Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

«Estivemos ao nível do jogo com o FC Porto»

20.01.14, Benfica 73
O treinador do Benfica queixa-se de uma grande penalidade que ficou por marcar a favor dos encarnados na vitória (2-0) sobre o Marítimo, que devolveu a liderança à equipa da Luz.

«O primeiro objetivo é ganhar. Depois, se conseguirmos conciliar uma boa exibição melhor. Durante a primeira parte, estivemos ao nível do jogo que fizemos aqui com o nosso rival FC Porto. Na segunda parte, face ao resultado, é natural que os jogadores controlem mais mas dominámos o jogo. Foi uma vitória bem conseguida», disse Jorge Jesus no final da partida, lamentando uma grande penalidade que ficou por marcar a favor do Benfica:

«Na última semana, foi à andebol [ndr – referindo-se à mão de Mangala na área no jogo com o FC Porto]. Agora, foi uma falta sobre o Markovic que nem amarelo foi.»

Sobre Fejsa, que jogou no lugar do transferido Matic: «Está enquadrado na ideia de jogo da equipa mas é um jogador diferente de Matic. Esteve melhor na primeira parte. Tivemos ainda dois jogadores que durante a semana não trabalharam com a mesma intensidade por alguns problemas físicos, o Markovic e o Rodrigo. Foram substituídos para defender a equipa e os jogadores mas saíram dois elementos que podiam mexer com o jogo nestes últimos minutos.»
Fonte: A Bola

«Estamos muito confiantes»

20.01.14, Benfica 73
Rodrigo, que apontou os dois golos da vitória do Benfica sobre o Marítimo, salienta a confiança que nesta altura invade a equipa encarnada.
«Foi um bom jogo, mais uma vitória para mantermos a liderança. Foi um bom jogo, principalmente na primeira parte. A equipa está bem, muito confiante. Estamos a melhorar cada vez mais», afirmou o avançado em declarações à Benfica TV.
Fonte: A Bola

Benfica – Marítimo, 2-0 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo, Resumo com Relato (Vídeo)

20.01.14, Benfica 73

A equipa de Futebol do Sport Lisboa e Benfica regressou à liderança da tabela classificativa após ter vencido, este domingo, no Estádio da Luz, o Marítimo por 2-0, em jogo da 16.ª jornada da Liga portuguesa. Os golos foram conseguidos por Rodrigo ainda na primeira parte.

Os insulares entraram com a estratégia que se esperava. Linhas recuadas, dois extremos bem abertos para tentarem romper em velocidade até à área contrária. O Benfica, por sua vez, entrou com um 4-4-2 ofensivo e tomou, desde logo, conta das operações, trabalhando o seu Futebol no meio-campo do adversário.

 

Apesar de ter mais posse de bola, a verdade é que a defensiva fechada dos insulares abria poucos espaços e o Benfica ia sentindo dificuldades em furar. À passagem do minuto nove, Markovic, depois de uma jogada individual rematou para defesa de José Sá.

Com este lance percebeu-se que o conjunto da casa iria tentar resolver cedo a contenda e isso comprovou-se em nova oportunidade de golo, desta vez criada por Lima, cujo disparo proporcionou nova intervenção de José Sá (15’). Cheirava a golo na Luz e três minutos depois fez-se a festa nas bancadas da Luz. Rodrigo aproveitou da melhor forma uma má intercepção da defensiva insular, disparou de pé esquerdo e inaugurou o marcador.

A perder, o Marítimo respondeu no minuto 24 obrigando Oblak a dupla intervenção. Primeiro, um remate de Derley, com o esloveno a defender com o peito e na sequência do pontapé de canto, Nuno Rocha cabeceou para nova intervenção.

 

O susto acabou por alertar as hostes “encarnadas” que responderam com o 2-0 aos 35’. Rodrigo e Markovic recuperaram uma bola a meio-campo, o camisola 19 arrancou em direcção à baliza e só com José Sá pela frente aumentou a vantagem.

O descanso chegou com o Benfica a vencer por 2-0 e perspectiva-se mais golos na etapa complementar. Isso não aconteceu, mas os comandados por Jorge Jesus somaram várias oportunidades para ampliar o “score”. Aos 54’, num contra-ataque conduzido por Markovic e Rodrigo não deu golo do hispano-brasileiro por pouco. O remate bateu nas malhas laterais.

Após este lance notou-se a subidas das linhas do Marítimo que se acercou com maior propósito da área benfiquista, sem ter, todavia, criado lances de verdadeiro perigo. Pelo contrário, o Benfica voltou a estar perto do golo aos 67 minutos. Lima recebeu o esférico de Siqueira num lançamento lateral, flectiu para o meio e atirou forte para estirada de José Sá.

 

Havia cada vez mais Benfica e aos 77’, Maxi Pereira cruzou com conta, peso e medida para Enzo Perez que cabeceou à barra. Dois minutos

volvidos, o argentino, num ataque rápido, fez uma excelente abertura para Lima que, na área” permitiu a defesa a José Sá.

Os insulares, fiéis às ideias do contra-ataque voltaram a estar perto do golo por Heldon aos 82’, Mas Oblak opôs-se com uma defesa para o poste.

Com este triunfo, o Benfica alcança a sua oitava vitória consecutiva e passa a somar 39 pontos, cifrando-se como líder isolado da tabela classificativa.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Oblak; Maxi Pereira, Luisão, Garay, Siqueira; Fejsa, Enzo Perez (André Gomes, 90’), Gaitán, Markovic (Ivan Cavaleiro, 88’); Lima e Rodrigo (Ruben Amorim, 73’).

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica

Fotos: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10153722537310716&set=a.10153722536475716.1073741980.212504785715&type=3&theater


Veja aqui a ficha do jogo