Março 17 2011

O brasileiro Luisão, defesa do Benfica, foi um dos elementos mais seguros em campo contra o PSG, num jogo que terminou com um empate (1-1), e deu a passagem dos encarnados aos quartos-de-final da Liga Europa.

Em declarações à SIC, Luisão mostrou-se muito feliz pelo resultado conseguido: "Estamos a saborear este momento. Trabalhámos de maneira muito séria e forte e agora queremos um pouco mais. Na próxima eliminatória podemos ser felizes", referiu o capitão do Benfica.

Questionado sobre o rendimento do Benfica no campeonato em relação à Liga Europa, Luisão foi pragmático: "Começámos mal o campeonato, mas são competições diferentes. Agora queremos ir longe na Liga Europa".

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 22:31

Março 17 2011

 

PSG 1 - 1 Benfica

 

O Benfica empatou no terreno do Paris Saint-Germain (1-1), mas beneficiou da vitória na primeira mão (2-1) e está nos quartos-de-final da Liga Europa, para delírio dos milhares de adeptos portugueses presentes no Parque dos Príncipes.
O treinador Jorge Jesus apostou no melhor «onze», com Pablo Aimar a gerir o futebol ofensivo. Aos 27 minutos o Benfica inaugurou o marcador, com Gaitán a aproveitar o mau posicionamento do guarda-redes Édel, a rematar forte e a colocar a sua equipa em vantagem.
A resposta do clube parisiense surgiu aos 35 minutos, Bodmer, sem marcação na área do Benfica, recebeu a assistência de Erding e aplicou um forte remate, sem hipóteses para Roberto.
Na segunda parte, o Benfica controlou a bola, dispôs de boas oportunidades, por Cardozo e Saviola, mas não acertou no alvo. O mesmo sucedeu com o PSG, por Erding e Hoarou.
Com este resultado o Benfica é a primeira equipa portuguesa apurada para os quartos-de-final da Liga Europa. Resta agora saber se o FC Porto e o SC Braga vão seguir o mesmo caminho.

Fonte: A Bola/ SLB

publicado por Benfica 73 às 21:06

Março 17 2011

A comitiva do Benfica já entrou no Parque dos Príncipes, onde estavam muitos adeptos do Benfica à espera, que gritavam pelos jogadores encarnados.
Momentos antes passou o autocarro do Paris Saint Germain, que chegou mesmo a ser assobiado pelos adeptos do Benfica.
A equipa portuguesa defronta hoje, às 18.00, o Paris Saint-Germain, em jogo da segunda mão dos oitavos-de-final da Liga Europa.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:37

Março 17 2011

A cerca de duas horas para o início do jogo entre PSG e Benfica, milhares de adeptos portugueses já estão nas imediações do Parque dos Príncipes, impondo em força a sua presença no jogo decisivo quanto à passagem aos quartos-de-final da Liga Europa.

É grande também o aparato policial, mas considerado normal tendo em conta que se trata de um jogo das competições europeias. Vários autocarros, provenientes de países limítrofes como Luxemburgo ou Bélgica, também já estão estacionados junto ao recinto, confirmando ser forte a presença do público português.
As previsões apontam mesmo para que metade da lotação do Parque dos Príncipes seja preenchida por apoiantes do Benfica.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:20

Março 17 2011

O Alto Comissariado para a Imigração e o Diálogo Intercultural (ACIDI) é o mais recente parceiro da Fundação Benfica, no projecto «Para Ti Se não Faltares», de combate ao absentismo, abandono e insucesso escolar.
O projecto já abrange escolas de sete concelhos do País e visa o impacto directo na vida dos jovens e na sua inclusão escolar.
Marcaram presença o presidente da Fundação Benfica, Carlos Móia, e a Alta Comissária para a Imigração e Diálogo Intercultural, Rosário Farmhouse.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:10

Março 17 2011

O Benfica realizou, esta quinta-feira, em Paris, o habitual treino matinal e o treinador Jorge Jesus tem todos os jogadores à sua disposição.
A equipa encarnada irá defrontar o Paris Saint-Germain, no Parque dos Príncipes, às 18.00 horas, em jogo da segunda mão dos oitavos-de-final da Liga Europa.
O Benfica venceu a o jogo da primeira mão, por 2-1, golos de Maxi Pereira e Jara.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 16:08

Março 17 2011

Já se faz sentir a presença de portugueses na capital francesa, onde o Benfica joga ao final da tarde diante do PSG, para decidir a passagem aos quartos-de-final da Liga Europa.

Entre 20 a 25 mil apoiantes dos encarnados são esperados no Parque dos Príncipes, ou seja cerca de metade da lotação do estádio do PSG em jogos das competições europeias.

Como tal, já se vai sentido a presença dos portugueses, nomeadamente nos principais pontos turísticos da cidade e até no trânsito, pois são vários os autocarros nas artérias de Paris provenientes de países como Luxemburgo, Bélgica ou Holanda, assim como de várias outras zonas de França.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 15:56

Março 17 2011

Cerca de 20 mil benfiquistas são esperados hoje nas bancadas. Falta vender apenas cerca de mil bilhetes. E se os encarnados tiverem, também, o apoio dos adeptos do PSG?

Dizer que a Cidade-Luz vai estar pintada, hoje, de vermelho pode ser um exagero. Mas são os próprios dirigentes do PSG a reconhecer que o jogo com o Benfica vai proporcionar uma das melhores assistências da temporada. Os emigrantes portugueses, especialmente os adeptos dos campeões nacionais, vão corresponder ao apelo do coração, estimando-se que uma maré de 20 mil inunde o Parque dos Príncipes.

Dirigentes do PSG confirmaram a A BOLA que, ontem, por volta das 19 horas, só restavam cerca de mil ingressos nas bilheteiras, nenhum por menos de 50 euros. Entre a meia centena de benfiquistas que esperou a equipa à entrada do Parque dos Príncipes, antes do treino vespertino, comentava-se que havia, já, oferta de bilhetes a 140 euros no mercado negro.

Uma coisa é certa: dos cerca de 42 mil ingressos que o PSG disponibiliza para os jogos europeus já sobravam poucos. Situação rara, esta temporada, para os franceses. A média nos jogos em casa, segundo o assessor de Imprensa do PSG, não tem ultrapassado os 18 mil espectadores. Sobretudo porque o clube rompeu com as claques organizadas, como resultado dos repetidos episódios de violência.

Apoio francês?

A consequência tem sido um boicote das claques - no último jogo do campeonato, com o Montpellier, houve mesmo uma manifestação de protesto contra a Direcção do clube. Por outro lado, segundo a mesma fonte, têm regressado as famílias ao estádio.

A situação, antecipa-se em França, poderá levar muitos adeptos do PSG a apoiar... o Benfica. Mesmo impedidos de se agruparem, acredita-se que elementos das claques estarão espalhados por diferentes zonas das bancadas, com o objectivo de ferir o moral do PSG, estando ao lado dos encarnados. Mas só a partir das 18 horas se poderá aferir se as suspeitas têm fundamento.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 15:31

Março 17 2011

Jorge Jesus esconde o jogo mas a decisão está tomada: é Pablo Aimar quem vai jogar esta tarde, no segundo encontro dos oitavos-de-final da Liga Europa. Carlos Martins, esse, vai iniciar o jogo no banco e, ao que tudo indica, só será chamado se o camisola 10 mostrar sinais evidentes de uma grande fadiga ou se o meio-campo estiver a pedir uma dose extra de força e explosão, em detrimento da classe e técnica do argentino.

Esta era a única dúvida na formação encarnada, que vai vestir-se de gala para a entrada no Parque dos Príncipes. Depois de ter rodado toda uma equipa no confronto com o Portimonense, o treinador revelou uma aposta forte na Liga Europa, e para o decisivo e importante embate com o PSG vai fazer regressar os melhores.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:53

Março 17 2011

Não é o mais importante da época e muito longe estará de ser o jogo de uma vida, mas o encontro que o Benfica realiza hoje em Paris tem os condimentos necessários para que Jesus e os seus homens o encarem como um embate que pode contribuir para uma época de sucesso... ou não.

Jesus colocou menor tensão no jogo, mas o entusiasmo com que Aimar falou do sonho da conquista da Liga Europa, agora que o campeonato está entregue ao rival do FC Porto (algo que surpreendeu o mal informado Makelele – como poderão ler mais à frente nesta edição), faz com que a competição europeia ganhe estatuto de prioridade entre os benfiquistas.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:35

Março 17 2011

Noite especial para Carlos Martins, hoje, em Paris. Chegado à Luz no Verão de 2008, o internacional português vai completar, se for utilizado, 100 jogos pelo Benfica, em todas as provas oficiais.

O camisola 17 conta, em três temporadas, 99 encontros e 11 golos, distribuídos por Liga (60/6), Taça de Portugal (5/2), provas europeias (22/0), Taça da Liga (11/3) e Supertaça (1/0).

O médio formado no Sporting e contratado ao Recreativo Huelva não tem sido, desde que foi contratado, um titular indiscutível na equipa de Jorge Jesus, muito por culpa da concorrência de Aimar, mas, ainda assim, até pela sua polivalência (também pode jogar à direita) é muitas vezes titular ou suplente utilizado, constituindo-se assim, a par de Rúben Amorim, como um joker de eleição do treinador e um dos jogadores com mais minutos.

Esta época, por exemplo, é o 12.º com mais tempo de utilização e, por exemplo, tomando como referência os jogos europeus, foi titular em seis dos nove compromissos do Benfica - nos últimos três, contudo, só foi chamado ao onze frente ao PSG, na primeira mão, pois na eliminatória anterior, com o Estugarda, começou as duas partidas no banco.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:58

Março 17 2011

Saviola foi apanhado a conduzir com excesso de álcool, há uma semana; encarnados compreensivos.
Saviola vai escapar a uma punição da SAD pelo facto de ter sido apanhado a conduzir com excesso de álcool, na quinta-feira. De acordo com a notícia avançada ontem pelo Correio da Manhã, o argentino foi parado numa brigada e acusou 0,8 gramas por litro de sangue, excedendo o limite permitido por lei (0,5 gramas). Saviola vinha de um jantar comemorativo do 20.º aniversário da namorada, Romanella Amato.

Os encarnados entendem que o facto não é suficientemente grave para motivar uma medida interna, mesmo que no dia seguinte tenha havido treino de manhã, uma vez que foi tido em conta a ausência de quaisquer antecedentes e o comportamento «exemplar» até ao momento. Jorge Jesus garantiu ontem a titularidade de el conejo, assegurando que o avançado «está em excelentes condições físicas». A punição maior é civil: Saviola ficou temporariamente sem carta.

A namorada do avançado, que festejou o aniversário - celebrado dois dias antes - com um jantar a seguir ao jogo com o PSG na Luz, pronunciou-se ontem via Twitter este episódio, face às constantes notícias que foram sendo reproduzidas: «Não vou fazer comentários a esse respeito, mas creio que tenho um noivo que também é ser humano, não?», questionou enquanto mais tarde acrescentava: «o meu noivo é uma excelente pessoa e desportista... peço respeito, nada mais», concluindo que o «único que importa é que Paris se vista de vermelho».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:30

Março 17 2011

Benfica joga hoje, em Paris, grande parte do sucesso da temporada. Jorge Jesus dispõe da vantagem do resultado da primeira mão e do descanso dos melhores jogadores da equipa.

A expressão momento da verdade foi proferida pelo presidente do PSG, Robin Leproux, anteontem, quando se referiu ao duelo desta noite com o Benfica. E serve como uma luva, justamente, à equipa de Jorge Jesus, que, hoje, decide o futuro europeu. Até mais do que isso: em causa está, também, o saldo de uma época, depois da capitulação na luta pela revalidação do título de campeão.

A gestão do plantel no jogo com o Portimonense, para a Liga (1-1), foi sinal evidente de que Jesus já poucas ou nenhumas esperanças tem em voltar a ser campeão. E que a prioridade é fazer boa figura na Liga Europa - mais, até, do que isso, é tentar conquistar este troféu. O Benfica, segundo o técnico, chega motivado e preparado para o confronto com o PSG. Parte para a segunda mão dos oitavos-de-final com a vantagem escassa do resultado conseguido na Luz (2-1), perante um adversário que se apresentou em Lisboa sem cinco peças importantes.

Aimar ou Carlos Martins

O desgaste físico não é desculpa, tendo em conta o privilégio de terem sido poupados, com os algarvios, os titulares do jogo da primeira mão. Serão eles que vão entrar em campo, hoje, às 18 horas, para tentarem carimbar o apuramento. Ainda com uma dúvida, que Jesus fez questão de manter, para não dar trunfos ao adversário - Aimar ou Carlos Martins no onze? Em Lisboa, jogou o médio português, mas, agora, o argentino reclama mais protagonismo (com o Portimonense manifestou insatisfação por sair aos 70 minutos).
A favor do Benfica joga, também, a forte pressão sobre o PSG. Que vê cada vez mais distantes as possibilidades de chegar ao título (quinto classificado a sete pontos do líder, Lille) e que no domingo joga o grande clássico de França com o Marselha.

Equipas provaveis:
PSG: Édel; Jallet, Armand, Sakho e Tiéné; Chantôme, Makelele, Giuly, Bodmer e Nenê; Hoarau.

BENFICA: Roberto; Maxi Pereira, Luisão, Sidnei e Fábio Coentrão; Javi García, Salvio, Aimar e Gaitán; Saviola e Cardozo.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 08:36

Março 17 2011
publicado por Benfica 73 às 06:58
Tags:

Março 17 2011

Domingos Paciência foi o primeiro a lamentar que o Sporting de Braga não atuasse sempre com a motivação que o Benfica lhe desperta. Os jogadores enaltecerem o feito de terem interrompido a longa série de triunfos do adversário, com o decisivo Mossoró a confessar ter explodido de raiva. Jorge Jesus já tinha, aliás, previsto que os minhotos iam entrar para o “jogo da época” e não se enganou. O Benfica está para a Liga portuguesa como o farol de Finisterra para a frota do bacalhau. Aponta o caminho e dá ânimo ao mais desorientado dos timoneiros, servindo de referência para o bem e para o mal a todo o tipo de navios – almirantes, mercantes ou simplesmente recreativos – com um enorme altruísmo, traduzido no velho aforismo publicitário: “e eu a vê-los passar”.

Uma das curiosidades que sobra desta jornada para a seguinte consiste em avaliar o rendimento do próximo jogo dos bracarenses. Braga e Guimarães foram até agora as únicas equipas que conseguiram vencer na jornada a seguir a defrontarem o Benfica – sendo que a maioria realizou exibições confrangedoras (com derrotas), acusando sobremaneira a “concentração” na partida mais importante da época. Neste mesmo fim-de-semana, depois de uma resistência titânica no Estádio da Luz, o Marítimo perdeu em casa e, segundo o seu treinador, esteve “apático e amorfo”.

Numa breve consulta aos últimos sete anos, em que o Benfica ganhou dois campeonatos e o FC Porto quatro, verifica-se que os adversários dos portistas perdem muito menos vezes (mais de 25% de diferença) na jornada seguinte. Por um lado, não sofrerão tanto desgaste físico, por outro, os resultados frente aos dragões, esmagadoramente traduzidos em derrotas, não lhes afetarão tanto a psique. Talvez, defrontar o Porto não seja tão motivador, não justifique tanto empenho, não garanta tanto retorno.

Ora, neste contexto condicionado pela grandeza da instituição soa sempre mal e incompreensível o discurso vitimizado que os responsáveis encarnados deste século assumem, invariavelmente, a cada revés de monta. Perder um campeonato por causa do descontrolo de fatores subterrâneos, num ano em que foram tantos os erros técnicos e de estratégia desportiva, contradiz o estatuto do emblema e remete-nos, por exemplo, para os equívocos de comunicação de José Mourinho, ao manter noutro clube-farol como o Real Madrid o discurso que se habituou a utilizar em emblemas de segunda linha.

Adenúncia de conspirações obscuras prima pela incoerência, reduz o farol altaneiro a um farolim envergonhado, quando se sabe que o Benfica esteve na primeira linha de validação, entusiástica mesmo, da atual liderança da Liga, saída diretamente da Torre do Dragão e focada na retoma de uma hegemonia sistémica, apagando com elegância os efeitos negativos de uma condenação histórica. Foi o Benfica que validou este “statu quo” traduzível num novo ciclo de vitórias do adversário nos próximos campeonatos, sempre pelos mesmos processos, repetidos sem surpresa nem decoro desde que a Liga assumiu a organização da prova, tendo Pinto da Costa como presidente e Manuel Damásio como pajem.

Autor: JOÃO QUERIDO MANHA
Fonte: Record
publicado por Benfica 73 às 00:48

Março 17 2011

O treinador do Paris Saint-Germain, Antoine Kombouaré, diz que a sua equipa terá de apresentar-se ao melhor nível diante do Benfica para lograr a presença nos quartos-de-final da Liga Europa.
A equipa parisiense recebe os encarnados antes de defrontar o Marselha, domingo, jogo que se reveste de grande importância na luta pelos primeiros lugares da Liga francesa.
«A qualificação europeia seria a melhor maneira de preparar o jogo com o Marselha e ganhar confiança. Só um grande PSG pode conseguir o apuramento, diante de uma bela equipa como o Benfica», alerta Kombouaré, que espera «uma resposta dos jogadores» após o empate com o Montpellier, gerador de «alguma tensão» no grupo.
A Liga Europa, admitiu, não é uma prioridade, mas «por uma questão de respeito» o PSG não vai entregar a eliminatória ao Benfica.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 00:14
Tags: ,

BENFICA 73
contador grátis
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...