Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Benfica B vence Oliveirense (4-3) em jogo com final dramático (com Vídeo)

24.11.13, Benfica 73
O Benfica B venceu este sábado a Oliveirense por 4-3, no Seixal, na partida inaugural da 16.ª jornada da Liga 2.
Bernardo Silva, aos 5 minutos, e Hélder Costa, perto da meia hora de jogo, construíram vantagem de dois golos para os encarnados, que viram Rui Lima reduzir para os visitantes ao minuto 38.
André Gomes, com um ´disparo` de meia distância, repôs em dois golos a vantagem da formação orientada por Hélder Cristóvão, fixando em 3-1 o resultado ao intervalo.
A Oliveirense não se entregou e logrou chegar à igualdade na etapa complementar, graças a um ´bis` de Guima. O avançado português fez balançar as redes aos 46 e 62 minutos.
Quando o empate se afigurava o resultado final, Sancidino Silva, à passagem do minuto 87, desviou de cabeça um cruzamento de João Cancelo e sentenciou o triunfo das águias.
O triunfo sorriu ao Benfica mas podia ter caído para o lado da Oliveirense. Com efeito, a formação nortenha desperdiçou uma grande penalidade a seis minutos dos 90, a castigar mão na bola de Hélder Costa - o lateral receberia ordem de expulsão.

Fonte: A Bola

Reagiu mal à substituição - Deem-lhe abusos!

24.11.13, Benfica 73
Castigado, o treinador do Benfica, Jorge Jesus, assistiu ao encontro com o SC Braga - o primeiro de uma suspensão de 30 dias que o obrigará a estar longe do banco dos suplentes em outros três desafios de campeonato - num camarote na zona superior da tribuna presidencial do Estádio da Luz.

Na companhia do técnico esteve o administrador e diretor-desportivo do Benfica, Rui Costa, que não terá gostado, tal como Jesus, do momento em que Lazar Markovic foi substituído. 

O sérvio não ficou agradado por ver o seu número na placa e deixou o relvado visivelmente irritado, ao ponto de ter feito um gesto de desagrado, levantando o braço direito quando passava junto de Raul José.

No final da partida, porém, o homem que substituiu Jesus no banco dos suplentes do Benfica e Markovic acabaram por cumprimentar-se, ainda no relvado, procurando resolver logo ali a situação, que ficou gravada nas imagens da Benfica TV, que transmitiu o encontro. 
Fonte: A Bola

Benfica - SC Braga, 1-0 - Rescaldo, Fotos, Ficha de Jogo, Resumo com Relato (Vídeo)

24.11.13, Benfica 73

A equipa de Futebol do Sport Lisboa e Benfica enfrentou, este sábado, no Estádio da Luz, o SC Braga, em jogo a contar para a 10.ª ronda do Campeonato Nacional, onde triunfou por 1-0, com golo obtido por Matic.

Numa partida que começou como o tempo, fria, notou-se um estudo mútuo entre os dois emblemas dificultando algum rasgo que pudesse existir nos artistas de cada um dos lados. O pontapé no marasmo que assolou os primeiros minutos no relvado da Luz foi dado por Éder. O avançado rematou forte à barra de Artur Moraes, sendo que o guardião ainda lhe tocou.


Este pequeno susto mexeu com as hostes benfiquistas que decidiram, de momento, pegar nas incidências da partida, com especial destaque aos 21 minutos, onde Lima tentou, numa iniciativa individual, romper a muralha minhota, mas Eduardo chegou primeiro. Este lance foi confirmado nos minutos subsequentes com maior posse de bola dos "encarnados" que foram tentando à esquerda, à direita ou ao meio abrir brechas numa defesa muito fechada e que pouco ou nada deixava jogar entre linhas.

À passagem do minuto 37, Gaitán marcou um livre, o esférico sobrou para Matic que rematou, a bola passou pelo emaranhado de pernas e saiu um tudo-nada ao lado da baliza defendida por Eduardo. Estava dado o mote e Siqueira, quatro minutos volvidos, tentou a sua sorte, mas a bola voltou a passar ao lado do poste.

Ao intervalo, o nulo acabava por se justificar, pois apesar de ter havido mais Benfica, a verdade é que teve bastantes dificuldades para ultrapassar uma defesa que se apresentou cerrada na Luz. Tirado a papel químico do primeiro tempo, também na etapa complementar foi o SC Braga a criar mais perigo. Rafa rematou à barra da baliza de Artur aos 48'. O conjunto da casa respondeu, cinco minutos depois, com um remate por cima de Markovic depois de boa jogada colectiva.

 

O minuto 65 acabou por ser importante naquilo que mexeu com o jogo. Ivan Cavaleiro entrou em campo, impôs a

sua velocidade, os "arsenalistas" sentiram maiores dificuldades e aos 69', o jovem luso combinou bem com Siqueira e rematou para estirada de Eduardo. A Catedral animava-se e percebia-se porquê: cheirava a golo, cheirava a festa, numa alusão clubística à célebre música de Amália Rodrigues "Cheira a Lisboa". A certeza chegou pelo pé esquerdo de Matic aos 72 minutos. O sérvio recuperou a bola ainda no meio-campo bracarense, cavalgou para a área e à entrada desta disparou cruzado e bateu Eduardo. Defraudavam-se os cachecóis na Luz.

A perder, o SC Braga subiu no terreno e o perigo saiu dos pés do inevitável Éder que, aos 84', disparou com Artur a sacudir para canto.

Até final, o Benfica aguentou a vantagem de um tento, permitindo passar a somar 23 pontos na tabela classificativa, dias antes de se deslocar a Bruxelas para mais um jogo referente ao Grupo C da Liga dos Campeões.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur Moraes; Sílvio, Luisão, Garay, Siqueira (André Almeida, 78'); Matic, Enzo Perez, Djuricic (Rodrigo, 59'), Gaitán, Markovic (Ivan Cavaleiro, 65') e Lima. 

Fonte: SLB
Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=169707

Fotos: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10153515666270716&set=a.10153515665820716.1073741953.212504785715&type=1&theater