Dezembro 11 2011

Marítimo 0 - 1 Benfica

A equipa de futebol profissional do Sport Lisboa e Benfica deslocou-se este domingo ao estádio dos Barreiros para defrontar o Marítimo na ressaca da conquista do 1.º lugar na fase de grupos da Liga dos Campeões, onde triunfou por 0-1. Na partida referente à 12.ª jornada, o treinador do “encarnados”, Jorge Jesus, não pôde contar com Gaitán e para o seu lugar entrou Rodrigo Moreno.

 

O encontro antevia-se equilibrado e foi isso mesmo que aconteceu nos primeiros 45 minutos com muita disputa a meio-campo e bola repartida entre os dois emblemas.

 

Todavia, foi o Benfica a primeira equipa a criar perigo por intermédio de Rodrigo Moreno. À passagem do minuto 13, o jovem internacional espanhol trabalhou bem perante o defensor dos “verde-rubros”, flectiu para dentro da área e rematou, mas o esférico saiu ao lado da baliza de Peçanha. Três minutos depois, de novo o perigo a rondar a baliza do Marítimo. Canto a favorecer as “águias” e Garay, sozinho na área, cabeceou muito perto do poste do guardião maritimista.

 

A melhor oportunidade de golo na primeira parte pertenceu ao conjunto da Luz. Estavam decorridos 32 minutos de jogo quando Witsel e Maxi Pereira “inventaram” uma excelente jogada de entendimento com este último a fazer um “passe de morte” para Cardozo que, com a baliza deserta, atirou ao lado.

 

Referir que a primeira meia hora do desafio foi muito acutilante com os comandados de Jorge Jesus a mandarem e a terem as melhores oportunidades de golo, mas o intervalo chegou com o nulo no marcador.

 

A etapa complementar começou com a expulsão de Olberdam. O relógio marcava 46 minutos, quando o número 13 dos insulares cometeu uma falta dura sobre Maxi Pereira. Como já tinha visto o cartão amarelo, o árbitro Jorge Sousa não teve outra opção que não mostrar o segundo amarelo e dar ordem de expulsão ao jogador do Marítimo. A partir desse momento, os pupilos orientados por Pedro Martins desistiram de atacar e colocaram o “autocarro” à frente da baliza.

 

Os minutos foram passando com o desafio a mostrar que somente uma equipa quis ganhar: o Benfica. Chegado o minuto 83 e já com Nolito em campo, o espanhol tem a oportunidade de inaugurar o marcador com um remate de primeira, mas Peçanha sacudiu para canto.

 

Na sequência do pontapé de canto, os “encarnados” chegam ao golo. Minuto 85, Jardel rematou para defesa do guardião do Marítimo por instinto, a bola sobra para Nolito que fez um passe milimétrico para Cardozo, com este a encostar para o primeiro tento na partida. Estava feita justiça num encontro em que apenas uma equipa quis ganhar, provando que a derrota na taça nos Barreiros frente a este mesmo Marítimo foi um acto isolado numa campanha a todos os níveis notável.

 

As “águias” voltam a jogar na próxima sexta-feira, dia 16 de Dezembro, no estádio da Luz perante o Rio Ave, num jogo alusivo à 13.ª ronda do campeonato nacional.

 

O Sport Lisboa e Benfica apresentou o seguinte onze: Artur, Maxi Pereira, Jardel, Garay, Emerson, Javi García, Witsel (Saviola, 67´), Bruno César, Aimar, Rodrigo Moreno (Nolito, 81´) e Cardozo (Ruben Amorim, 87´).

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 23:30

Dezembro 11 2011

publicado por Benfica 73 às 22:53

Dezembro 11 2011

Jorge Jesus confirmou este sábado que Gaitán vai mesmo ficar de fora do jogo com o Marítimo, no domingo, às 20 e 15. O extremo argentino tem um estiramento músculo-tendinoso, lesão contraída no jogo da Liga dos Campeões com o Otelul Galati.

"Ele não recuperou, vai ficar fora da convocatória. Há várias soluções para o substituir que, de certeza, irão fazer um bom jogo", afirmou o treinador em conferência de imprensa.

Fora da convocatória, como esperado, está também Luisão. "Não tenho a certeza, mas espero que no próximo jogo, com o Rio Ave [13.ª jornada], ele já seja uma hipótese".

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 19:49

Dezembro 11 2011

Quase um quarto dos jogadores convocados por Jorge Jesus para o embate com o Marítimo são avançados. O técnico chamou 21 jogadores para o jogo de hoje, dos quais cinco têm características de área, como são os casos de Cardozo, Rodrigo, Saviola,Nélson Oliveira e Rodrigo Mora.

Com Tacuara a partir na linha da frente para ocupar a posição mais atacante, é certo que nem todos os restantes terão direito a lugar no banco, mas a convocatória não deixa de ser atípica, tratando-se de um jogo fora e num campo onde as águias perderam há pouco mais de uma semana.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 19:21

Dezembro 11 2011

Foi há nove dias que o Benfica de Jorge Jesus sofreu a primeira derrota da temporada (2-1). O Marítimo, adversário desta noite, colocou as águias fora da Taça de Portugal, num palco que servirá de cenário ao embate da Liga, que a formação lisboeta não quer perder, sob pena de se afastar da liderança da prova.

Ora, para que o Estádio dos Barreiros não se transforme no fantasma da temporada encarnada, os jogadores de Jorge Jesus estão proibidos de cometer erros idênticos aos da última deslocação ao Funchal. Se uns ficam no segredo do balneário, outros há que foram públicos e, por isso, mereceram uma palavra por parte do treinador da equipa da Luz.

A finalização, ou a falta dela, neste caso, foi um dos pontos focados pelo responsável técnico benfiquista. Na memória de Jorge Jesus ficaram três lances, todos na segunda parte, que podiam ter dado golo. Agora, há que “melhorar alguns aspetos.”

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 16:54

Dezembro 11 2011

O Marítimo-Benfica de hoje reserva um duelo particular entre dois dos melhores finalizadores desta Liga Zon Sagres e também dos últimas épocas do futebol português. Baba, líder da tabela de goleadores com 9, contra Cardozo, habitual melhor marcador das águias, com 6 golos.

Para o avançado dos verde-rubros a noite pode ser especial. Celebra o seu 100.º jogo na Liga e pode representar uma estreia e também um adeus. Estreia, porque Baba nunca marcou ao Benfica, já festejou contra os outros grandes mas nunca contra as águias, e já alinhou 7 vezes. Despedida, no sentido de esta poder ser a sua última oportunidade para o fazer pois, provavelmente, deixará o Marítimo no mercado de inverno – o presidente Carlos Pereira admite novas negociações com os escoceses do Celtic.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 16:42

Dezembro 11 2011

Anda nas bocas do mundo o futuro de Enzo Pérez. O argentino e o Benfica, no entanto, não parecem estar em sintonia.
O extremo argentino, uma das contratações mais badaladas da pré-época, sofreu uma lesão no arranque da temporada e tem visto a sua afirmação com as cores das águias adiada, querendo, aparentemente, regressar ao seu país natal e ao Estudiantes.

«Falei com o presidente do Benfica e também comentei a situação com o treinador. O melhor para mim é regressar ao país, quero voltar ao Estudiantes. Em Portugal senti que me faltou o apoio que tinha na Argentina, lá respeitavam-me dentro de campo e tratavam-me bem fora dele», disse o argentino, ao programa de rádio El Equipo Deportivo, garantindo ter já falado com Luís Filipe Vieira e Jorge Jesus.

O treinador encarnado, no entanto, garantiu ontem, na antevisão do jogo com o Marítimo, que conta com Pérez, e que o extremo deve apenas concentrar-se no Benfica e na sua recuperação.

«O Enzo foi um dos jogadores que pedi para ser contratado e mantenho a confiança nele. Agora está lesionado. Lesionou-se, infelizmente para ele e para mim, pois sempre considerei que ele ia ser um jogador nuclear na equipa. É triste para ele, mas tem de saber suportar estas fatalidades inerentes à profissão. O que tem de pensar é em recuperar o mais rapidamente possível, porque a equipa quere-o, o treinador quere-o, o presidente quere-o. Toda a gente o quer aqui de corpo inteiro», referiu, garantindo não entender as alegações do atleta.

«O Benfica tem-lhe dado todas as condições clínicas e profissionais para poder estar extremamente satisfeito. Tenho conversado com ele e o presidente também já conversou com ele. Melhor do que ninguém, Enzo Pérez é que tem que de explicar. Eu não percebo o que ele quer dizer!», afirmou o técnico.
Apesar disso, deixa uma ressalva: «Mas quem manda nos jogadores é o presidente, não o Jorge Jesus».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 16:31

Dezembro 11 2011

José Mourinho diz que a derrota com o Barcelona se explica em grande parte pelo factor sorte, que sorriu ao Barcelona e virou as costas ao Real Madrid.
«O resultado é consequência do que é o futebol: um jogo em que os detalhes fazem a diferença e no qual a sorte joga um papel importante», argumentou o treinador português.

«Podíamos ter marcado o segundo golo quando vencíamos por 1-0. Em circunstâncias normais um jogador fantástico como Cristiano teria marcado e, com 2-0, a história era outra», assinalou.

«Foi uma primeira parte muito equilibrada. O segundo golo é pura sorte, não é talento deles nem erro nosso. Depois, podíamos ter feito o 2-2. Ficou a ideia de que a bola entrou, mas não entrou. Eles ficaram em supremacia psicológica por estarem em vantagem e trocaram a bola como gostam de fazer. O 3-1 é consequência da sua tranquilidade. Podíamos ter feito o 2-3, num lance que não é mérito do guarda-redes mas pura sorte. Sem querer tirar mérito, a sorte fez a diferença», constatou Mourinho.

O treinador português referiu-se ainda ao lance entre Lionel Messi e Xabi Alonso, argumentando que o jogador argentino devia ter sido expulso.
«Pareceu-me que Messi devia ter sido expulso, mas até ver as imagens nada direi para não ser injusto. O árbitro estava próximo e eu vi o lance a 40 metros», ressalvou.

José Mourinho delegou em Karanka a antevisão do clássico com o Barcelona, porém, o treinador do Real Madrid fez questão de marcar presença na conferência de Imprensa que se seguiu à derrota com o rival, no Santiago Bernabéu.

«Estou aqui porque a minha equipa perdeu, não queriam que fosse o meu adjunto a falar depois de uma derrota... Quando ganhamos não há que representar o clube nem dar a cara. Depois de uma derrota, era impossível que não fosse eu a vir a público», argumentou.

Mourinho analisou também o seu pecúlio diante da equipa catalã.
«Eles ganharam mais jogos do que nós e, numa análise pragmática, conclui-se que quem ganha mais vezes é melhor que o adversário. Mas o tempo passa e esquecemo-nos da expulsão de Pepe, do golo anulado a Higuaín... O jogo que vencemos foi uma final [n.d.r. da Taça do Rei] e uma final vale mais que jogos como este, na medida em que a competição continua, não se decide apenas num jogo. Se tivesse de escolher um jogo para ganhar, escolheria esse porque nos deu um título. Eles ganharam mais jogos do que nós e foram mais fortes», declarou.

Confrontado com os assobios dirigidos a Cristiano Ronaldo por parte de alguns adeptos do Real Madrid durante o clássico, Mourinho desvalorizou: «Estou no banco e não tenho tempo para prestar atenção a esse tipo de coisas». 

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 14:49

Dezembro 11 2011

O Manchester United pode fazer chegar à Luz nos próximos dias uma proposta de 42 milhões de libras (mais de 49 milhões de euros) para tentar garantir o concurso de Nico Gaitán e Javi García, já em janeiro. A notícia foi avançada pelo jornal “The Independent” e já teve repercussão pela globalidade da imprensa inglesa.

Segundo escreve a publicação britânica, o extremo argentino é a prioridade número um de Alex Ferguson para reforçar os red devils, depois de um início de época desastroso que culminou com a eliminação da Champions, num grupo onde estava inserido o Benfica.

Apesar de Gaitán ser o mais desejado, o United também tem muito interesse no jogador espanhol, pois o meio-campo é a zona do terreno que mais precisa de reforços.

O objetivo de Ferguson é evitar que outros pretendentes se cheguem à frente, principalmente no caso do ex-Boca, que é um desejo antigo, isto apesar do Benfica não querer libertar nenhuma das suas joias no mercado de inverno.

O Man. United esteve em Portugal para observar os dois atletas nas partidas dos encarnados frente a Naval, para a Taça, e Sporting, para a Liga, e confirmou as boas impressões que já tinha.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:50

Dezembro 11 2011

Com a vitória sobre o Otelul Galati, o Benfica reforçou o seu estatuto de equipa com o melhor contributo para o ranking da UEFA nesta temporada 2011/12. 
Na época em curso, o Benfica tem a maior parcela no total de pontos das equipas portuguesas: os encarnados somam 21 pontos (três das pré-eliminatórias, quatro pelo apuramento para a fase de grupos, nove nos jogos do grupo C e mais cinco de bónus pela passagem aos oitavos), contra dez do F.C. Porto e 9,5 do Sporting.

Fonte: MaisFutebol

publicado por Benfica 73 às 13:27

Dezembro 11 2011

Vanessa Fernandes surgiu na Festa do Triatlo, em Montemor-o-Velho, acompanhada por um dos psicólogos que integram a equipa que segue a sua recuperação e foi após a permissão dele que falou ao nosso jornal revelando, a sete meses do evento, que os Jogos Olímpicos de Londres não são uma prioridade.

“O meu objetivo neste momento é aquilo em que estou agora envolvida, que é encontrar-me comigo dia a dia. Se conseguir pontos para ir aos Jogos Olímpicos, isso será um bónus. Estou a sentir-me bem e neste momento tento harmonizar o equilíbrio entre corpo, mente e a alma.”

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:11

Dezembro 11 2011
Barcelona derrotou o Real Madrid por 3-1. Aléxis Sanchéz, Xavi e Fàbregas fizeram os golos dos blaugrana. Ao Real Madrid de nada valeu o golo madrugador de Karim Benzema.
Intenso e jogado até aos limites. Foi assim o Clássico entre Real Madrid e Barcelona, relativo à 16.ª jornada da Liga espanhola. Depois de uma primeira parte dominada pelo Real Madrid, o Barcelona ressurgiu na etapa complementar e impediu o 16.º triunfo consecutivo do rival de Madrid. 
A equipa da casa entrou na partida literalmente a vencer. Logo aos 22 segundos, Karim Benzema aproveitou da melhor forma um erro grosseiro de Victor Valdês para colocar a equipa anfitriã em vantagem. 
O guarda-redes chutou a bola contra Di Maria, que a endossou para o remate de Ozil, a bola embateu em Busquets e sobrou para Benzema, que fez o mais fácil. 
Manietado pela forte pressão do meio-campo do Real Madrid, o Barcelona demorou a reagir. 
Porém, e numa altura em que a equipa de José Mourinho controlava a partida, os catalães chegaram ao empate. Cavalgada de Messi, que depois de ter fugido a três adversários, assistiu Alexis Sanchéz, que logrou o empate com um remate rasteiro à passagem dos 30 minutos.
A equipa da casa não acusou o golo do empate e poucos minutos volvidos podia ter chegado, novamente, à vantagem mas Victor Valdés defendeu o míssil de Cristiano Ronaldo. 
Barcelona mais forte na segunda parte
A equipa de Pep Guardiola entrou na segunda parte com mais posse de bola e consolidou esse domínio com dois golos. Xavi, com muita sorte à mistura, fez o 1-2 e Cesc Fàbregas à passagem do minuto 66 dilatou a vantagem blaugrana. Um minuto antes, Cristiano Ronaldo, sem oposição, falhou o empate.
Com este triunfo, os catalães passam a ter 37 pontos, os mesmos que o rival merengue, que tem um jogo a menos.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 12:26

Dezembro 11 2011

O Benfica somou este sábado a 11.ª vitória em igual número de jogos no campeonato nacional de voleibol, batendo o Vitória, em Guimarães, por 3-1 (20-25, 25-22, 17-25, 27-29).
Os encarnados lideram a classificação com 33 pontos, mais cinco que o Sp. Espinho, que hoje recebeu e venceu o Vilacondense, por 3-1.
Resultados: 
Sp. Espinho - Vilacondense, 3-1 (25-21, 22-25, 25-17, 25-17) 
Ac. Espinho - Caldas, 3-0 (25-15, 25-21, 25-18)
Marítimo - Esmoriz, 3-1 (25-20, 19-25, 25-23, 25-14)
V. Guimarães - Benfica, 1-3 (20-25, 25-22, 17-25, 27-29)
Fonte Bastardo - Leixões, 3-1 (18-25, 29-27, 25-22, 25-19)
Classificação:
1. Benfica 11 jogos/ 33 pontos
2. Sp. Espinho 11/ 26
3. Fonte Bastardo 11/ 25
4. Castêlo da Maia 11 / 24
5. V. Guimarães 10 / 18
6. Leixões 11/ 16
7. Vilacondense 11/ 15
8. Ac. Espinho 10 / 14
9. Caldas 11/ 12
10. Marítimo 10 / 6
11. Esmoriz 10 / 3
12. Machico 11/ 0

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 11:59

Dezembro 11 2011

Javi García regressa amanhã ao Funchal na condição de titular, após não ter saído do banco no anterior encontro com o Marítimo, referente à Taça de Portugal e que culminou com a eliminação do Benfica.

O espanhol, de 24 anos, tem como missão blindar a zona central do meio-campo, zona essa que foi muitíssimo bem explorada pelo conjunto madeirense, que aí construiu os dois golos que tombaram a formação lisboeta. Jorge Jesus optou, nessa partida, por atribuir a proteção do perímetro a Matic, mas este acabou por não dar conta do recado.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:21

Dezembro 11 2011
A equipa de futsal empatou este sábado com o Sporting, em encontro da 16.ª jornada do campeonato nacional. Foi uma partida marcada por uma série de erros da equipa de arbitragem e que influenciaram claramente o resultado final (1-1).

Numa partida em que contou com o forte apoio dos adeptos no Pavilhão Império Bonança, o Benfica foi claramente superior ao rival durante toda a partida, no entanto, não teve a sorte do seu lado, além de se ter deparado com uma arbitragem desastrosa.
De entre todos os lances, o mais prejudicial foi o golo mal anulado a César Paulo na primeira parte. Faltavam sete minutos para o final e o Benfica estava numa fase ascendente na partida. Basta dizer que logo a seguir Bruno Coelho acertou na barra.

Contra a corrente de jogo, o adversário conseguiu marcar e ir, assim, a vencer para o intervalo. O golo foi apontado por Paulinho (17’).

 No segundo tempo, o Benfica continuou a ser prejudicado pela arbitragem e a esbarrar nas defesas do guarda-redes João Benedito, um dos elementos que também não permitiu que a equipa tenha conseguido um resultado diferente. 

Ainda assim, Joel Queirós conseguiu o golo do empate quando faltavam 11 minutos para o final do segundo tempo.
Apesar deste resultado, o Benfica continua no topo da tabela classificativa da competição, mas agora com 44 pontos.

Fonte: A Bola / SLB
publicado por Benfica 73 às 10:50

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 10:00

Dezembro 11 2011

Felipe Menezes não quer regressar ao Benfica. O médio, que está emprestado ao Botafogo até ao Verão, quer continuar no clube, embora não tenha conseguido agarrar ainda um lugar definitivo no onze titular da equipa. Participou em 22 jogos no Brasilerão, mas só 11 como titular. 
«Não penso em voltar à Europa, sinceramente. O meu objectivo é ficar aqui no Botafogo. Ainda tenho seis meses de contrato e quero continuar depois por mais tempo. Estive lá fora, vi a realidade de um clube grande, mas o futebol não perde em nada, só na organização», afirmou o benfiquista à Rádio Brasil. 
Felipe Menezes: «Aimar é uma referência para mim»
O Botafogo começou muito bem o campeonato, mas a recta final foi péssima e o clube não conseguiu o apuramento para a Taça Libertadores. Agora já se fala em reforços e Felipe Menezes entende isso. 
«Se o clube tem como objectivo conquistar títulos tem de se reforçar. Tem de haver concorrência pelos lugares, não há problema. No início do ano, todos começam ao mesmo nível e terão oportunidades de mostrar trabalho. Estou preparado para assumir a responsabilidade. Quando o Botafogo precisou de mim, ajudei», concluiu.

Fonte: MaisFutebol

publicado por Benfica 73 às 09:52

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 09:28

Dezembro 11 2011

O Benfica volta a defrontar hoje o Marítimo, na Madeira, depois de ter sido eliminado da Taça de Portugal precisamente pelo mesmo adversário e no mesmo palco, e jogará pressionado pelos resultados ontem alcançados pelos seus mais directos adversários na luta pela conquista do campeonato. 

O FC Porto venceu o Beira-Mar e pode hoje, caso o Benfica não consiga trazer do Funchal três pontos, isolar-se na liderança da Liga. 
Por outro lado, o Sporting também fez bem o seu papel, recebeu e venceu o Nacional, numa clara demonstração de força e de que realmente está num belo momento de forma, e pode, mais uma vez caso o Benfica não vença o seu jogo, aproximar-se ainda mais do segundo e do primeiro lugares da prova. 

O leão tem agora 26 pontos e está a apenas um do Benfica... 
É portanto um Benfica com um peso enorme nas costas que hoje entrará em campo para defrontar um adversário que quebrou, na Taça, a invencibilidade da águia nesta época, ao fim de 22 jogos oficiais. 
E jogar na Madeira, para a Liga, é sinónimo de dificuldades: em 31 confrontos, seis derrotas e 12 empates...

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 08:37

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 07:38
Tags:

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 01:28

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 01:14

Dezembro 11 2011

Oblak, Elvis, André Almeida e Shaffer poderão abandonar Leiria em Janeiro, na reabertura do mercado de transferências, e rumar a outro emblema nacional. 
O quarteto foi emprestado ao emblema do Lis no início da época, tendo os encarnados considerado que se tratava de um clube que poderia dar as condições ideais para a evolução destes atletas. No entanto, os leirienses têm vindo a conhecer algumas dificuldades financeiras, a ponto de jogadores como Maykon e Diego Gaúcho já terem apresentado a carta de desvinculação, por alegados incumprimentos salariais. A isto, juntou-se a demissão, ontem, do director-geral, Jorge Alexandre (ver página 21), que foi o elo de ligação com os benfiquistas, durante o período do defeso.
Posto isto, a sociedade desportiva encarnada considera que o UD Leiria já não oferece o contexto indicado para quatro jogadores dos seus quadros, a quem paga os respectivos salários. Para mais, aquando da negociação da cedência, foi estabelecida uma cláusula segundo a qual o Benfica podia tirar os atletas de Leiria no mercado de Inverno.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 00:59

Dezembro 11 2011

Uma das fontes de receita do Benfica a curto prazo pode ser Éder Luís. O avançado contratado em janeiro de 2010 pelos encarnados está cedido a título de empréstimo ao Vasco da Gama até junho, mas tem vários emblemas interessados, com Internacional e Corinthians na corrida. O direito de opção que pertence ao emblema vascaíno está fixado nos 4 milhões de euros, verba que Luís Filipe Vieira não admite baixar para a venda do avançado que foi um dos destaques do último Brasileirão.

As boas relações entre Benfica e Vasco da Gama podem ditar que a venda do jogador seja concretizada durante esta paragem no Brasil, com o clube de Roberto Dinamite a ter de decidir se avança para a contratação do jogador ou se aceita a saída antecipada. Estes 4 milhões de euros a juntar às verbas garantidas com a passagem aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões podem ser determinantes para qualquer investida encarnada no mercado de janeiro.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 00:30

Dezembro 11 2011
publicado por Benfica 73 às 00:00

BENFICA 73
contador grátis
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...