Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

PSP deteve adepto que lançou ´very-light` mortal no Estádio Nacional

08.11.12, Benfica 73
O Comando Metropolitano da PSP de Lisboa procedeu à detenção, momentos antes do início do jogo entre Benfica e Spartak Moscovo, no Estádio da Luz, de um simpatizante da equipa portuguesa que, apuraram mais tarde as autoridades, havia sido condenado como autor do disparo do ´very light` que culminou na morte de um adepto do Sporting na final da Taça de Portugal, em 1996.

Em comunicado emitido no final do encontro da Liga dos Campeões, a PSP explica que «um adepto do SLB, posicionado no varandim superior do Estádio, lançou uma cadeira sobre os elementos policiais, vindo a atingir um elemento desta Policia, causando-lhe ferimentos na mão e na perna, pelo que o agressor foi imediatamente detido».
Dos desacatos entre adeptos das duas equipas resultou, ainda, a detenção de 30 simpatizantes da formação moscovita.
Todos os detidos serão presentes esta quinta-feira ao Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, para aplicação das respetivas medidas de coação.

Comunicado integral:
«O Comando Metropolitano da PSP de Lisboa, informa que, nos momentos que antecederam o início do Jogo de Futebol entre o S.L. Benfica ( SLB) e o Spartak de Moscovo (SM), junto ao Estádio da Luz, um número elevado de adeptos afetos às claques dos dois clubes, envolveram-se em desordem.

Da intervenção policial, para reposição da ordem pública, resultou a detenção de 30 ( trinta ) adeptos da equipa visitante.
Ainda na mesma ocorrência, um adepto do SLB, posicionado no varandim superior do Estádio, lançou uma cadeira sobre os elementos policiais, vindo a atingir um elemento desta Policia, causando-lhe ferimentos na mão e na perna, pelo que o agressor foi imediatamente detido. 

Apurou-se que se tratava do mesmo cidadão que já em 1996, esteve envolvido nos incidentes da final da Taça de Portugal e pelos quais foi condenado, como autor do disparo mortal do ´very light` que culminou na morte de um adepto do Sporting Clube de Portugal.
Todos os detidos serão amanhã presentes a 1.º Interrogatório Judicial, no Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa, para aplicação das respetivas medidas de coação.
Lisboa, 07 de novembro de 2012»
Fonte: A Bola

1 comentário

Comentar post