Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Aquecem? Aquecidos já estamos todos nós!

09.12.13, Benfica 73
O plantel do Benfica realizou esta segunda-feira, no Seixal, o último treino antes do embate com o Paris Saint Germain, terça-feira no Estádio Luz, decisivo no que ao apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões diz respeito.
Destacaram-se as presenças de Rúben Amorim e Sílvio. O médio e o lateral, recuperados de lesão, começaram por realizar o aquecimento com o grupo, perspetivando-se como “reforços” para a equipa comandada por Jorge Jesus que teve 26 jogadores à disposição.
De fora continuam Salvio, Siqueira e Cardozo, todos no ginásio a recuperar dos respetivos problemas físicos.
No final da sessão, Jorge Jesus regressa às salas de imprensa para fazer a antevisão ao encontro com o Paris Saint Germain.
Fonte: A Bola

Ainda acreditam?

09.12.13, Benfica 73
O Benfica tem poucas possibilidades de seguir em frente na Champions - tem de fazer melhor resultado do que o Olympiakos, nesta última jornada, o que significa que mesmo a vitória sobre o PSG pode não chegar, caso os gregos vençam, em Atenas, o Anderlecht -, mas até ao lavar dos cestos é vindima, pelo que os jogadores encarnados não se rendem. 

«A vitória em Bruxelas foi muito importante, deixou-nos muito contentes. Não foi fácil, mas demos o nosso melhor e jogámos em equipa todo o jogo. Podíamos ter mais pontos nesta altura, mas é futebol. Estamos empatados com o Olympiakos e ainda podemos qualificar-nos, nunca se sabe», vincou Matic, 25 anos, em declarações ao programa Magazine da Champions. 

Também o guarda-redes Artur, 32 anos, mantém a fé na qualificação para os oitavos de final. «Temos de dar o nosso melhor para vencermos o PSG em casa, e depois veremos o que acontece no outro jogo. Damos sempre 200 por cento, independentemente do local onde vai realizar-se a final, mas claro que, sendo em nossa casa, todos sonhamos com isso. É difícil, temos de ser praticamente perfeitos...», analisou, lamentando as condições climatéricas que condicionaram o jogo com o Olympiakos, no Estádio da Luz (1-1). 

Segundo o camisola 1 da equipa de Jorge Jesus, a equipa até teve um «bom desempenho», mas a «forte chuvada» foi determinante. «Não havia condições para jogarmos futebol.»
Fonte: A Bola