Março 20 2011

Jorge Jesus rejeita que o PSV Eindhoven seja um adversário mais acessível do que Dínamo Kiev e Spartak Moscovo, oponentes de SC Braga e FC Porto nos quartos-de-final da Liga Europa. «É a equipa que tem mais currículo e isso faz a diferença», sustenta.

«O PSV o adversário mais acessível dos que saíram às equipas portuguesas? Não tenho essa opinião, apesar de sentir que o PSG era uma equipa muito forte. Para ser líder na Holanda o PSV tem que ser uma equipa forte. Não concordo que seja o adversário mais acessível, é a equipa que tem mais currículo e é isso que faz a diferença», argumentou Jorge Jesus, em conferência de Imprensa.

Pese não se ter debruçado «a 100 por cento» sobre a formação holandesa, o treinador diz conhecer «bem» o próximo adversário das águias na Liga Europa.

«É uma equipa com um currículo muito forte, com história. Já ganhou a Liga dos Campeões diante do Benfica, a Taça UEFA e a Supertaça Europeia», recordou, projectando «uma eliminatória disputada palmo a palmo». «Nesta fase todas as equipas são fortes», sublinhou.

Sobre a possibilidade de defrontar o SC Braga nas meias-finais daquela competição europeia... «Seria um bom sinal para as duas equipas. Pensamos seriamente nessa possibilidade, mas primeiro temos de eliminar o PSV».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 21:42

Março 20 2011

Muitas alterações em relação ao último jogo para o campeonato com o Portimonense (1-1). Jorge Jesus volta chamar habituais titulares para o jogo de amanhã (20.45 horas) com o Paços de Ferreira.

Rúben Amorim é o único lesionado no plantel encarnado. O médio voltou esta manhã a efectuar corrida e trabalho de ginásio.
Destaque para as chamadas de Carole e Fernánez, reforços de Inverno do Benfica, com o argentino a poder efectuar a sua estreia no campeonato.
Salvio e Fábio Coentrão estão em risco de falharem o «clássico» com o FC Porto caso vejam cartão amarelo na Mata Real.
Eis a lista complete de convocados:

Guarda-redes: Roberto e Júlio César;

Defesas: Maxi Pereira, Sidnei, Luisão, Jardel, César Peixoto, Fábio Coentrão e Carole;

Médios: Javi García, Airton, Carlos Martins, Aimar, Fernández, Salvio e Gaitan;

Avançados: Nuno Gomes, Jara, Saviola e Cardozo.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 21:10

Março 20 2011

A vida de Roberto no Benfica tem tido altos e baixos, mas ninguém pode apontar o dedo ao guardião por falta de empenho ou algo que se pareça. Do pouco que se vai observando durante os treinos (muitos deles são fechados), é um exemplo, aplicando-se sempre até à exaustão. Mas não é apenas no terreno que o "keeper" encarnado leva a sério a sua profissão. Roberto também dá cartas fora dele, tentando sempre melhorar o seu rendimento. E o guarda-redes entendeu que, para isso, teria de dominar na plenitude o português, pois só dessa forma iria conseguia um melhor entendimento com Luisão, Sidnei, Fábio Coentrão e companhia. Roberto está mais ou menos há oito meses em Portugal e já vai dizendo algumas palavras na língua de Camões, muitas mais do que colegas seus que estão há mais tempo no País. Nota-se que há um esforço para falar em vez de hablar". Tudo em nome do entendimento com os parceiros do sector mais recuado, como revela o seu empresário, Juamna López. "Roberto domina vários idiomas e desde o início que estuda português com muita vontade. Quando falo desde o início, é desde que soube que viria para o Benfica. Estabeleceu como objectivo falar bem português para se fazer entender na perfeição. Não nos podemos esquecer de que a comunicação entre os guarda-redes e os defesas é essencial para o bom desempenho do sector. Sem comunicação, podem surgir erros", sublinhou, deixando ao mesmo tempo um elogio aos portugueses: "Em Portugal, falam muito mais idiomas que em Espanha. Por isso parece-me que o esforço é de louvar. A vontade dele de aprender português começou bem cedo: mal soube que vinha para o Benfica, começou a preparar-se. Passou as férias com livros nas mãos."

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 20:43

Março 20 2011

Jorge Jesus reconhece que a revalidação do título «está mais difícil», mas diz que o Benfica continuará a lutar, quanto mais não seja «para fazer pressão» ao FC Porto. As contas, aposta, far-se-ão «nas últimas jornadas».

«Temos que fazer o nosso trabalho e ganhar todos os jogos. Se cumprirmos com a nossa responsabilidade, a decisão do campeonato será adiada para as últimas jornadas», afirmou Jorge Jesus, este domingo, no lançamento do jogo da 24.ª jornada da Liga com o Paços de Ferreira.

«Não fujo das situações. Sabemos que está mais difícil, mas tudo é possível, ainda há uma réstia de esperança, pelo menos para fazer pressão ao nosso rival», indicou.

As águias deslocam-se à Mata Real para defrontar, segundo Jesus, «uma equipa muito forte», protagonista de «um campeonato brilhante». Por tudo isto, o treinador dos encarnados perspectiva «um jogo muito difícil» na segunda-feira.

Benfica e Paços de Ferreira têm encontro marcado na final da Taça da Liga, a 23 de Abril, em Coimbra. Para Jorge Jesus, os dois jogos não têm paralelo.

«É diferente disputar uma final. Temos objectivos distintos no campeonato», argumentou, reforçando os elogios ao conjunto orientado por Rui Vitória: «Está a fazer um campeonato muito bom e a lutar pelos primeiros cinco lugares».

O compromisso em Paços de Ferreira sucede ao empate (1-1) caseiro com o Portimonense, no qual Jorge Jesus deu descanso a vários titulares.
«O jogo em Paços tem uma história diferente. Não temos nenhum compromisso para a Liga Europa a seguir. Vou lançar os jogadores que estiverem em melhores condições», referiu.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 20:30

Março 20 2011

Taye Taiwo, lateral-esquerdo do Marselha, 25 anos, está garantido pelo Benfica. Ao que O JOGO apurou, os encarnados asseguraram já os serviços do internacional nigeriano para os próximos anos, mediante a assinatura de um acordo semelhante ao já rubricado com Nolito, isto é, Taiwo colocou a sua assinatura num pré-contrato que prevê uma indemnização à SAD benfiquista caso o jogador não venha de facto defender o emblema da águia a partir da próxima época. O canhoto chegará à Luz a custo zero, uma vez que estava em final de contrato com o Marselha. O técnico do emblema francês, Didier Deschamps, não queria perder o defesa, daí que tenha pedido à Direcção do clube para insistir na tentativa de renovação. Cenário ao qual o nigeriano nunca cedeu, pois está em Marselha desde 2004 e há muito havia decidido mudar de ares no final desta época. O (ainda) camisola 3 do campeão francês tinha vários emblemas europeus de monta no seu encalço, mas acabou por se ver seduzido por um salário de topo na hierarquia da SAD encarnada - na ordem dos 1,5 milhões de euros, o que significa mais do dobro daquilo que aufere actualmente - e ainda por um chorudo prémio de assinatura, que deverá ser pago ao atleta de forma faseada.Luís Filipe Vieira e seus pares há muito vinham procurando no mercado uma solução à altura de colmatar a transferência de Fábio Coentrão no final da época - esta é praticamente um dado adquirido, e só falta saber o nome do colosso que o miúdo das Caxinhas passará a representar, do extenso rol de candidatos - e viram em Taiwo uma excelente oportunidade de negócio. Com experiência de sobra no que a competições europeias diz respeito, o lateral-esquerdo chega a custo zero para o lugar de uma ctivo que, tudo indica, deixará mesmo a Catedral por... 30 milhões de euros.Para além disso, se Jorge Jesus aprecia as qualidades de Fábio Coentrão, desejava em simultâneo dotar o sector mais recuado de maior envergadura. Com Taiwo, o técnico ganha centímetros e peso - o nigeriano tem 1,83 metros para 77 quilos, contra os 1,79 metros e 72 quilos de Coentrão -, mas também um homem com qualidade suficiente para entrar directamente no onze inicial. Contratado este ano, Carole trabalha numa perspectiva de integração e crescimento.

BI

NOME COMPLETO Taye Ismaila TAIWO

Data de nascimento: 16 de Abril de 1985 (25 anos)

Naturalidade: Lagos (Nigéria)

Posição: defesa-esquerdo e central

Altura: 1,83 m

Peso: 77 kg

Clubes representados:2003/04 Lobi Stars (Nigéria);desde 2004/05 no Marselha

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 17:33

Março 20 2011

Franco Jara será titular na visita à Mata Real e irá procurar aumentar aquele que já é o seu melhor registo de sempre em termos de golos.

Jorge Jesus irá proceder a algumas alterações na composição da equipa. Uma delas será a substituição de Saviola (exibição apagada no Parque dos Príncipes) por Franco Jara, de 22 anos, cuja garra poderá tornar-se determinante em Paços de Ferreira. Após ter “folgado” no encontro de Paris, o que lhe confere maior frescura física, o camisola 11 terá agora a oportunidade soberana para sair em busca do 8.º remate certeiro da temporada, o que o faria igualar os registos de Gaitán e Salvio, outros dois jogadores que chegaram à Luz no passado verão. Franco Jara leva 7 golos ao serviço do Benfica, marca superior à alcançada com as cores do Arsenal Sarandí, tanto em 2008/09 como em 2009/10.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 15:57

Março 20 2011

Eduardo Salvio e Fábio Coentrão, elementos-chave do onze benfiquista, estão em risco de falhar o clássico da próxima jornada (3 de abril) por motivos disciplinares. Se virem o cartão amarelo no encontro de amanhã, em Paços de Ferreira, o extremo-direito argentino e o lateral-esquerdo português ficam automaticamente excluídos da receção ao líder do campeonato, o FC Porto.

Convocados para os compromissos da respetivas seleções, Salvio e Coentrão têm sido dos elementos mais utilizados por Jorge Jesus. Uma vez que não beneficiarão do interregno do campeonato para descansar (vão estar envolvidos nos jogos da Argentina e Portugal), o técnico das águias deverá poupá-los do encontro com os castores, atendendo, ainda, ao facto, de terem atuado os 90 minutos frente ao Paris SG, na passada quinta-feira. Assim sendo, Jesus guardaria dois trunfos para o duelo com os dragões.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 15:41

Março 20 2011

Competição realiza-se de 1 a 24 de Julho, na Argentina. Luisão, Maxi, Cardozo e Gaitán estão quase certos. Jesus não deve contar com eles nas pré-eliminatórias de acesso à Champions.

Ainda há muito para pensar e ganhar na época em curso, mas a preparação de 2011/12 já está em marcha e surgem as primeiras dores de cabeça por antecipação: Jorge Jesus corre o risco de ficar sem quatro jogadores (pelo menos) para a terceira e quarta pré-eliminatórias de acesso à Liga dos Campeões, devido à realização da Copa América.

Luisão (Brasil), Gaitán (Argentina), Maxi Pereira (Uruguai) e Cardozo (Paraguai) têm fortes possibilidades de serem chamados às respectivas selecções para 43.ª edição da prova, que terá lugar na Argentina, entre 1 a 24 de Julho.

Ora, a primeira mão da terceira pré-eliminatória realiza-se, em princípio (a UEFA diz que a data está sujeita apenas a ligeiras alterações), a 26/27 desse mês (segunda mão a 2/3 de Agosto) e a quarta pré-eliminatória (também se designa por play-off) a 16/17 de Agosto (1.ª mão) e 23/24 (2.ª mão).

Com a necessidade de os jogadores terem, pelo menos, 15 dias de férias, restará ao técnico pedir que estas quatro selecções sejam afastadas da competição o mais cedo possível, para poder utilizar algum deles, talvez, no play-off. E mesmo assim em condições difíceis pelo ritmo de jogo entretanto perdido.

Resta saber se estarão reservadas mais algumas surpresas - Jara e Salvio (emprestado pelo Atlético Madrid mas pretendido para a próxima época) aspiram a uma chamada à Copa América e isso atrapalharia ainda mais os planos de Jesus.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 15:31

Março 20 2011

Depois do empate de ontem do Sporting. A dupla importância de vencer em Paços. Orgulho também vai estar em causa.
A matemática diz que o título ainda é possível mas ninguém na Luz (dirigente, técnico ou jogador) acredita nesse cenário, mesmo que a realidade não seja assumida publicamente - no final do recente jogo da Liga Europa com o PSG, por exemplo, Jorge Jesus ainda admitiu ter «mínimas esperanças» na reconquista do campeonato que ganhou em 2009/10, na sua estreia a treinar um grande do futebol português.

Praticamente gorada a hipótese de ultrapassar o FC Porto, os encarnados tentam assegurar o objectivo mínimo o mais rapidamente possível: garantir o segundo lugar que permite a presença nas duas pré-eliminatórias de acesso à Liga dos Campeões. Para tal, bastam quatro pontos, mercê do empate (0-0) de ontem do Sporting (terceiro classificado) frente ao UD Leiria, em Alvalade.
Recorde-se que os leões entraram na 24.ª jornada a 15 pontos de distância do eterno rival.

A importância de Paços

Isto significa que basta uma vitória e um empate. Do mal o menos, pensará Jorge Jesus: sem (praticamente) poder sagrar-se campeão, o objectivo mínimo está a pouca distância e poderá permitir descanso aos jogadores mais utilizados nas próximas semanas, para uma gestão mais cuidada na Liga Europa, prova na qual jogadores e equipa técnica pretendem vencer.

Para isso urge vencer o Paços de Ferreira, amanhã, na capital do móvel, e, no mínimo, empatar com o FC Porto, na jornada seguinte, no Estádio da Luz. Esta conjugação de resultados não só permitirá aceder directamente à Champions (via pré-eliminatórias) como impedir que os dragões se sagrem campeões no Estádio da Luz (partindo do pressuposto que os homens de André Villas Boas ganham hoje à Académica).

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:39

Março 20 2011
publicado por Benfica 73 às 09:04
Tags:

Março 20 2011

Há adeptos que só conseguem descarregar a frustração de verem a sua equipa ser roubada pela equipa de arbitragem proferindo insultos e palavrões em voz alta. Não é o meu caso, infelizmente. Eu tenho um problema: só consigo expressar convenientemente a minha indignação sob a forma de antigas manchetes do já extinto “Tal & Qual”. A título de exemplo, o que me apraz registar sobre o último Sp. Braga-Benfica é que o jogo foi, de certa forma, uma ganda cegada! É tudo a gamar! Isto está a saque! (Ok, já me sinto melhor.)

Acontece que, no domingo, a dream team da arbitragem portuguesa – Carlos Xistra encarregou-se de não mostrar vermelhos a Hugo Viana e a Kaká, enquanto Luís Marcelino se concentrou em anular golos limpos ao Benfica, e José Cardinal se especializou em expulsar jogadores encarnados por sofrerem falta – fez uma exibição tão épica, que esgotei o stock do saudoso semanário e tive de me socorrer de algumas manchetes do também extinto “24 Horas”.

Autor:  Miguel Góis
Fonte: Record
publicado por Benfica 73 às 01:46

BENFICA 73
contador grátis
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...