Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Treinador VP responde a LFV

12.12.12, Benfica 73

O treinador do FC Porto considera que o campeonato não ficará decidido no confronto direito com o grande rival Benfica e reagiu às declarações do presidente do Benfica recordando o jogo com o Vitória de Guimarães.
«Pressão para o clássico? O jogo ainda vem longe [13 de janeiro] mas já sinto que está a mexer com a cabeça das pessoas. Até lá, há jogos para ganhar. E não sou da opinião que o campeonato se vá decidir na disputa direta entre Benfica e FC Porto porque qualquer adversário tem capacidade para tirar pontos a uma e outra equipa», disse Vítor Pereira em conferência de Imprensa, onde reagiu às declarações do presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, que, após o derby com o Sporting, falou «numa equipa» que joga com «dois guarda-redes».
«Em matéria de grandes penalidades, tocar a bola com ou sem intenção, estando próximo ou não, é uma regra complicada. Recordo um jogo, para mim, emblemático entre Benfica e Guimarães, em que a bola batia na cabeça e era penalty a favor do Benfica, batia nas costas e era penalty a favor do Benfica, batia na coxa, penalty para o Benfica... esse jogo não esqueci. Às vezes, acontecem contra nós, outras a favor, porque não é uma regra fácil.»

Fonte: A Bola

Barcelona vence em Córdoba com novo «bis» de Messi (2-0) - Com vídeo

12.12.12, Benfica 73
O Barcelona confirmou o favoritismo no terreno do Córdoba e venceu a equipa que milita na 2.ª Liga espanhola por 2-0. Messi voltou a ser a figura, apontando os dois golos do triunfo «blaugrana».
O avançado argentino, que marcou aos 11 e 74 minutos da partida, passou a somar 88 golos apontados ao longo de 2012.
O Barcelona fica assim com a passagem aos quartos de final bem encaminhada, tendo de confirmar a vantagem no encontro da segunda mão, a realizar em Camp Nou.

«Este Benfica só perdia em Alvalade se jogasse com os juniores»

12.12.12, Benfica 73
Eusébio é uma das figuras presentes na Gala de Solidariedade «A Vida de um Vinho», que tem lugar esta noite na Casa Ermilinda Freitas, em Fernando Pó, Palmela.
À margem do evento, Eusébio mostrou-se muito agradado com a vitória do Benfica no derby da passada segunda-feira e, em declarações à comunicação social, afirmou mesmo que os encarnados só perderiam em Alvalade se apresentassem na equipa titular... os juniores.
«Claro que fiquei muito feliz pelo Benfica ter ganho. Eu sou do Benfica, querias o quê? E é claro que esperava ganhar. Aliás, este Benfica só perdia em Alvalade se jogasse com os juniores», afirmou, sem rodeios, Eusébio.
Além do Pantera Negra, também o selecionador nacional, Paulo Bento, faz parte das figuras presentes na Gala de Solidariedade. Ainda assim, o treinador já afirmou que não falaria de futebol esta noite.
Maria Cavaco Silva, Maria João Avillez, Daniel Sampaio e José Fonseca e Costa são outros dos nomes presentes no evento em Palmela.
Fonte: A Bola

«Cardozo está a cumprir aquilo para que foi contratado»

12.12.12, Benfica 73

Primeiro treinador de Óscar Cardozo no Benfica, corria a época 2007/08, Fernando Santos não se mostra surpreendido com a capacidade goleadora do avançado paraguaio, de águia ao peito.
«Sabíamos que ele seria contratado para fazer golos, fazia regularmente mais de 20 golos por época e reunia todas as condições para aquilo que o Benfica precisava na altura. O Miccoli ia sair, tínhamos só com Nuno Gomes e Cardozo apresentava todas as características para dar resposta ao que nós precisávamos», explica o atual selecionador da Grécia, em declarações àAntena 1.
«Está a cumprir em absoluto aquilo para que foi contratado e tem sido potenciado por Jorge Jesus», realça Fernando Santos, que desvaloriza a relação de amor/ódio do avançado com os adeptos encarnados: «Há quem goste das suas características e quem não goste. O futebol é mesmo assim».

Fonte: A Bola

«Benfica é candidato a vencer a Liga Europa»

12.12.12, Benfica 73

A Liga Europa é uma realidade mais do que consumada para o Zenit, equipa russa que ficou no 3.º posto do Grupo C da Champions, atrás de Málaga e Milan. Só que a equipa que conta com Bruno Alves, Danny, Axel Witsel e Hulk não está sozinha na corrida por uma prova que arrecadou na temporada 2007/08, ainda com a designação de Taça UEFA.

Fonte: Record

«Sou um líder por natureza. Com 21 anos, era capitão no Benfica»

12.12.12, Benfica 73
Com John Terry lesionado, o defesa-central brasileiro David Luiz diz-se pronto para envergar a braçadeira de capitão do Chelsea no Mundial de Clubes.
«Com 21 anos, era capitão no Benfica. Conheço a minha personalidade, sou um líder por natureza. Por isso, sei o que quero. Neste momento, com os líderes de muitos anos fora do clube, preciso de assumir a responsabilidade e ajudar os mais novos», disse David Luiz citado pela Sky Sports.
«Não tenho problemas em assumir a responsabilidade nos maus momentos. Costumo dizer que tenho os ombros largos e posso receber responsabilidade extra. Gosto disso e quero isso. Assim, os outros jogadores podem ir a jogo calmos e com a cabeça fria», atirou.
Fonte: A Bola

Cardozo apenas a 3 golos

12.12.12, Benfica 73
Óscar Cardozo tem duas boas razões para fazer três golos ao Marítimo, no próximo fim de semana (sábado, 20.30 horas), quando os madeirenses visitarem o Estádio da Luz. 
E são razões suplementares, que não se prendem com os habituais desideratos, fazer golos para ajudar a equipa a conquistar os três pontos. 
O goleador paraguaio de 29 anos regista 97 golos no Campeonato com a camisola do Benfica, marca que atingiu em 144 partidas, e nesse capítulo reside uma das particularidades do encontro para o ponta de lança.

A outra situação está relacionada com um assunto que, pode dizer-se, está na moda, muito por culpa de Lionel Messi e Gerd Muller. O número de golos apontados num ano civil. Para o génio argentino do Barcelona são já 86, destronando o goleador germânico que deixou o recorde em 85 remates certeiros precisamente há 40 anos, 1972. O bis de Messi ao Bétis, e não ao Benfica, como muitos adeptos encarnados temiam, permitiu bater uma marca de quatro décadas e muito prestígio. 
Pois Cardozo está na mesma corrida, mas em termos pessoais. Por duas vezes, no Benfica, atingiu o registo de 32 golos apontados num ano civil, 2009 e 2011. Em 2007, quando chegou à Luz (no verão), apontou 20, depois, em 2008, mais 14, naquele que foi o ano menos produtivo. Em 2010, 26, e em 2012, com dois jogos ainda por fazer (havendo, ainda, a possibilidade de agendamento de jogos da Taça de Portugal e da Taça da Liga), já festejou por 30 ocasiões, estando, então, a três golos de bater a melhor marca.

Em termos internacionais, uma comparação com alguns dos melhores goleadores que atuam na Europa mostra que o ponta de lança internacional paraguaio detém números interessantes. Messi (86) e Cristiano Ronaldo (60) são de outra galáxia, depois encontramos Radamel Falcao, do Atlético de Madrid, com 47 golos em 2012, Zlatan Ibrahimovic, do Paris Saint Germain, com 38, Van Persie, do Manchester United (e com golos também marcados ao serviço do Arsenal), com 32, e, finalmente, Wayne Rooney, do mesmo clube, com 30.
No que à centena de golos no Campeonato diz respeito, refira-se que Óscar Cardozo tem um competidor à altura, dado que João Tomás, atualmente ao serviço do Rio Ave, regista 101 golos marcados, sendo o goleador em atividade que primeiro conseguiu chegar aos três dígitos.
Fonte: A Bola