Outubro 18 2010

O Benfica venceu o Torneio Internacional Cidade da Praia, em Cabo Verde, depois de uma vitória (2-0) frente ao Toyota Angola. A prova foi apadrinhada por Eusébio, que esteve presente no recinto e entregou a taça ao capitão Pedro Costa.

Os dois golos dos encarnados foram marcados por Diece, que acabou por ser eleito o melhor jogador da competição. Para além deste prémio individual e do 1.º lugar na competião, os encarnados receberam um outro galardão: Carlos Paulo foi considerado o melhor guarda-redes.

Os campeões europeus regressam esta quarta-feira a Portugal, devendo chegar a Lisboa às 18 horas.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 23:45

Outubro 18 2010

Fez esta segunda-feira 12 anos que Javier Saviola se estreou como profissional de futebol. Em declarações à Benfica TV, o atacante argentino recordou esse momento especial na sua vida e abordou o actual período do Benfica.

“É verdade que já passou muito tempo, mas estou muito feliz com a carreira que estou a fazer e pelos clubes importantes que passei até agora”, afirmou o futebolista, que pretende dar continuidade à sua boa carreira: “Sinto-me orgulhoso pelo que fiz até hoje. Continuo com muita vontade de progredir e espero que continue tudo a correr bem como até agora.”

Com apenas 16 anos, ‘El Conejo’ estreou-se com a camisola do River Plate, marcando um dos golos da sua equipa. Como não podia deixar de ser, Saviola elege esse tento como o melhor momento da carreira: “Foi o meu começo e recordo como algo muito especial na minha vida.”

Como pior momento, o avançado referiu os períodos em que não foi opção em alguns por onde passou. “Sabemos que o que é difícil para um profissional de futebol estar num clube sem jogar. No Real Madrid ou mesmo no Barcelona, foram momentos duros, mas consegui superá-los. Tive sempre uma mentalidade forte e é a graças a isso que estou no lugar onde estou actualmente”, afirmou.

Como não podia deixar de ser, Saviola destacou igualmente a importância do Benfica na sua carreira: “Encontrei um grande clube, um clube que me deu possibilidade de mostrar o meu futebol ao mais alto nível. Conquistei um campeonato e foi maravilhoso ver como é ganhar um campeonato num clube com este fervor, onde se vive o futebol. Foi algo que me surpreendeu muito.”

Recordando os golos marcados na carreira, o internacional argentino revelou aquele mais gostou até agora com a camisola do Benfica. "O golo que mais gostei foi o que marquei no campo do Belenenses. Depois também aquele que marquei ao Nacional, em que fiz um chapéu ao guarda-redes, mas há vários que me agradaram muito. Mas mais do que os meus golos, o importante foram os títulos que conseguimos. Fizemos um esforço muito grande e foi algo inesquecível para todos”, salientou.

Por fim, o jogador analisou estes primeiros meses da temporada benfiquista. “A temporada não começou como pretendíamos, mas a equipa agora está muito melhor. Estamos a trabalhar para recuperar o nosso nível. Temos jogadores muito importantes, mantivemos a base de jogadores que conseguiu o título na época passada e penso que está tudo a nosso favor para continuarmos no caminho dos títulos e dos bons resultados”, considerou, não esquecendo o papel desempenhado pelos adeptos e simpatizantes do Benfica: “Temos um público que está sempre connosco. Por isso, temos que dar o máximo e saber que o Benfica tem de estar entre os melhores clubes do mundo.”

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 23:39

Outubro 18 2010

Fábio Coentrão é a principal novidade na lista de convocados do Benfica para o jogo de quarta-feira (19.45 horas) com o Lyon, referente à 3.ª jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

O esquerdino voltou hoje a realizar tratamento e trabalho de ginásio devido a entorse na tibiotársica direita, porém, segue viagem com a equipa uma vez que pode recuperar a tempo de defrontar a formação gaulesa.

De fora voltaram a ficar Ruben Amorim (tendinite rotuliana nos joelhos) e Óscar Cardozo (entorse no joelho esquerdo com lesão do ligamento lateral interno), que continuam a recuperar das respectivas lesões.

Em relação ao último jogo – vitória por 5-1 sobre o Arouca para a Taça de Portugal – regressam, além de Fábio Coentrão, Roberto, Maxi Pereira e David Luiz. De fora ficam Luís Filipe e Fábio Faria.

Eis a lista de convocados:

Guarda-redes: Roberto, Moreira e Júlio César;

Defesas: Maxi Pereira, Luisão, Sidnei, David Luiz, César Peixoto e Fábio Coentrão;

Médios: Airton, Javi Garcia, Felipe Menezes, Carlos Martins, Pablo Aimar, Salvio e Gaitán;

Avançados: Saviola, Kardec, Nuno Gomes, Weldon e Jara.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 23:11

Outubro 18 2010

Dois golos e uma ótima exibição frente ao Arouca, no último sábado, transformaram Alan Kardec num dos jogadores encarnados do momento. Com Cardozo, o indiscutível dono da posição, a recuperar de uma lesão, o jovem avançado brasileiro quer aproveitar a oportunidade para jogar com mais regularidade, como confessou em entrevista publicada esta segunda-feira no site brasileiro www.trivela.com.

Concorrência e conquista de espaço

"Aos poucos, certamente, vou conquistar meu espaço dentro do clube. O Cardozo e o Saviola são ótimos atletas e muito respeitados pela massa associativa, mas acredito no meu trabalho e na minha capacidade para conseguir ser titular. Uma boa oportunidade será agora, de um jeito desagradável, já que o Cardozo sofreu uma lesão no joelho. Mas preciso mostrar um bom trabalho".

Liga em aberto

Apesar do bom começo do FC Porto, o campeonato ainda está em aberto e muito longe de ter uma definição. Nosso objetivo é lutar para ser campeão.

Sonhar em grande na Champions

"Vamos trabalhar jogo a jogo, fase a fase, para sonhar em grande nesta competição. São jogos muito duros e só diante dos resultados que poderemos almejar sempre mais"

Elogios a David Luiz

"É um excelente central, de muita força, velocidade e muito bom na antecipação e na jogada aérea. Ele não é muito conhecido no Brasil por ter jogado pouco lá, mas acredito que agora, com os adeptos a verem as suas exibições na seleção, verão o grande central que ele é."

Chegar à seleção olímpica

"Creio que é objetivo de qualquer atleta fazer parte da seleção, ainda mais com a possibilidade de lutar por um título inédito para o país, que já ganhou quase tudo, mas ainda não tem as Olimpíadas. Espero fazer bem meu papel aqui no Benfica e ganhar, sim, algumas chances para ter a chance de defender o Brasil nos Jogos Olímpicos."

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 23:01

Outubro 18 2010

A equipa de futebol do Benfica vai partir para França na terça-feira, pelas 10 horas, mantendo o programa inicialmente divulgado, apesar da greve geral que paralisa vários setores por terras gauleses.

"O Benfica mantém o seu programa tal como foi inicialmente divulgado. A equipa treinou, está em estágio e parte terça-feira às 10 horas para França", referiu à Lusa fonte oficial do clube.

A possibilidade de paralisação dos controladores aéreos poderia colocar em causa a viagem do Benfica, mas, até ao momento, o programa previsto mantém-se e vai ser cumprido, salvo algum imponderável de última hora.

O Lyon, líder do Grupo B da Liga dos Campeões, com 6 pontos, recebe o Benfica, terceiro, com 3 pontos, a partir das 19:45 de quarta feira, em jogo da terceira jornada da Champions.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 22:38

Outubro 18 2010

O plantel do Benfica cumpriu esta segunda-feira, no Seixal, o último treino em solo português com vista ao jogo com o Lyon.
A sessão, realizada à porta fechada, não trouxe novidades em relação ao apronto de domingo. Assim, Rúben Amorim, Fábio Coentrão e Óscar Cardozo voltaram a realizar tratamento e trabalho de ginásio, dando continuidade ao programa de recuperação das respectivas lesões.
Tal como na véspera, Marc Zoro e Hélio Vaz trabalharam às ordens de Jorge Jesus, enquanto o avançado Jean Silva foi o representante dos juniores. Javier Balboa realizou corrida e trabalho individual de campo.
O derradeiro treino antes do jogo com o Lyon realizar-se esta terça-feira, no Stade de Gerland, palco do compromisso da terceira jornada do Grupo B da Liga dos Campeões.
Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:32

Outubro 18 2010

É ponto assente. Esta será a última época de Nuno Gomes a jogar com a camisola do Benfica. Com 34 anos, o jogador termina contrato com os «encarnados» e garante que não vai prolonga-lo.

Em aberto fica a possibilidade de o avançado transitar para um cargo directivo, a exemplo do que sucedeu com Rui Costa, mas Nuno Gomes diz que ainda se sente em condições para jogar mais uma temporada. Certo é que nos relvados, com a camisola do Benfica, esta será a sua última temporada...

«Vou deixar de jogar no Benfica no final da época, o resto logo se verá. Sinceramente nesta altura não vejo o que poderei fazer depois de Junho, só sei que termino contrato e não vou continuar como jogador», afirmou o camisola 21 da equipa «encarnada», que falava depois de ter representado o plantel num almoço com o embaixador do Chile, numa homenagem aos 33 mineiros que estiveram soterrados na mina de San José.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:25

Outubro 18 2010

O avançado Nuno Gomes diz que a possibilidade de o jogo com o Olympique Lyon vir a ser adiado, devido à greve geral marcada para França nesta terça-feira, não seria benéfica para o Benfica.

«Se tal vier a acontecer, poderia sobrecarregar o calendário da equipa lá para a frente», disse o capitão da equipa encarnada, que falava depois de ter representado o plantel do Benfica num almoço com o embaixador do Chile, numa homenagem aos mineiros daquele país que estiveram soterrados na mina de San José.

«Vamos esperar pelo que a UEFA decide, mas estamos preparados e convencidos de que vamos jogar na quarta-feira», disse ainda Nuno Gomes a respeito do jogo com o Lyon.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:17

Outubro 18 2010

O avançado Nuno Gomes representou, a par de Luisão, o plantel do Benfica num almoço com o embaixador do Chile. O resgate dos 33 mineiros daquele país, após mais de dois meses soterrados, serviu de pano de fundo, sendo considerado «exemplo de coragem e esperança» por parte do capitão de equipa.
«Tratou-se de uma lição de coragem que correu o Mundo e o plantel do Benfica não ficou indiferente. São um exemplo para todos nós em termos de coragem e esperança», afirmou Nuno Gomes, que destacou o forte elo dos 33 mineiros com o futebol. «Um deles foi jogador internacional e, além disso, ouvi que vários outros quiseram as bandeiras dos seus clubes para mostrar quando foram resgatados», exemplificou o avançado, que se sentiu «particularmente emocionado» aquando da saída do primeiro mineiro.
O último a sair foi o chefe de turno, mais um exemplo para Nuno Gomes: «Se fosse eu, como capitão do Benfica, também seria o último a abandonar o barco. Tratou-se de mais um exemplo de como um capitão deve liderar a sua equipa.»

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 18:02

Outubro 18 2010

Ao nono jogo de águia ao peito, anteontem, diante do Arouca, Nicólas Gaitán celebrou, finalmente, o prazer de se estrear a marcar pelo Benfica.
Um golo especial, que o número 20 encarnado - camisola que herdou do compatriota argentino Di María - celebrou de uma forma bem peculiar, como que sacudindo as energias negativas e os espíritos mais negros do corpo: parecia que enxotava o mau olhado...
Um sintoma, também, da ansiedade a que o tão procurado golo veio por cobro, depois de Gaitán ter conseguido levar a água ao seu moinho e, numa jogada vistosa - tabela com Nuno Gomes e slalom entre os defesas, picando a bola de pé canhoto com classe à saída do guardião - apontou o quinto e último golo do Benfica na goleada aos arouquenses.
Mas a alegria e o sorriso, perfeitamente justificados, de Nico Gaitán, tem uma justificação suplementar. O jogador, que chegou à Luz, onde iniciou treinos mais cedo, a 22 de Junho (juntamente com os compatriotas Jara e Aimar), e em quem a SAD do Benfica investiu 8,4 milhões de euros - quantia paga ao seu anterior emblema, Boca Juniors - já não colava a bola na rede desde 4 de Abril, num Boca-Rosário Central (12.ª jornada do Campeonato da Argentina).

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:57

Outubro 18 2010

O presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, recebeu esta segunda-feira o embaixador do Chile em Portugal, Fernando Ayala, e o Cônsul Erwan Varas no Camarote Presidencial do Estádio da Luz.
«Esta cerimónia mais não pretende do que celebrar a coragem, determinação e fé que 33 mineiros chilenos deram ao mundo. Um grupo de homens que nunca se rendeu. O resgate dos mineiros foi também o resgate do orgulho de toda uma nação, confirmando que o esforço foi colectivo e que as instituições do seu país são sólidas, competentes e profissionais», afirmou Luís Filipe Vieira.
O presidente do Benfica admitiu que foi um acontecimento marcante para todo o mundo: «Será um momento difícil de esquecer. Foi uma celebração da vida, dada por gente humilde que nunca quis ser mais do que é, mas que a partir do dia 13 de Outubro passou a ser um exemplo para todo o Mundo. Demonstraram que vale a pena acreditar sempre. Uma lição que nunca devemos esquecer.»
Luís Filipe Vieira assegurou, ainda, disponibilidade para ajudar os mineiros naquilo que for possível: «Do Benfica têm a porta aberta e a certeza de que estaremos disponíveis para ajudar em função daquilo que nos for solicitado.»
O embaixador chileno Fernando Ayala elogiou os apoios que o país tem recebido de todo o mundo: «Mais de mil milhões de pessoas assistiram ao resgate. Gerou um fenómeno no mundo inteiro. Muito obrigado ao Benfica, com o qual temos uma boa relação, tendo o técnico Fernando Riera sido campeão por três vezes.»Além de Luís Filipe Vieira, o técnico Jorge Jesus, os capitães Nuno Gomes e Luisão marcaram presença na cerimónia de homenagem aos 33 mineiros que estiveram presos nas profundezas da terra durante mais de dois meses em S. Jose, no Chile.
Os responsáveis do Benfica entregaram a Ayala uma camisola com o número 33 com a palavra Coragem.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:48

Outubro 18 2010

A greve geral em França pode levar ao adiamento do jogo da Liga dos Campeões, na próxima quarta-feira, entre o Lyon e o Benfica. Os encarnados têm viagem marcada para terça-feira de manhã, mas a ameaça de adesão à greve pelos controladores aéreos poderá impedir a deslocação, o que obrigará ao adiamento da partida da terceira jornada do grupo B da Champions.

As medidas tomadas pelo governo de Sarkozy estão na origem da forte contestação no país gaulês, principalmente a proposta de lei para alterar a idade mínima de reforma dos 60 para os 62 anos e da idade em que é recebida a pensão completa de 65 para 67 anos.

Ao Estádio da Luz ainda não chegou nenhuma informação sobre a viagem para França, sendo certo que a possibilidade de a equipa não viajar para Lyon está a ser equacionada pelos responsáveis do Benfica.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 16:40

Outubro 18 2010

O jornal russo “lifesports.ru” noticia esta segunda-feira que os defesas lusos Fernando Meira e Bruno Alves pediram ao Zenit S. Petersburgo para serem transferidos na próxima janela de transferências, avançando ainda que o clube russo já tem uma proposta concreta do Benfica pelo passe de Meira.

Segundo esta publicação do país do leste europeu, o internacional português, que atuou no Benfica e Vitória de Guimarães, quer abandonar o seu atual clube devido ao facto de ser pouco utilizado.

Quanto a Bruno Alves, que tem sido titular no Zenit, o pedido é um pouco incompreensível visto que este se transferiu há pouco tempo para a Rússia, mas o “lifesports” aponta o Arsenal como candidato ao concurso do defesa ex-FC Porto e diz que o Zenit acusa o seu empresário de forçar esta situação.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 16:22

Outubro 18 2010

Franco Jara pode abandonar o plantel do Benfica já na reabertura do mercado de transferências, no mês de Janeiro. Ao que Record apurou, a possibilidade de ceder o ex-jogador do Arsenal Sarandí está a ser analisada pela SAD benfiquista que não pretende ver o avançado de 22 anos estagnar na equipa encarnada. Lembre-se que os encarnados investiram 5,5 milhões de euros na aquisição do internacional do país das pampas.

O encontro com o Arouca, no último sábado para a Taça de Portugal, provou uma vez mais que Jorge Jesus está longe de incluir Franco Jara entre o lote de jogadores mais utilizado no plantel das águias. Com Cardozo lesionado, Kardec e Saviola são os titulares e no encontro frente a uma equipa mais modesta as segundas opções para o ataque foram Weldon e Nuno Gomes. Sintomático, apesar de ter sido o técnico benfiquista a dar o aval para a contratação em Dezembro do ano transacto. Neste momento, Jesus não coloca entraves a uma saída temporária do jogador argentino, até porque a reabertura do mercado deverá trazer mais um avançado para o plantel, sendo Funes Mori, do River Plate, a prioridade.

Da parte do atleta, há uma natural insatisfação por não estar a jogar com maior regularidade. Dos 11 encontros oficiais que os encarnados já realizaram esta temporada, Jara participou apenas em 6 e sempre como suplente utilizado. O encontro em que actuou durante mais tempo acabou por ser logo na primeira jornada da Liga, quando frente à Académica, saltou do banco ao intervalo para marcar um golo que, no entanto, se revelaria insuficiente para evitar a derrota das águias frente à equipa de Jorge Costa.

A SAD benfiquista tem em carteira várias possibilidades para o jogador sul-americano, inclusive para a compra do passe com retorno do investimento realizado, possibilidade que está fora de hipótese na Luz, onde se continua a acreditar no tremendo potencial do jogador. A hipótese mais provável parece ser o empréstimo por 6 meses, muito provavelmente a um emblema argentino, onde há vários interessados e o jogador continua a gozar de muito mercado. Recorde-se que Jara cumpriu um trajecto nas camadas jovens das selecções argentinas e chegou inclusive a estrear-se com a camisola principal dos alviceleste (3 jogos), merecendo a confiança do então seleccionador, Maradona. O seu potencial é muito cobiçado nas Pampas.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 12:18
Tags: ,

Outubro 18 2010

Com a chegada de mais um avançado em Janeiro, é necessário abrir uma vaga no plantel dado o excedente de jogadores para a frente de ataque. Nuno Gomes e Weldon também não têm sido muito utilizados, mas a escolher um elemento para sair, Jorge Jesus vai sempre optar por Franco Jara.

Nuno Gomes vai, muito provavelmente, terminar a carreira no final da temporada e apesar de estar a jogar muito menos do que desejaria nesta fase “terminal” e continuar a ter convites em carteira, a vontade do camisola 21 benfiquista é despedir-se dos relvados de águia ao peito, salvaguardando também a forte hipótese de integrar a estrutura benfiquista após a arrumar as chuteiras.

O caso de Weldon prende-se, sobretudo, com a vontade de Jesus em não abdicar do avançado brasileiro, visto como um suplente bastante útil. O técnico benfiquista considera que o móvel avançado pode ser muito útil em jogos com determinados circunstâncias e em fases específicas da época, tal como sucedeu na temporada passada onde acabou por ser decisivo em alguns jogos da segunda volta. Weldon tem convites para regressar ao Brasil mas o empréstimo ou venda definitiva do passe não terá o aval do treinador.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 12:15

Outubro 18 2010

Poucas horas após ter garantido a passagem à quarta eliminatória da Taça de Portugal, o plantel encarnado concentrou-se ontem, às 12 h, no centro de estágio do Seixal para começar a preparar o jogo da Liga dos Campeões.

Fábio Coentrão, que regressou tocado do encontro da Selecção Nacional frente à Islândia, ainda se treinou condicionado. Recorde-se que o defesa de 22 sofreu uma entorse na tibiotársica direita que o afastou da convocatória para o desafio com o Arouca. Apesar das precauções de que tem sido alvo por parte do corpo clínico das águias, a lesão não é grave e é quase certo que o atleta vai estar às ordens de Jorge Jesus no confronto europeu. Aliás, se o tratamento da mazela evoluir de forma favorável até é possível que Coentrão seja reintegrado na sessão de hoje.

Nas contas da equipa técnica já se encontra Maxi Pereira, que contraiu uma gastroenterite que o impossibilitou de trabalhar normalmente nos últimos dias, e o afastou da partida de anteontem. Segundo informação avançada pelo departamento de comunicação do Benfica, o sul-americano já cumpriu integralmente o plano de treino previsto. Airton, que terminou o jogo em dificuldades, não mereceu quaisquer cuidados especiais por parte do gabinete médico.

Mudanças à vista

Após ter aproveitado a Taça de Portugal para dar descanso a alguns jogadores, Jesus vai voltar a mexer na equipa pois, como já avisou, frente ao Ol. Lyon “a música será outra”.

A troca de guarda-redes é uma certeza. Na temporada transacta o técnico optou por rodar os guardiões na Liga Europa, mas este ano, na Champions, Roberto preservou o estatuto de titular. Nas laterais, confirmando-se as recuperações de Coentrão e Maxi, também não são esperadas surpresas. David Luiz, outro dos poupados na Taça, também vai voltar ao onze. A última troca será no meio-campo, e visará o regresso de Carlos Martins ao lado direito do losango.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 09:44

Outubro 18 2010

No passado sábado, no encontro da Taça de Portugal, o avançado brasileiro de 21 anos não só se estreou a marcar nas provas nacionais como conseguiu, no espaço de 21 minutos (golos aos 24 e 45), dobrar o seu registo pessoal pelas águias em partidas oficiais.

Até ao jogo com o Arouca, Kardec contava um total de 378 minutos ao serviço do Benfica, em todas as provas oficiais, tendo apontado apenas um golo: em Marselha, a 18 de Março de 2010, entrou a quatro minutos do fim e marcou o golo da vitória (2-1), que valeu a passagem aos quartos-de-final da Liga Europa.

Kardec, que curiosamente enverga o mesmo número de outro goleador do campeonato português, Liedson (31), chegou a ser apontado no Brasil como o novo Jardel, mas parece só sair da casca quando Cardozo não anda por perto. Pelo menos esta temporada tem sido assim, pois quando Kardec marcou em França também Cardozo estava em campo.

Centremo-nos, contudo, em 2010/11: Kardec estava a realizar uma excelente pré-época (quatro golos) até o Takuara regressar das férias pós-Mundial. A partir daí não voltou a marcar e acabaria depois por se lesionar com alguma gravidade antes do encontro da Supertaça. Coincidência do destino ou não, voltou aos golos com o habitual titular ausente por lesão.

Na verdade, este cenário justifica-se, em grande parte, por um facto evidente: o brasileiro joga mais vezes e mais tempo quando Cardozo não pode dar o seu contributo à equipa, uma vez que, como o próprio Jorge Jesus já afirmou, Kardec é o substituto natural do Takuara.

Por exemplo, dificilmente Kardec jogaria a titular duas vezes consecutivas com Cardozo online. Isso aconteceu com Sp. Braga e Arouca mas nunca se verificara. Aliás, na época passada o jovem atacante só foi titular em duas ocasiões: primeiro na meia final da Taça da Liga, com o Sporting (4-1), a 9 de Fevereiro, depois na final da mesma prova, com o FC Porto (3-0), a 21 de Março. E nunca completou os 90 minutos. Tal só aconteceu pela primeira vez... com o Arouca.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:32

Outubro 18 2010

Quando Alan Kardec ainda jogava no Vasco da Gama, o ex-internacional brasileiro e velha glória do Flamengo - agora comentador desportivo da Rede Globo - Júnior considerou-o "um dos maiores cabeceadores do mundo". E foi efectivamente de cabeça que o avançado brasileiro, de 21 anos, fez os dois golos anteontem frente ao Arouca, os primeiros da sua carreira no Estádio da Luz. O primeiro desses golos mereceu inclusive rasgados elogios por parte de Jorge Jesus: "Foi de uma qualidade técnica espectacular, só ao alcance de grandes jogadores."

"O Alan é mesmo bom de cabeça", confirmou ontem, a O JOGO, Rogério Lourenço, treinador da selecção brasileira de sub-20 que há pouco mais de um ano marcou presença no Mundial da categoria, no Egipto, onde Alan Kardec fizera, curiosamente, o seu último bis antes da partida de anteontem.

Rogério Lourenço foi testemunha e corroborou as palavras do consagrado Júnior, considerando o avançado benfiquista "um novo Jardel". "Eu digo sempre que ele tem um futebol semelhante ao do Jardel, mas com uma diferença grande: é que Alan Kardec é um menino com muita cabeça e quer vencer", afirmou o ex-seleccionador brasileiro de sub-20.

"Ele cabeceia muito bem e é muito forte dentro da área. É um artilheiro nato, cheira o golo", comentou ainda Rogério Lourenço, garantindo que Kardec "tem condições para fazer parte, no futuro, da selecção brasileira".

O camisola 31 das águias, refira-se, não fazia um bis desde 27 de Setembro de 2009, quando o Brasil venceu a Costa Rica, por 5-0, na fase de grupos do Mundial Sub-20. Curiosamente, foi Kardec que colocou a selecção canarinha na final da prova ao fazer o 1-0, novamente à Costa Rica, nas meias-finais (acabaria por perder o título com o Gana).

A nível de clubes, o último bis do atleta fora a 31 de Outubro de 2007, pelo Vasco da Gama, num jogo com o Goiás para o Brasileirão em que foi mais uma vez decisivo (3-1). No emblema carioca e antes de ter sido emprestado ao Internacional de Porto Alegre, Kardec cumpriu duas épocas como sénior, tendo cumprido 60 jogos e marcado 14 golos.

 

Kardec tem agora uma oportunidade de ouro para ganhar espaço a Óscar Cardozo. A lesão do paraguaio ainda está para durar e, na quarta-feira, o avançado brasileiro voltará a ser titular, no encontro em casa do Lyon, para a Liga dos Campeões. Na época passada, Kardec deu-se bem com os ares de França ao marcar o golo - era o seu único oficial pelas águias até anteontem - que colocou o Benfica nos quartos-de-final da Liga Europa.

 

Alan Kardec já nasceu predestinado para ser futebolista. A culpa foi do pai. Depois de a mulher lhe ter anunciado que estava grávida, foi a uma loja, comprou um equipamento do Botafogo para recém-nascidos e disse: "O meu filho vai ser homem e jogador de futebol." O jeito do papá Kardec para o esférico não era muito, mas efectivamente o seu filho teve-o em dose redobrada. De tal modo que, quando um director do Vasco da Gama o observou numa escola de Barra Mansa, suspeitou que o miúdo fosse mais velho do que os 10 anos que dizia ter. Esclarecida a questão, insistiu para que o pai fizesse 120 quilómetros várias vezes por semana para levar o filho aos treinos no Rio de Janeiro. O Kardec sénior ainda balançou, mas acabou por ceder, e Alan foi titular logo no primeiro jogo, ainda "pré-mirim". Eram os tempos em que Kardec via Thierry Henry e sonhava...

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 08:14

Outubro 18 2010

Era notícia na Argentina faz hoje exactamente 12 anos: Javier Pedro Saviola, um adolescente de apenas 16 anos, estreava-se como profissional, com a camisola do seu clube de sempre, o River Plate. Mais: nesse dia, num encontro com o Gimnasia de Jujuy, Saviola estreava-se não só a jogar, mas também a... marcar (é o mais novo de sempre a fazê-lo na estreia), assinando um dos golos dos milionários (2-1). Era o nascer de um avançado de excepção, já com direito a alcunha - El Conejo (Coelho) -, um jogador de estilo próprio, único, um matador elegante.

A data - 18 de Outubro de 1998 - é marcante para o agora avançado do Benfica, mas também para os seus antigos colegas. Aimar era um deles, durando desde aí a amizade praticamente de irmãos que hoje os une, mas havia, no plantel dos milionários, um outro jogador que Saviola jamais esquecerá, quanto mais não seja porque foi ele que lhe pôs a alcunha. Trata-se de Germán Burgos, excêntrico guarda-redes que fez carreira no futebol espanhol.

Ontem, em contacto telefónico com O JOGO, Burgos nem precisou que o situassem, disparando adversário e ocorrências assim que foi confrontado com a data que se assinala. "Foi contra o Jujuy. Ganhámos 2-1, o Javier marcou um golo", recorda Burgos, a propósito daquele que diz ser o "melhor avançado" com quem jogou: "Um craque, dentro e fora do campo. Tem uma grande paz interior. É isso que faz a diferença nele. No dia da estreia, estava calmo e alegre. Contente, como sempre."

Nessa semana de Outubro de 1998, enquanto o técnico Rámon Díaz se preparava para o lançar, Saviola ganhou também a alcunha que ainda hoje o acompanha. Uma alcunha que... é a sua cara, não pelos dentes incisivos, mas pelas características que exibe em campo. "Foi durante um treino nessa semana. Ele apareceu-me isolado, mas cheguei primeiro e desviei. Olhei para o lado, e então ele apareceu não sei de onde, já com a bola. Marcou, olhou para mim e abanou a cabeça de um lado para o outro. Foi então que me saiu: 'É um coelho.'" E Coelho ficou.

Fonte: O Jogo

 

publicado por Benfica 73 às 08:08

Outubro 18 2010

publicado por Benfica 73 às 07:55
Tags:

Outubro 18 2010

From: Domingos Amaral

To: Pinto da Costa e Luís Filipe Vieira

Caros presidentes do FC Porto e do Benfica

À medida que se aproxima o jogo entre as duas equipas, no Dragão, o tom do confronto tem vindo a subir. Ele é ameaças, recordações de violências passadas, tudo numa grande caldeirada, como se viesse aí um combate mortal entre duas comunidades que se odeiam e guerreiam, e não apenas mais um jogo de futebol que existe todos os anos. Entrámos pois em espiral, numa escalada disparatada. Tem de ser assim sempre? Não, não tem. Pela minha parte, avanço com uma sugestão: todos os anos, antes da época começar, devia ser organizado um grande torneio de luta livre entre benfiquistas e portistas, algures num descampado, a meio do caminho entre Lisboa e Porto.

Na arena principal combateriam suas excelências os presidentes. Depois haveria arenas secundárias. Numa delas, a maior, defrontar-se-iam as claques, Super Dragões contra No Name Boys. Noutra, defrontar-se-iam Jesus e Villas-Boas. Mais ao lado, lutariam os vices Reinaldo Teles contra Sílvio Cervan. Depois haveria as arenas especiais, para os cronistas Manuel Serrão e António-Pedro Vasconcelos, e uma muito muito especial, e muito aguardada, para a refrega entre os televisivos Rui Moreira e Ricardo Araújo Pereira.

Seriam naturalmente combates até à morte, onde valia tudo menos tirar olhos, e desses combates estariam excluídos os jogadores, pois esses valem muito dinheiro e não são para estragar. Mas, se esse gigantesco Mortal Kombat existisse, pelo menos uma vez por ano, talvez a tensão descesse, e não passássemos o tempo nestas picardias desnecessárias e perigosas. Depois queixem-se.

publicado por Benfica 73 às 00:35

Outubro 18 2010

Depois do desaire da véspera, o Benfica regressou aos triunfos na Divisão A1 masculina. Os encarnados, que iniciaram o périplo deste fim-de-semana pelos Açores com uma derrota frente ao Fonte Bastardo, derrotaram, este domingo, o Club K, por 3-0.

Resultados da 3.ª jornada

Machico-Vilacondense, 0-3 (14-25; 16-25; 12-25)
Marítimo-V.Guimarães, 0-3 (9-25; 17-25; 23-25)
Fonte Bastardo-Ac. Espinho, 3-0 (25-18; 25-15; 25-18)
Leixões-Sp. Espinho, 0-3 (17-25; 21-25; 21-25)
Esmoriz-Castelo da Maia, 0-3 (23-25; 17-25; 21-25)
Club K-Benfica, 0-3 (14-25; 17-25; 11-25)

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 00:25

BENFICA 73
contador grátis
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...