Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Belenenses – Benfica, 0-1 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo e Resumo com Relato (Vídeo)

03.03.14, Benfica 73

O Sport Lisboa e Benfica venceu hoje, domingo, o Belenenses, por 0-1, em partida relativa à 21.ª jornada do Campeonato Nacional. Na deslocação ao Restelo valeu o espectacular golo de Gaitán. Missão cumprida.

A chuva voltou a cair em força assolando a capital de Portugal. Consequência? O relvado do estádio do Restelo tornou-se perigoso, escorregadio e pesado, dificultando a acção dos artistas.

As bancadas, essas, apesar da intempérie, vestiram-se de vermelho rubro, com a “maré benfiquista” a dizer mais uma vez presente no apoio à equipa.

Antes da partida, cumpriu-se, de forma rigorosa, unânime e exemplar, um minuto de silêncio em memória de Mário Esteves Coluna, falecido no passado dia 25 de Fevereiro, aos 78 anos.

 

Apito inicial de Jorge Ferreira e a primeira situação de perigo não se fez esperar, com a bola, depois de vários ressaltos a chegar a Markovic. O sérvio ainda rematou, mas o lance acabou por ser perder.

Chapéu magistral de Gaitán

O mote estava dado e o golo não tardaria. Jogada individual de Nico Gaitán, com o argentino a correr desenfreadamente, a conseguir isolar-se e, com um chapéu perfeito, a fazer o primeiro golo da tarde. Que golaço, mais um com nota artística elevada! O relógio marcava sete minutos e o Benfica cedo construía forma de alcançar o seu objectivo: conquistar mais três preciosos pontos.

Lima, aos 17’, com um grande remate, podia ter feito o 2-0, contudo, viu a bola a passar ligeiramente ao lado dos ferros à guarda de Matt Jones. Aos 23’, belíssima combinação entre Maxi e Enzo Perez, com o defesa, Filipe Ferreira, a cortar in extremis o esférico, salvando o segundo do Benfica.

Em desvantagem, a estratégia ultra defensiva de Marco Paulo caiu por terra, com os homens da Cruz de Cristo a terem de mudar de postura. Agora era preciso abrir espaços, tirar o autocarro da frente da baliza e tentar fazer algo mais para discutir o resultado…

O Benfica, por seu turno, manteve as ideias de jogo e a superioridade “encarnada” nunca se equacionou, apesar de uma gestão de bola mais pensada e pragmática, ao que o estado do terreno não foi alheio.

Gerir para vencer

O reatar da partida trouxe mais do mesmo, mais Benfica, portanto. Rodrigo (47’), Maxi (49’), Garay (55’), Markovic

(77’) e Salvio (85’), tiveram oportunidades para dilatar a vantagem mas os lances não tiveram a melhor sequência.

Referir que, aos 70’, o Belenenses ainda festejou o golo, mas o árbitro assistente prontamente assinalou posição irregular.

Com esta vitória o Sport Lisboa e Benfica mantém-se no topo da tabela classificativa, com 52 pontos, isto quando faltam nove desafios para o final do Campeonato Nacional.

A próxima jornada, a 22.ª, disputa-se no próximo domingo, com o Benfica a receber, no Estádio da Luz, a formação do Estoril, numa partida com apito inicial agendado para as 17 horas.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze inicial: Oblak; Maxi Pereira, Garay, Luisão e Siqueira; Fejsa (Ruben Amorim, 81’), Enzo Perez, Gaitán (Cardozo, 86’) e Markovic; Lima e Rodrigo (Salvio, 66’).

Fonte: SLB

Fotos: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.10153870964030716.1073742003.212504785715&type=1

Veja aqui a ficha do jogo