Março 23 2010

 

Primeiro Marselha, depois o Algarve, anda alto o astral do Benfica. Foi grande a festa pela conquista da Taça da Liga?

- A Taça da Liga já é passado, tivemos algumas horas para celebrar a vitória, mas a partir de agora já estamos concentrados no próximo jogo, porque para nós o próximo jogo é sempre o mais importante.

Próximo jogo, ao qual o Benfica chega moralizadíssimo, é com o Sp. Braga e pode decidir muita coisa...

- É evidente que as vitórias moralizam o grupo, mas se queremos retribuir o apoio dos nossos adeptos temos de continuar a trabalhar todos os dias e encarar todos os jogos como fosse o último, como se desse jogo dependente o nosso destino. É isso que vai acontecer no próximo sábado, frente ao Sp. Braga.

Tem-se falado e escrito muito sobre o seu futuro e vários têm sido os grandes clubes europeus interessados na sua contratação?

- Eu estou no maior clube do Mundo, não estou preocupado com o futuro, o Benfica é a minha casa. Quando vim para cá poucos acreditavam em mim, tinha 18 anos, mas o presidente Luís Filipe Vieira foi-me buscar e apostou sempre em mim. Aliás, o presidente tem sido a alma deste clube, tem estado sempre presente junto da equipa com sacrifício da sua vida pessoal e profissional. Portanto, o mínimo que eu posso fazer é retribuir com trabalho e o meu futuro está nas mãos dele. O que Luís Filipe Vieira disser será o meu futuro!

Mas será normal que o seu momento de forma chame a atenção dos emblemas mais ricos do Mundo...

- Nesta equipa o que conta é o grupo e não as individualidades. Felizmente temos muitos jogadores que podem desequilibrar, mas o grande segredo desta equipa é o espírito de grupo que temos. Somos onze por um e um por onze, sempre! Durante os 90 minutos!

É essa a fórmula de Jesus, o segredo na base do milagre que está a ser, afinal, colocar o Benfica a jogar mais do que o dobro da época passada?

- Muito deste novo espírito se deve a Jorge Jesus, com ele o grau de exigência subiu muito e isso reflecte-se jogo após jogo...

Sentem, no balneário, que a conquista do título está cada vez mais perto?

- Temos sete finais a disputar e estou seguro de que com o apoio dos nossos adeptos vamos conseguir ganhar esses jogos rumo ao título que é o nosso grande objectivo.

E a Liga Europa, onde o Benfica tem passeado classe com sucessivas boas exibições e goleadas?

- Se tivermos oportunidade vamos tentar chegar à final da Liga Europa, mas temos de ter os pés bem assentes na terra. Vamos enfrentar o Liverpool, uma equipa que vai apostar tudo nessa competição, que já não tem outros objectivos e que fará tudo para seguir em frente. Mas vamos entrar em campo para ganhar!

publicado por Benfica 73 às 16:21

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

BENFICA 73
contador grátis
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11

14
16
17

21

29


subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...