Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Bebé emprestado ao Córdova

07.01.15, Benfica 73

Bebé vai jogar até ao final da época no Córdova, noticia esta quarta-feira o jornal A BOLA.
Com poucos minutos na equipa de Jorge Jesus, o extremo de 24 anos está de malas feitas para o antepenúltimo classificado da Liga espanhola.
Depois de Nélson Oliveira, cedido ao Swansea, Bebé é o segundo jogador do plantel principal a ser emprestado na reabertura do mercado de transferências.

Fonte: A Bola

Italianos revelam contactos por Mattia Perin

07.01.15, Benfica 73

O Benfica estará a desenvolver contactos para a contratação do guarda-redes italiano Mattia Perin, a militar no Génova, segundo noticia o site TMW.

A referida fonte explica que as águias entraram já em negociações, mas o objetivo é assegurar o concurso do guarda-redes no próximo verão, tendo em vista a próxima época.

Mattia Perin tem 22 anos e é o habitual titular do Génova, tendo no passado mês de novembro jogado pela primeira vez na principal seleção italiana, diante da Albânia. Tinha, no entanto, já sido o terceiro guarda-redes da squadra azzurra no Mundial-2014.

Fonte: A Bola

«O Benfica é a minha casa»

07.01.15, Benfica 73

enzoperez126201941.jpg

O argentino Enzo Pérez deixou, esta terça-feira, uma longa mensagem de despedida do Benfica. Através da rede social Instagram, o médio, transferido para o Valência por 25 milhões de euros, garante que estará eternamente grato ao clube da Luz.

«Amigos benfiquistas, vivo dias de várias sensações. Sinto a alegria pelo novo desafio que me espera no Valência, mas também a tristeza de deixar o clube que me permitiu chegar à Europa, crescer, ser campeão, ser eleito o melhor jogador da Liga Portuguesa e jogar um Mundial», começa por dizer Enzo, numa mensagem partilhada pela conta da sua mulher.

«Foram três anos e meio fantásticos que nunca esquecerei porque ficarão guardados na minha memória e no meu coração. O carinho que recebi por parte de todos fez-me sentir em casa. E o Benfica é a minha casa, não tenho dúvidas disso. Deixo aqui amigos mais do que companheiros, com os quais conseguimos coisas importantes para o clube e sem o contributo deles teria sido impossível sermos campeões. Conheci um treinador e um corpo técnico que me deu toda a confiança e isso permitiu-me continuar a aprender e ser cada dia um pouco melhor. Não foi fácil no início, mas nunca deixaram de acreditar em mim e isso foi fundamental para regressar e poder render como o Benfica merecia que eu respondesse», referiu o jogador, lembrando que, depois de ser contratado pelo Benfica, foi ainda emprestado ao Estudiantes durante seis meses.

A finalizar, o médio fez questão de distribuir agradecimentos, deixando no ar a possibilidade de um dia regressar: «A todos, equipa técnica, companheiros, adeptos, equipa média, nutricionista e ajudantes resta dizer-lhes adeus. Hoje é impossível dizer se voltarei a ter a oportunidade de vestir a camisola do Benfica, mas mais importante do que isso, posso dizer com muito orgulho que defendi essas cores, que fui campeão e que festejei nesse estádio magnífico.»

Fonte: A Bola