Junho 21 2012
O selecionador nacional não se deixar levar pelo entusiasmo que se levantou em torno de Portugal, agora apontado como um dos mais fortes candidatos ao título Europeu. Garante que níveis emocionais estão no máximo, a humildade mantém-se mas não quer pressas para ganhar.

«Não entramos nessa euforia. Estamos satisfeitos e orgulhosos com o que fizemos e tivemos o nosso momento para festejar de festa. A partir desse momento, começámos a descansar e a prepararmo-nos para o que temos pela frente. Temos um jogo de acesso às meias-finais, nada mais do que isso. Jogamos um jogo de cada vez e tenho a certeza que amanhã jogaremos como temos feito até aqui, com consistência e humildade. No final, se não ganharmos cumprimentaremos o adversário, como cumprimentámos a Alemanha, sabendo que não merecíamos perder», disse Paulo Bento na conferência de Imprensa de antevisão ao jogo de amanhã (19.45 horas) com a República Checa, em Varsóvia, na Polónia.

O selecionador nacional assegurou que a estratégia de Portugal não vai alterar-se pelo facto de este ser um jogo a eliminar. «Há algo que muda sempre a estratégia, que é o golo. O que temos feito é, mesmo nos momentos adversos, não alterar a nossa estratégia nem mudar de identidade - mantemos a cabeça no lugar e o foco no que trabalhámos. Amanhã veremos o que o adversário vai fazer e vamos tentar contrariar os pontos fortes e explorar os pontos fracos da República Checa», sustentou, vincando que essa mesma estratégia não mudará independentemente de Rosicky jogar ou não pelos checos.

Sobre o facto de Portugal ter menos um dia de descanso: «Não acredito que, por essa diferença, seja significativo. Uma equipa que jogou daquela forma frente à Alemanha, à Dinamarca e à Holanda, é porque, emocionalmente, os níveis estão no máximo. Mantendo os níveis de humildade, a motivação ajudará a superar algum cansaço. Seremos dinâmicos, agressivos mas sem jogar à pressa, porque isso não faz sentido.»

Paulo Bento foi ainda confrontado com as declarações de Rosicky, que disse que Cristiano Ronaldo não ajuda Portugal a defender: «Tentamos defender e atacar com o máximo possível de jogadores, depois, cada um tem as suas funções, uns estão mais talhados para uma coisa, outros para outra. Temos de conjugar tudo isto e tentar esconder da melhor maneira os nossos defeitos, que os temos, e potenciar as nossas virtudes, que também temos e são muitas.»
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 08:49

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

BENFICA 73
contador grátis
Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...