Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Gaitán falhou recorde

04.11.15, Benfica 73

Esta terça-feira, frente ao Galatasaray, Nico Gaitán tinha uma oportunidade de ouro de voltar a fazer história pelo Benfica. O médio argentino tinha apontado golos nos três primeiros encontros europeus das ‘águias’, mas ontem ficou em branco.

Ora, voltando atrás na história, apenas José Torres, até aqui, conseguiu fazer golos nos quatro jogos inaugurais da competição, mas o feito já remonta a 1964/65 quando o Bom Gigante marcou 7 tentos.

O ‘mágico’ argentino, porém, além de ter falhado este recorde, acabou ainda expulso no encontro, ficando privado de dar o seu contributo na próxima partida dos ‘encarnados’.

Fonte: Noticias ao Minuto

SL Benfica – Galatasaray, 2-1 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo e Resumo com Relato

04.11.15, Benfica 73

capture-20151104-092230.png

O SL Benfica venceu, esta terça-feira, o Galatasaray por 2-1 na 4.ª jornada da Fase de Grupos da Liga dos Campeões. Depois do empate a zero entre Astana e Atlético, os “encarnados” são líderes isolados do Grupo C.

Poucas foram as mexidas de Rui Vitória relativamente ao onze que alinhou em Istambul há 15 dias – quando a formação comandada por Hamza Hamzaoglu venceu por 2-1. Talisca, que entrou para o lugar do castigado Samaris, foi a única alteração.

 

Esta noite, no Estádio da Luz, entrou melhor o SL Benfica com um remate de Nico Gaitán logo aos 3’. Jogada de classe do argentino que, após uma roleta, tentou o remate mas acabou por sair ao lado.

Com os Bicampeões Nacionais a mandarem no jogo e à procura do golo, Raúl viu Muslera negar-lhe aquele que poderia ter sido o primeiro da noite, aos 5’, e, na recarga, Gaitán atirou pertíssimo do poste!

Aos 21’, primeira ameaça do Galatasaray, com um remate perigoso de Podolski. Aos 25’, canto a favor da equipa turca batido por Kisa, com a bola a sobrar para Sneijder, que, fora da área, rematou para defesa de Júlio César.

A fechar o primeiro tempo, Milorad Mazic mostrou o cartão amarelo a Nico Gaitán. Burak Yilmaz devia ter sido expulso por mão na bola mas o árbitro sérvio mostrou antes o amarelo a Gaitán por protestos…

Empate a zero numa primeira parte que começou bem, sobretudo devido à boa entrada dos “encarnados” que já mereciam estar na frente do marcador.

 

45 minutos e... três golos!

Aos 52’ a Luz fez-se ouvir. Dois anos depois, Jonas voltou a marcar na Liga dos Campeões. Estava feito o 1-0. Uma vantagem que durou apenas cinco minutos. Aos 57’, o alemão Podolski rematou e restabeleceu a igualdade.

Aos 67’, Luisão voltou a colocar o SL Benfica na frente do marcador. Após um canto batido por Nico Gaitán, a bola sobrou para Jiménez que conseguiu desviar para o capitão que não deu hipótese a Muslera.

A cinco minutos do final, segundo cartão amarelo para Nico Gaitán que falha, por isso, o jogo com o Astana.

Com este resultado, o SL Benfica é líder isolado do Grupo C - com nove pontos, mais dois do que os espanhóis do Atlético - e está mais perto da qualificação para os oitavos de final da competição.

No outro encontro do Grupo C, Astana e Atlético de Madrid empataram a zero num jogo realizado no Cazaquistão. E é precisamente para o Cazaquistão que o SL Benfica viaja na próxima jornada, a 5.ª. O Astana – SL Benfica está marcado para o dia 25 de novembro.

Antes disso, há compromissos do Campeonato Nacional. E o próximo é já no domingo (16h00), diante do Boavista na 10.ª jornada da Liga NOS.

Rui Vitória fez alinhar o seguinte onze inicial: Júlio César; Sílvio, Luisão, Jardel e Eliseu; Gonçalo Guedes (73’ Carcela), André Almeida, Talisca (90' Cristante) e Gaitán; Jonas (80’ Pizzi) e Raúl.

Fonte: SLB

Fotos Aqui

Ficha de Jogo Aqui