Abril 30 2011

Jorge Jesus divulgou há pouco a lista de convocados para Olhão. Destaque para as ausências de Luisão, Coentrão e Cardozo, que são poupados no encontro com o Olhanense e se juntam a Aimar, que não joga por estar castigado.
Eis os convocados:
Guarda-redes: Roberto e Moreira
Defesas: Roderick, Carole, Maxi Pereira, Sidnei e Jardel
Médios: César Peixoto, Filipe Menezes, Carlos Martins, Airton, Javi García e Fernandez
Avançados: Gaítan, Saviola, Weldon, Alan Kardec e Jara

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:28

Abril 30 2011

O Benfica emitiu um comunicado no qual assegura que Luís Filipe Vieira não esteve em Madrid a negociar Coentrão com o Real.

Comunicado

A manchete do Jornal A Bola de hoje revela muita ânsia de notícias, mas nenhuma verdade nas mesmas. A credibilidade é um valor que leva muito tempo a construir e muito pouco a destruir. Alguns jornalistas deste diário parecem desconhecer o facto.

É falso que o presidente do SL Benfica tenha estado ontem na capital espanhola a negociar Fábio Coentrão com o Real Madrid. Não há nenhuma negociação pelo atleta com nenhum clube do mundo. Coentrão é atleta do Sport Lisboa e Benfica e é vontade dos seus responsáveis que aqui continue.

O Jornal A Bola tem assumido nos últimos meses um comportamento que no mínimo deve levar os benfiquistas a reflectir sobre as reais intenções que estão por detrás de alguns artigos de opinião e de outras tantas notícias. A de hoje, sendo totalmente falsa, serve apenas para tentar destabilizar o grupo de trabalho.

O Clube reitera que o SL Benfica não é gerido pelos jornais, esse tempo já passou. Os jornalistas do Jornal A Bola, que ignoraram uma das regras básicas do jornalismo deviam no mínimo ter confrontado o Benfica com a informação em causa. Se o tivessem feito teriam evitado publicar uma mentira.

Os leitores que já compraram este Jornal esta manhã deviam pedir a restituição de uma parte do dinheiro que desembolsaram, uma vez que foram manifestamente enganados pela sua manchete.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 20:07

Abril 30 2011

Jorge Jesus garantiu esta manhã que a ausência de Pablo Aimar nos próximos dois jogos do Benfica, por castigo, é um contratempo para a equipa.
«É um contratempo jogar sem Aimar. Mas tenho a certeza que o Pablo não vai perder ritmo de jogo. É evidente que gostava de contar com ele em Olhão, mas gostava muito mais de o ter em Braga, para a Liga Europa. Mas estou convicto de que ele vai estar bem para jogar a final de Dublin», afirmou o treinador, aproveitando para elogiar o central Jardel. 
«Tem umas características fora do comum. Não é rápido, é super-rápido», disse.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 18:03

Abril 30 2011

Rui Costa afirmou em entrevista a um programa de televisão italiana que Jorge Jesus vai continuar no comando do Benfica. O treinador não ficou surpreendido com a declaração.

«Tenho a confiança dos dirigentes do Benfica. Estou aqui há dois anos e ainda tenho outros dois de contrato», justificou Jorge Jesus que, contudo, considera que o mercado internacional está aberto.

«Interesse de clubes em Itália? Sinto que o mercado está aberto para mim. Admito com naturalidade ser um treinador cobiçado», disse.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 16:43

Abril 30 2011

Jorge Jesus não tem dúvidas: chegar à final da Liga Europa é muito importante para o Benfica, mas nem a conquista da competição salvará a época dos encarnados.

«O nosso objectivo era conquistar o campeonato. A Liga Europa dá notoriedade ao clube e desde que estou aqui, conseguimos chegar aos quartos-de-final, na época transacta, agora já estamos nas meias-finais e temos todas as possibilidades de chegar à final de uma competição europeia. Mas isso não salva a época.», disse o treinador há minutos, em conferência de imprensa, no Seixal. 

Quanto ao jogo com o Olhanense, o próximo no campeonato, Jesus confirmou que vai apresentar uma equipa composta por jogares habitualmente menos utilizados, mas garantiu que «o Benfica vai a Olhão para ganhar».
Os encarnados iniciaram há minutos um treino à porta fechada, o último antes da viagem para o Algarve.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:28

Abril 30 2011

Sábado: assobios estridentes em Coimbra. Quinta-feira: palmas e festejos por mais um grande golo. As opiniões dividem-se sobre o paraguaio e não há maneira de haver consenso 

Sábado, Coimbra, últimos minutos da final da Taça da Liga: a equipa vence o Paços de Ferreira mas não convence. Os adeptos estão nervosos e as descargas de adrenalina tomam forma de assobios, especialmente para Óscar Cardozo, depois de uma das piores exibições de sempre ao serviço do Benfica, clube que representa há quase quatro épocas. 
Quinta-feira, Estádio da Luz, primeira mão das meias-finais da Liga Europa. O paraguaio nem dá tempo para assobios. 

Marca um golo aos 11 minutos, mas é anulado, por fora-de-jogo; 41 minutos: está perto de marcar mas vê a bola colocada em jeito esbarrar no poste; 50 minutos: cabeceamento ao poste, na recarga Jardel faz golo; o SC Braga empata entretanto e é preciso procurar de novo a vitória: falta à entrada da área, o paraguaio aponta a mira, e todos na bancada, no banco e nos lares benfiquistas esperam uma bomba das antigas. Assim acontece: golo, sorrisos, vitória, Cardozo de novo decisivo.

No espaço de cinco dias ficou clara a relação amor-ódio que desde sempre marcou a carreira do internacional paraguaio de 27 anos desde que chegou à Luz em 2007, pela mão de José Veiga, numa transferência galáctica à escala portuguesa: 9,15 milhões de euros por 80 por cento do passe (mais tarde a SAD adquiriu a restante percentagem por 2,5 milhões de euros), o que faz do camisola 7 o segundo jogador mais caro da história do clube, atrás de Simão. 

Por muito tempo que passe, parece que não há maneira de Cardozo tornar-se um jogador consensual junto da exigente massa adepta benfiquista. Nem mesmo o facto de ser o máximo goleador estrangeiro da história do clube ameniza o tom elevado das críticas quando a lança (é esse o termo Takuara, no dialecto guarani) provoca poucas baixas nos adversários.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:22

Abril 30 2011

Será um Benfica tarimbado que estará quinta-feira em Braga, para selar o apuramento para a final da Liga Europa, no próximo dia 18 de Maio, em Dublin, afirmou ontem (sexta-feira) Javi García. 

«Tínhamos em mente a vitória. É sempre importante vencer nestes jogos. Ganhámos quase todos os jogos na Luz por 2-1 e temos sabido gerir a vantagem. Soubemos sempre gerir um golo de vantagem, mas sabemos que em Braga vai ser complicado. A equipa está mais madura do que ano passado. Há que saber sofrer e aproveitar as ocasiões de golo», afirmou o espanhol ao site da UEFA. 

Nem os desaires do Benfica nos dois últimos jogos no Minho - 0-2 em 2009/10, 1-2 esta época, ambas para a Liga - cerceiam a esperança do médio internacional sub-20 espanhol da águia. Sobre os últimos desaires dos encarnados em Braga, o médio todo-o-terreno espanhol foi sincero. 

«Não nos saímos bem em Braga ultimamente. Não temos ganho, por uma ou outra circunstância. Mas desta vez tudo será diferente. É uma prova europeia. Repito: já ganhámos jogos em casa pela mesma margem e soubemos, depois, fora, gerir a vantagem no segundo jogo», assegurou. 
Assim sucedeu diante de Estugarda e PSG: o Benfica empatou fora, 1-1 em Paris, 2-2 em Eindhoven, recorde-se.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:03

Abril 30 2011

Presidente encarnado fez viagem relâmpago à capital espanhola. Clube de Mourinho quer juntar português a Di María. Benfica pede 30 milhões de euros, Real Madrid dá menos.

Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, efectuou ontem uma deslocação relâmpago a Madrid e na base da viagem terá estado nova etapa do processo negocial que poderá culminar com a transferência de Fábio Coentrão para o Real Madrid no próximo Verão. 

O dirigente encarnado tem mantido contactos com responsáveis merengues que, pelos dados recolhidos, colocaram na mesa das negociações os números que estão na disposição de avançar para assegurar o passe do lateral esquerdo de 23 anos. Vieira viajou a meio da manhã, em avião particular, regressou à capital portuguesa ao final da tarde.

Em Madrid os avanços não foram substanciais. Há muito que é conhecido o interesse do Real de Mourinho no internacional português, é o clube melhor posicionado para assegurar a sua contratação, apesar do grande rol de pretendentes que têm manifestado o desejo de contar com aquele que é considerado um dos melhores laterais esquerdos da Europa.
O Real Madrid também já sabe quais os valores exigidos pela SAD encarnada para dar luz verde ao desfecho do negócio: 30 milhões de euros, o valor da cláusula de rescisão de Fábio Coentrão. Valor que o colosso merengue não se mostra, para já, disponível para pagar.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 08:52

Abril 30 2011
publicado por Benfica 73 às 07:41
Tags:

BENFICA 73
contador grátis
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...