Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

«Objectivo de Jardel é ser titular», diz empresário

13.01.11, Benfica 73

Jardel, último reforço do Benfica, não está deslumbrado com a mudança para a Luz mas tem como objectivo chegar à titularidade.
«O Jardel está muito satisfeito. É um jogador muito concentrado e tem a consciência de que tem muito trabalho pela frente. Cumpriu uma missão no Olhanense e agora está focado neste novo desafio no Benfica», começou por dizer Tiago Ribeiro, representante da Traffic em Portugal.

Em declarações à TSF, o empresário assegurou que o objectivo do central brasileiro e alcançar a titularidade na equipa orientada por Jorge Jesus: «O Benfica tem uma das melhores duplas de centrais do Mundo, com dois jogadores da selecção brasileira. O Jardel não está deslumbrado e sabe que vai ter muito trabalho para um dia poder ser titular. O Benfica é uma grande equipa na Europa e ele sabe que terá de se aplicar para alcançar esse objectivo que é ser titular.»

Tiago Ribeiro admitiu ainda que a transferência de Jardel do Olhanense para o Benfica «foi um óptimo negócio». «Foi uma evolução natural. O jogador serviu bem o Olhanense e vai encaixar nos objectivos do Benfica. Para a Traffic é também uma vitória. Foi um jogador que trabalhámos no nosso projecto em Portugal e que vai render mais frutos no Benfica», atirou.

Fonte: A Bola

Fábio Faria cedido ao Valladolid

13.01.11, Benfica 73

Fábio Faria vai representar o Valladolid até final da época, por empréstimo do Benfica.
Pouco utilizado por Jorge Jesus, o defesa que os encarnados contrataram ao Rio Ave, na última época, ruma à equipa da Liga adelante na expectativa de jogar com regularidade.
Fábio Faria viaja para Valladolid esta sexta-feira, de manhã.
O Valladolid ocupa a 12.ª posição no campeonato do segundo escalão do futebol espanhol.

Fonte: A Bola

Benfica e PT assinam protocolo

13.01.11, Benfica 73

A Fundação Benfica, através do presidente-executivo, Carlos Móia, e a Fundação PT, representada pelo administrador-delegado, Óscar Vieira, assinaram ao final da manhã desta quinta-feira, no Estádio da Luz, um protocolo que visa apoiar os jovens, dos 6 aos 16 anos, na área da tecnologia de informação.

Com a duração de 3 anos, este projeto já está em marcha na Amadora, mas pretende-se que atinja o território nacional, do concelho mais densamente povoado, ao mais remoto.

Consiste na entrega de um computador por cada dois alunos, sendo que a preocupação da Fundação PT pretende alertar os jovens para os perigos da internet, sublinhando o lado positivo.

Fonte: Record

Jesus já prepara deslocação a Coimbra

13.01.11, Benfica 73

Após a goleada (5-0) de ontem sobre o Olhanense, que confirmou o apuramento para os quartos-de-final da Taça de Portugal, a equipa do Benfica regressou esta quinta-feira ao trabalha já com o pensamento no jogo do próximo domingo com a Académica.
Enquanto os titulares no desafio com o Olhanense realizaram trabalho específico de recuperação, os restantes elementos do plantel cumpriram um jogo-treino com o Mafra.
Amanhã, sexta-feira, Jorge Jesus orienta no Seixal novo treino à porta fechada a partir das 17 horas.

Fonte: A Bola

Paulo Ferreira e 25 milhões por David Luiz

13.01.11, Benfica 73

O Chelsea não desiste de tentar contratar David Luiz já na reabertura do mercado de transferências e já fez saber – através de um intermediário – que está disposto a subir a parada inicial de 20 milhões de euros, prontamente recusada pelos responsáveis benfiquistas.

Ao que Record apurou, os campeões ingleses estão dispostos a dar 25 milhões mais o passe de Paulo Ferreira, calculando o negócio numa verba acima dos 30 milhões.

Fonte: Record

Taiwo diz sim às águias mas quer prémio elevado

13.01.11, Benfica 73

Taye Taiwo encara com bons olhos uma mudança para o Benfica. O esquerdino, de 25 anos, que termina contrato com o O. Marselha no final desta temporada, reúne a preferência dos encarnados para reforçar o lado canhoto da defesa na próxima temporada e o negócio está bem encaminhado, tal como Record noticiou oportunamente na sua edição de ontem. Aliás, o atleta já esteve mesmo reunido com responsáveis pelos lisboetas, faltando colocar o preto no branco para que o acordo seja oficial.

E ao que o nosso jornal apurou junto de fonte próxima, o jogador está entusiasmado com a hipótese de representar o emblema encarnado e gostaria de vir para a capital portuguesa, já que o Benfica é um clube que tem muita expressão no seu continente, em África. Existem outros interessados no atleta, nomeadamente os turcos do Galatasaray, mas a preferência do internacional nigeriano recai sem dúvida para as águias, já que é um clube com tradição europeia e que normalmente disputa as grandes provas da UEFA, tal como o O. Marselha.

Fonte: Record

Encarnados anunciam acordo com Jardel

13.01.11, Benfica 73

Está confirmada a aquisição do defesa central Jardel por parte do Benfica. O clube encarnado informou através do site oficial ter alcançado um acordo com o Olhanense para a transferência do defesa brasileiro para a Luz, não revelando as verbas do negócio.

Na mesma nota, o clube da Luz dá conta de um acordo para um vínculo com duração de cinco temporadas e meia (até 2016), que será assinado logo que seja superada a bateria de exames médicos agendada para esta quinta-feira.

Jardel é o segundo reforço das águias no mercado de inverno, juntando-se a José Luiz Fernández, argentino proveniente do Racing.

Leia o comunicado:

"A Sport Lisboa e Benfica - Futebol SAD e o SC Olhanense vêm informar que chegaram a acordo para a transferência do atleta Jardel Nivaldo Vieira.

Mais se informa que a Sport Lisboa e Benfica – Futebol SAD chegou a acordo com o referido jogador para a celebração de um contrato de trabalho desportivo para vigorar até ao final de 2015/2016 (cinco épocas e meia), o qual será formalizado logo que sejam concluídos os exames médicos a que o atleta será submetido durante esta quinta-feira."

Fonte: Record

«A equipa está muito mais forte» - Jorge Jesus

13.01.11, Benfica 73

Jorge Jesus estava naturalmente satisfeito com a goleada aplicada ao Olhanense, que valeu a passagem para os quartos-de-final da Taça de Portugal. Marcar cinco golos à formação algarvia pode ter parecido fácil, mas lembrou que se trata da segunda defesa menos batida do campeonato.

O treinador dos «encarnados» destacou acima de tudo a subida de forma da sua equipa: «A equipa está muito mais forte. Acabámos o ano com um jogo também com cinco golos. Agora, nos dois últimos jogos fizemos mais oito golos. Há mais intensidade de jogo, a equipa corre mais com e sem bola.»

«Hoje parece que foi fácil marcar cinco golos ao Olhanense, mas trata-se da segunda defesa menos batida do campeonato», lembrou Jesus.

Cardozo, autor de dois golos de belo efeito, mereceu elogios por parte do treinador, assim como o seu companheiro de ataque: «O Saviola está a crescer individualmente, tal como está toda a equipa. Voltou a fazer golos, está mais confiante e mais determinado, de acordo com o jogador que foi na época passada.»

Fonte: A Bola

Fábio Coentrão: «Ir ao Jamor e sair de lá com a Taça»

13.01.11, Benfica 73

No final da goleada inflingida pelo Benfica ao Olhanense (5-0) esta quarta-feira, no jogo dos oitavos-de-final da Taça de Portugal, Fábio Coentrão sublinhou o resultado expressivo da equipa da Luz.

"A chave é entrar sempre para vencer. Já tivemos alguns deslizes, esta época, mas estamos no bom caminho. Agora nos quartos-de-final é jogar para ganhar, pois o objetivo é ir ao Jamor e sair de lá com a taça. Esta vitória traz confiança, ainda para mais por 5-0. Agora vamos a Coimbra para vencer, como em todos os jogos", afirmou.

Sobre a atual situação do Benfica, o jogador dos encarnados acredita que a equipa já ultrapassou o "momento mau". "Estamos perto do Benfica da época passada. Sinto que não estou como podia estar. Sinto-me um pouco cansado, mas nos últimos jogos já me senti melhor", e concluiu: "Sempre acreditei que o Benfica não ia perder muitos pontos. Infelizmente, já perdemos alguns, e sabemos que não podemos perder mais."

Fonte: Record

«Só pensamos jogo a jogo» – Cardozo

13.01.11, Benfica 73

O avançado paraguaio Óscar Cardozo, autor de dois golos na goleada ao Olhanense (5-0), realçou que não foi uma partida fácil e que o grupo de trabalho apenas pensa jogo a jogo.

«Não foi uma vitória fácil. O Olhanense veio fazer o seu jogo, mas nós entrámos bem na primeira parte. No segundo tempo mantivemos o ritmo e conseguimos marcar mais golos», afirmou Cardozo.

O avançado paraguaio salienta que a equipa apenas está concentrada em cumprir os objectivos planeados: «Nós não pensamos na última época. Só pensamos jogo a jogo, sempre com o objectivo de vencer e é assim que vamos até ao final da temporada.»

Fonte: A Bola

Benfica avança para os "quartos" com 5-0 ao Olhanense - Resumo

13.01.11, Benfica 73

 

Benfica 5 - 0 Olhanense

 

O Benfica assegurou a passagem para os quartos-de-final da Taça de Portugal. Goleada ao Olhanense confirma bom momento das águias, que na próxima ronda da prova têm agora encontro marcado com o Rio Ave, em Vila do Conde.
Saviola, aos 21 minutos, quebrou o nulo do marcador e o Benfica partiu então para exibição agradável, segura, se bem que o Olhanense mostrou-se sempre pouco afoito.
Salvio e Cardozo ampliaram o marcador até ao intervalo, descansando por completo a equipa para os segundos 45 minutos, nos quais a exibição caiu uns furos, mas ainda teve mais dois golos, apontados por Luisão e Cardozo, este a «bisar» na partida (dois tento, aliás, de belo efeito).
Depois de eliminar Arouca e SC Braga, os «encarnados» passam agora pelo Olhanense e têm já encontro marcado com o Rio Ave, em Vila do Conde, no próximo dia 26.

Clique aqui para consultar a ficha de jogo, as incidências da partida e os comentários dos leitores.

Fonte: A Bola

Jardel certo na Luz

13.01.11, Benfica 73

O defesa central Jardel é o novo reforço do Benfica. O jogador brasileiro do Olhanense, de 24 anos, prepara-se para assinar pelas águias.
O acordo entre os encarnados e os algarvios ficou fechado esta manhã, no dia em que os dois emblemas se defrontam, na Luz (18.45 horas), para os oitavos-de-final da Taça de Portugal.
Com 1,92 metros, Jardel chegou a Portugal na temporada passada para representar o Estoril. O brasileiro transferiu-se para o Olhanense e deu nas vistas na primeira volta da Liga. O SC Braga e o Estugarda foram alguns dos clubes interessados no defesa central, mas Jardel vai mudar-se para o Benfica.

Fonte: A Bola

O peso da herança

13.01.11, Benfica 73

A saída de Di María continua a ser uma indisfarçável pedra no sapato dos responsáveis do Benfica. Seis meses depois da partida do argentino para Madrid, não é ainda possível perceber de que forma irá Jesus resolver os (des)equilíbrios – ofensivos e defensivos – a partir do lado esquerdo. Vamos por partes. Gaitán foi a primeira solução identificada para eliminar o problema que iria nascer com a venda do “abre-latas” ao Real de José Mourinho. Não houve qualquer dúvida em assumir que o esquerdino encontrado na Bombonera chegava para cumprir exatamente o mesmo papel que estava entregue a Di María. Mas também não foi preciso esperar muito tempo para se perceber que, afinal, se tratavam de jogadores com características muito distintas. Di María rompe por qualquer lado e desequilibra um jogo numa ação de 1x1, é velocíssimo, tem passada larga, chega à linha de fundo três, quatro, cinco, seis vezes durante os 90 minutos. Gaitán é feito de outra matéria. Menos explosivo, mais fino, prefere a bola no pé e tem tendência natural para pisar terreno interior. Não é preciso ser treinador de futebol ou agente FIFA para chegar à conclusão que Gaitán se sente mais confortável como falso avançado ou mesmo playmaker. Quem joga na esquerda, tem a esquerda. Quem joga no meio, tem o campo todo. Foi sempre assim. E há quem precise de liberdade e raio de ação largo para poder explodir. Está aqui um desses casos.

Houve outras soluções pensadas e testadas para o lugar. Fábio Coentrão, por exemplo. Ainda se estava no verão e já Jesus, antecipando um quadro de dúvidas, dava voltas à cabeça para conseguir clonar o Benfica da última época. Coentrão teria capacidade para assumir a substituição de Di María? Aparentemente, sim. Na prática, não. Está lá a velocidade, provavelmente até mais, mas falta o drible em espaço curto para ultrapassar blocos baixos e linhas demasiado juntas. Ainda fez a posição em meia dúzia de jogos, mas rapidamente voltou à defesa. Mais uma carta fora do baralho.

Acabou por ser Gaitán a assumir a responsabilidade de criação pelo lado esquerdo durante a maior parte do tempo. Melhorou, foi crescendo até dezembro e terminou o ano em plano muito razoável. Só que a decisão de procurar um ala puro já estava tomada desde que se percebeu o erro de casting em que Jesus caíra. Por isso a chegada esta semana a Lisboa de José Luis Fernández. Mais um argentino, mais um esquerdino, mais um candidato a herdeiro de Di María. Se os observadores do Benfica acertaram, desta vez, com o perfil, então, sim, a equipa terá outras condições para evoluir e aproximar-se do seu figurino anterior – ganhando imprevisibilidade e largura que não tinha naquele lado. Em teoria será isto e, visto assim, é tudo fácil. O difícil é Fernández suportar, também ele, o peso de quem sucede a um dos melhores jogadores da atualidade.

Di María demorou três anos a fazer esquecer Simão Sabrosa. Custou, mas foi. Passaram apenas seis meses e sucedem-se os candidatos a fazer esquecer… Di María. Já foi Coentrão, já foi Gaitán e agora é Fernández. Nolito vem já a seguir.

Autor: NUNO FARINHA

Fonte: Record