Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Benfica - PSG, 2-1 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo, Resumo com Relato (Vídeo)

11.12.13, Benfica 73

Foi um Benfica digno e de raça, aquele que venceu esta noite, na Luz, o Paris Saint-Germain, com golos de Lima e Gaitán. Apesar da vitória (amarga!), uma vez que na Grécia o Olympiacos assegurou a vaga em aberto na “Champions”, o Glorioso segue para a Liga Europa.

Última jornada da Liga dos Campeões, Estádio da Luz com cerca de meia casa, Benfica e Paris Saint-Germain frente-a-frente, com objectivos bem distintos. Os franceses há muito com a liderança do Grupo assegurada, já os “encarnados” com um lugar nos oitavos da “Champions” à espreita e a Liga Europa garantida.

 

A milhares de quilómetros, na Grécia, disputava-se o outro desafio do Grupo C: Olympiacos e Anderlecht, numa conjuntura semelhante. Os belgas afastados das competições europeias, os helénicos, tal como o Benfica, à espreita da Fase seguinte da Liga Milionária… ou um posto na Liga Europeia.

Resumindo, para seguir em frente na Champions o Benfica teria sempre de fazer um resultado melhor que o Olympiacos…

Cientes deste objectivo e de toda a sua contextualização/importância, os “encarnados” entraram com tudo na partida e, logo aos 4’, primeiro “bruac” na Catedral: lance ofensivo rapidíssimo, Enzo Perez remata forte ao ângulo da baliza adversária, para defesa espectacular de Sirigu. Na sequência, dois cantos perigosos, e Sílvio, na esquerda, a chamar novamente Sirigu ao serviço. 

 

Na resposta, foi Artur Morais quem esteve em destaque, defendendo com eficácia um remate perigoso de Ménez.

Um início interessante que acabaria por dar o mote para o que se seguiria.

Golos… e más notícias da Grécia!

Meia hora de jogo, partida agradável de seguir, com sinal mais do Benfica, na maior parte do tempo em organização e com oportunidades flagrantes de golo incrivelmente desperdiçadas; do outro lado, um Paris Saint-Germain em gestão, mas sempre que possível a espreitar o contra-golpe. Só faltavam os golos…

Aos 36’ eles apareceram… para os franceses, com Cavani a fazer o 0-1, num lance de difícil explicação.

 

Aos 42’, grande penalidade cometida sobre Sílvio. Na cobrança, Lima, eficaz e frio, faz o empate e repõe justiça no marcador. Na Grécia, tal como em Lisboa, empate a uma bola.

E a segunda metade começou como a primeira, com o Benfica a carregar. Primeiro Lima, depois Gaitán, a terem oportunidade de desfeitear as redes de Sirigu. Aos 55’, nova oportunidade clamorosa, desta feita com Luisão a cabecear por cima da trave.

O Benfica carregava, carregava com os gauleses a praticamente não passarem do meio-campo. Finalmente, aos 58’, golo do Benfica… Grande jogada de envolvimento ofensivo, com Gaitán a colocar a equipa em vantagem.

Na Grécia, o Olympiacos também se colocava na frente do marcador, com os “encarnados” a terem de manter a vantagem na Luz e a aguardar por um golo belga… que acabou por não acontecer.

Apito para o final, com a vitória, escassa para tamanhas oportunidades, a ter um sabor amargo na Luz. O Benfica despede-se, com brio, da Champions e carrega agora todas as expectativas para a Liga Europa.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur; Maxi Pereira, Luisão, Garay, e Sílvio; Matic, Fejsa, Gaitán (Sulejmani, 76’) e Enzo Perez (André Gomes, 89’); Lima e Markovic (Ivan Cavaleiro, 69’).

Fonte: SLB

Fotos:https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10153584433985716&set=a.10153584433855716.1073741963.212504785715&type=1&theater

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=179912

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.