Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Gaspar Ramos coloca em causa qualidades de Jorge Jesus

09.11.10, Benfica 73

Gaspar Ramos, antigo Chefe do Departamento de Futebol do Benfica, faz em Bola Branca um diagnóstico ao actual momento do Benfica e, no rescaldo do "clássico" e dos primeiros três meses de época, conclui que Jorge Jesus pensou que era "melhor" treinador, deslumbrando-se no comando técnico do Benfica.

"O Jorge Jesus deslumbrou-se um pouco porque pensava que era melhor do que o que é na realidade. O Jesus tem as suas qualidades e os seus defeitos e pensou, provavelmente, que não tinha defeitos ou não cometia erros. Os resultados, muitas vezes, encobrem muitas coisas", começou por acusar o antigo dirigente "encarnado".

Nesta entrevista a Bola Branca, Gaspar Ramos considera que, dada a desvantagem para o FC Porto, o Benfica está afastado do título, restando ao ainda campeão lutar pelo 2º lugar.

"Este resultado é humilhante. Todos os que têm responsabilidades têm que honrar o clube. É preciso fazer uma análise ao que se passou e minorar o que se passou. Campeão, o Benfica já não pode ser, mas que seja digno até ao fim e consiga, pelo menos, o 2º lugar", apelou.

O entendimento de Gaspar Ramos é o de que a equipa "encarnada", esta época, ainda não rendeu o que deveria, independentemente da responsabilidade, em alguns jogos, das exibições do guarda-redes Roberto.

"A equipa não está a render desde o início da época. O arranque foi mau devido ao guarda-redes e, quando ele melhorou, as exibições também melhoraram. Mas a qualidade do jogo não tem sido boa", analisou.

Para Gaspar Ramos, o Benfica tem que pensar nos actos de gestão, depois de ter gasto mais que as receitas com as vendas de jogadores, e sem resultados desportivos à vista, chegando mesmo a alertar para uma situação financeira que qualifica das piores da história do clube.

"O Benfica tem que vender jogadores para equilibrar o orçamento mas os que comprámos não nos trazem resultados desportivos. A qualidade dos que vêm está muito longe do que os que saem e, com isso, o passivo aumenta. São mais 19 milhões de Euros de prejuízo e o passivo consolidado do Benfica vai a caminho dos 500 milhões. Isto é insuportável e estamos a cair numa situação financeira desastrosa", alertou.

De resto, no mesmo plano - o financeiro -, a gestão das percentagens dos passes de atletas não têm beneficiado o Benfica. "Quem gere o plantel são os empresários, é o que parece", rematou.

Fonte: Rádio Renascença

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.