Os minutos seguintes não trouxeram mais do que a confirmação da vitória europeia.

Jogo muito bem conseguido em noite de homenagem ao Monstro Sagrado e nos oitavos-de-final fica marcado um encontro com o Tottenham.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur Moraes; Maxi Pereira, Garay, Luisão, Sílvio; Ruben Amorim, André Gomes, Djuricic (Rodrigo, 78’), Salvio (Markovic, 59’), Gaitán e Cardozo (Lima, 59’).

Fonte: SLB

Fotos: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10153860509490716&set=a.10153860507780716.1073742002.212504785715&type=1&theater

Veja aqui a ficha do jogo

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.