Outubro 15 2010

Diece valoriza a digressão do Benfica por Cabo Verde, num momento em que o campeonato nacional de futsal pára devido aos jogos das selecções.

"O futsal é dinâmico e é bom que as pessoas de Cabo Verde venham até ao pavilhão ver como é agradável assistir a um jogo da modalidade. Espero que eles recebam o Benfica de coração aberto. Vamos fazer excelentes jogos", afirmou o jogador de brasileiro, que reforçou esta época os campeões europeus.

Já o brasileiro Davi mostrou-se feliz por chegar a um país tão parecido com o 'seu' Brasil. "É um país muito parecido com o Brasil, uma vez que é muito quente. É sempre bom ter este convívio com as pessoas", frisou.

Quem também se manifestou satisfeito com a visita do Benfica foi o ministro da Educação e do Desporto de Cabo Verde, Octávio Tavares: "É uma visita importante e uma boa oportunidade para Cabo Verde. Estamos a falar de uma modalidade desportiva extremamente importante e sempre é uma grande honra receber um campeão europeu."

Fonte: Sapo Desporto

publicado por Benfica 73 às 18:37

Outubro 15 2010

O embaixador chileno em Portugal, Fernando Ayala, almoça na próxima segunda-feira no Estádio da Luz a convite do presidente encarnado, Luís Filipe Vieira. Estará presente toda a Direcção benfiquista bem como o director desportivo e administrador da SAD, Rui Costa, o treinador Jorge Jesus e um grupo representativo do plantel.
A iniciativa é vista como uma pequena forma de homenagear os 33 mineiros chilenos que esta semana foram resgatados das profundezas da mina de São José, na zona de Copiacó no Chile. «Um grupo de homens que nunca se rendeu perante a adversidade», sublinha o Benfica.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:02

Outubro 15 2010

O Benfica justifica o facto de ter requerido bilhetes para o jogo no Dragão, da 10.ª jornada da Liga, com o argumento de que, "com esta direcção", o FC Porto "nunca se baterá pela verdade desportiva".

"O jogo do Porto é o único que não cumpre os pressupostos em que assentou o pedido dos órgãos sociais. O FC Porto, com esta direcção, nunca se baterá pela verdade desportiva", disse hoje à agência Lusa uma fonte do Benfica.

Uma fonte do FC Porto revelou à Lusa que o Benfica pediu hoje ao clube portuense 2.500 bilhetes e 100 lugares VIP para o encontro entre as duas equipas, a disputar a 7 de Novembro no Estádio do Dragão.

A 13 de Setembro, o Benfica lançou um apelo aos adeptos, para que se abstivessem de assistir aos jogos de futebol do clube fora do Estádio da Luz, numa declaração lida pelo presidente da Assembleia-Geral, Luís Nazaré, no final de um plenário de todos os órgãos sociais.

A fonte do Benfica acrescentou que a decisão de requerer os bilhetes surgiu na sequência da conferência de imprensa de quinta-feira do treinador do FC Porto, na qual André Villas-Boas voltou a tecer críticas aos dirigentes encarnados.

"Depois de assistirmos, na conferência de imprensa de ontem, a mais uma manifestação de benfiquismo do senhor Villas-Boas - aliás, não há uma única conferência de imprensa em que este não fale do Benfica -, decidimos pedir os bilhetes e retribuir-lhe tamanho entusiasmo", afirmou a fonte.

A reacção dos órgãos sociais do Benfica surgiu na sequência da visita da equipa lisboeta a Guimarães, encontro no qual o campeão português considerou ter sido prejudicado pelo árbitro Olegário Benquerença.

Recentemente, o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, reiterou esse apelo em carta dirigida aos sócios e esta é a primeira vez em que o clube da Luz pede os bilhetes a que regulamentarmente tem direito para um jogo fora de casa desde o início do boicote.

O Portimonense, próximo adversário dos campeões nacionais para a Liga, confirmou esta semana que o Benfica não requisitou qualquer ingresso para o jogo de 24 de Outubro no Estádio do Algarve, o que já tinha acontecido na visita ao Marítimo, na sétima jornada da Liga.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 16:44

Outubro 15 2010

Para o treinador do Benfica, as vitórias de Portugal frente à Dinamarca e Islândia valorizaram Carlos Martins e Fábio Coentrão, titulares nos dois últimos jogos de qualificação para o Euro-2012.
«Carlos Martins e Fábio Coentrão valorizaram porque Portugal ganhou. Foi bom o Carlos mostrar toda a sua capacidade e o bom momento que atravessa mas sei que, tanto um como o outro, têm capacidade para fazer mais e vão fazê-lo no futuro. O David Luiz confirmou uma vez mais a sua qualidade na selecção brasileira. Tudo isso é motivo de satisfação e reconhecimento da valorização que o Benfica alcançou na época passada em termos desportivos e que passou para os seus jogadores», disse o técnico em declarações à Benfica TV.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 16:35

Outubro 15 2010

O Benfica recebe este sábado o Arouca para a 3.ª eliminatória da Taça de Portugal. Em entrevista exclusiva à Benfica TV e ao Site Oficial do Clube, o treinador Jorge Jesus referiu que os “encarnados” têm muito respeito pelo adversário, apesar de este competir num escalão inferior.

Na antevisão ao encontro no Estádio da Luz, o técnico salientou que “o Arouca é uma equipa que é forte nos lances de bola parada”, além de ter “alguns jogadores que jogaram na 1.ª Liga, entre os quais dois que foram campeões nacionais pelo Boavista”. Por isso, Jesus referiu: “Temos de ter máximo respeito pelo Arouca”.

A Taça de Portugal é uma prova onde acontecem, por vezes, algumas surpresas, mas Jorge Jesus assegurou que o grupo tem consciência da importância da competição para o Clube, descartando que o pensamento possa estar já na partida da Liga dos Campeões com o Lyon: “Cada jogo tem a sua importância e valorizamos tanto o jogo da Taça como o da Champions League. Os jogadores sabem que para estarem bem na Champions League têm de estar também bem amanhã com o Arouca. É essa a mensagem que temos passado.”

Apesar de algumas situações clínicas inesperadas, o treinador Jorge Jesus acredita numa boa partida por parte dos “encarnados”. “Esperamos que a equipa se apresente da melhor maneira, sabendo que temos alguns contratempos com jogadores que não só chegaram tarde devido aos compromissos das selecções, como também alguns vieram lesionados. Dentro do tempo que estivemos a trabalhar, melhorarmos algumas qualidades da equipa que pensamos que já se vão notar no jogo com o Arouca”, afirmou.

Apesar de não ser algo que defenda, o técnico revelou que será “forçado a fazer algumas alterações” devido aos recentes casos clínicos provenientes das selecções nacionais. “Temos um jogo da Champions league e não sou muito apologista de fazer descansar jogadores para o próximo jogo. Tenho uma ideia completamente diferente, o descanso só faz é mal”, considerou.

Jorge Jesus recordou que o objectivo do Benfica é chegar à final e discutir o troféu. “O Benfica está arredado há alguns anos da final da Taça de Portugal. É uma prova com muita emoção clubística e com um ambiente muito bonito. Queremos estar presentes na final e para isso não importa o nome do adversário”, sublinhou.

Apesar de o Arouca não ser um nome muito apelativo, o treinador Jorge Jesus espera que os adeptos venham a apoiar a equipa. “Os adeptos têm comparecido sempre em grande número e volto a lembrar que foram determinantes na conquista do campeonato. É verdade que o Arouca pode não lhes dizer muito em termos de nome, mas querem que os adeptos pensem nos jogadores do Benfica. Não é o nome do adversário que interessa, mas o nome da competição, que é a taça de Portugal. Portanto, espero que venham nos apoiar e ajudar a vencer mais um jogo.”

O Benfica-Arouca tem início marcado para as 21 horas deste sábado, dia 16 de Outubro, no Estádio da Luz.

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 16:30

Outubro 15 2010

A ausência de Fábio Coentrão foi o principal destaque do treino do Benfica desta sexta-feira. Os encarnados ultimaram a estratégia para o jogo de amanhã (21 horas) com o Arouca, referente à 3.ª eliminatória da Taça de Portugal.

O esquerdino está a contas com uma entorse na tibiotársica direita e limitou-se a cumprir tratamento. Fábio Coentrão é “baixa” praticamente certa para o Arouca, jogo para o qual deveria entrar no lote de poupados de Jorge Jesus.

Em tratamento seguem igualmente Cardozo (entorse no joelho esquerdo) e Rúben Amorim (tendinite rotuliana nos joelhos), sendo que o médio português realizou ainda trabalho de ginásio. Maxi Pereira mantém-se ausente com uma gastroenterite febril.

Os convocados para a recepção ao Arouca só serão conhecidos amanhã, no próprio dia do jogo.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 16:21

Outubro 15 2010

NUMA semana marcada (confesso a pieguice mas emocionei-me) pelo salvamento dos 33 mineiros presos nas profundezas de uma mina chilena, valeria a pena pensar como o segredo do sucesso está na organização, na coragem, na capacidade de trabalhar em equipa.

Aqueles mineiros encurralados numa situação dramática, souberam aceitar a liderança natural, racionaram a comida, a água e os recursos, motivaram-se para o sonho desejado (muito pouco provável à partida) e conseguiram alcançar o maior de todos os triunfos… a vida.

Quando um deles conseguiu em desespero pedir à mulher que desse o nome de Esperança à filha que iria nascer, gritou ao Mundo o segredo da vitória.

Em tudo na vida é assim, e o desporto não foge à regra. Não serão precisos grandes ‘gurus’ para aprender muito com esta epopeia chilena.

Espero que o Benfica, os seus atletas e profissionais bebam desta mesma fonte inspiradora. Organizados, com vontade e dedicação ao limite, com motivação e esperança os impossíveis acontecem.

Este sábado iniciamos um percurso que espero acabar em Maio a subir a escadaria do Jamor. Eu tenho esperança numa época de vitórias, eu sinto a vontade de um treinador e um grupo em alcançar essas metas.

O Arouca é um adversário perigoso, não ganhou no passado domingo à Académica (Taça da Liga) por mais um erro de Olegário (segundo as crónicas) e treinou com o FC Porto a meio da semana para que a motivação subisse ao limite. Mas o Arouca na Luz e Lyon em França serão dois degraus a mais na escada que estamos a subir.

Sinal dos tempos que merece reflexão o estado dos de Liverpool, um dos maiores clubes do Mundo em história e adeptos corre riscos que por cá poucos acreditam ser possíveis. Mas os clubes também acabam e os muito grandes não são excepção.

Autor: Sílvio Cervan

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:26

Outubro 15 2010

Não se fala no Benfica ou pouco se fala? Consequência de uma série de resultados positivos. Positivos e justos. A equipa está de novo na senda vitoriosa, nem outra coisa seria de esperar. Agora, já não se questiona Roberto, já não se discute David Luiz, já não se debate Cardozo, já não se analisa Jorge Jesus. Agora, já não se discutem opções, métodos, conceitos.

Ainda assim, não é possível esquecer os erros, alguns de palmatória, das equipas de arbitragem que dirigiram os primeiros embates da equipa encarnada. Não fosse uma sucessão de disparates e o Benfica estaria, no mínimo, colado ao líder da competição. Houve quem se insurgisse contra o alarido que o clube fez? E não se ouviram altissonantes as angústias do treinador e de outros responsáveis portistas só porque empataram em Guimarães? Até deu para ver (?) um penálti que não foi, até deu para um número pouco usual na actualidade desportiva, esse do dito por não dito…

Entretanto, a Selecção Nacional fez o pleno. Dois bons jogos, duas importantes vitórias na fase de qualificação. Também com a contribuição de uma dupla benfiquista. Fábio Coentrão, opção reiterada, é tão indiscutível como a própria… Selecção. Já Carlos Martins provou a justeza da sua convocatória. Não deveria ter integrado o lote dos jogadores que se deslocaram, em junho, à África do Sul? Penso que ninguém tem dúvidas, a despeito das suas preferências cromáticas no universo da bola. Paulo Bento não duvidou e fez bem.

Mais Benfica na Selecção resulta em melhor Selecção. Também outros combinados nacionais continuam a beneficiar do concurso de futebolistas benfiquistas. O caso de David Luiz, na canarinha é paradigmático. Está ou não ali o melhor central do Mundo a breve trecho?

Autor: LUÍS SEARA CARDOSO

publicado por Benfica 73 às 12:23

Outubro 15 2010

publicado por Benfica 73 às 11:18

Outubro 15 2010

“Este duelo vai ser uma espécie de David contra Golias”, assim antevê Henrique Nunes o reencontro com Jorge Jesus, amanhã à noite, no Estádio da Luz. Este jogo nada tem de bíblico, nem muito menos de imaginário. É bem real. Mas ao treinador do Benfica está reservado o papel de gigante, por a equipa que comanda apresentar argumentos bem mais fortes do que os do Arouca.

Ao contrário do episódio contado no Antigo Testamento, esta história não tem inimigos. Trata-se de um duelo com barbas, protagonizado entre velhos conhecidos. Rostos de uma geração de treinadores, os confrontos entre Jesus, de 56 anos, e Nunes, de 55, remontam ao tempo em que ainda eram jogadores, há mais de duas décadas.

Mas foi no banco que travaram mais “batalhas”, na década de 90: Jesus como treinador do Amora e do Felgueiras; Nunes como responsável do Feirense, clube ao qual está intimamente ligado. As carreiras seguiram, depois, direcções diferentes. O amadorense é, hoje, um dos treinadores com mais jogos realizados (307) na Liga, enquanto o seu adversário de amanhã é o que mais vitórias (135) contabiliza no 2.º escalão profissional. “Exceptuando o ano em que orientei o Gil Vicente, que tinha como objectivo a subida de divisão, todos os outros projectos visavam a manutenção. Por isso, entendo que esta é uma marca relevante.”

Sublinhando a “relação perfeitamente normal” que mantém com o timoneiro da nau encarnada, Nunes destaca a ascensão deste, que começou na 3.ª divisão, ao serviço do Amora, em 1989/90, levando o clube até à 2.ª Divisão de Honra.

“Fico contente por o ver chegar a um colosso como o Benfica, depois de ter começado lá em baixo. Regozijo-me com o trabalho que tem feito no clube. Ainda por cima, trata-se de um treinador português a quem foi dada mais uma oportunidade”, refere, notando que hoje em dia os jovens técnicos têm mais oportunidades de trabalhar no escalão principal. Assim, não tem dúvidas em afirmar: “Com o currículo que tenho, se tivesse estes dirigentes, teria a mesma a minha oportunidade.”

Depois de Braga... Há duas épocas, quando orientava o D. Aves, defrontou o Sp. Braga de Jesus, em jogo de preparação realizado na cidade dos arcebispos. Quase 2 anos depois, os dois treinadores reencontram-se na Luz, desta vez numa partida a sério.

“Tenho noção do valor da nossa equipa e do Benfica. Há uma diferença muito grande. Depende do Benfica o que podemos fazer”, reconhece. No entanto, como na Bíblia, este David também tem esperanças em derrubar o Golias. “Temos de acreditar e pensar que é possível. Não há impossíveis”, sustenta, advertindo: “O Benfica é acutilante no ataque, tem muitas soluções, mas não nos vamos preocupar com um jogador apenas. Isso reduziria as nossas possibilidades.”

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:59

Outubro 15 2010

Entre os jogadores referenciados pelo Benfica em solo argentino estão também dois jovens jogadores do Estudiantes de la Plata, actual líder do campeonato das pampas. O médio Enzo Pérez é um namoro antigo na Luz que também agrada bastante a Jorge Jesus. As observações ao jogador têm-se sucedido nos últimos tempos e a SAD benfiquista já tem conhecimento que o negócio se pode fazer por um valor entre os 2,5 e os 3 milhões de euros.

Também na lista de reforços está o possante central Federico Fernández. O jogador foi oferecido aos encarnados e também já foi observado por emissários benfiquista que se deslocaram à Argentina para ver o defesa em ação. Com apenas 21 anos, Fernández é comparado ao sérvio Ivanovic do Chelsea, sobretudo pela polivalência que faz com que actue com regularidade também a defesa-direito. Com 1,90m, é considerado como o grande esteio defensivo do Estudiantes e um dos grandes responsáveis pela boa campanha.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:57

Outubro 15 2010

O Benfica está decidido a voltar a investir no mercado argentino e, neste momento, sabe Record, o médio Roberto Pereyra e o avançado Funes Mori são as prioridades dos encarnados que têm acompanhado a evolução dos dois jovens atletas nos últimos meses.

Os dois jogadores do River Plate têm apenas 19 anos mas são já apontados como duas das maiores pérolas do futebol das pampas. Rogelio Funes Mori é um dos jogadores mais inflacionados na América do Sul, atualmente, e os encarnados não estão sozinhos na corrida. Nos últimos dias, a Juventus demonstrou forte interesse no ponta-de-lança e está disposta a chegar até uma verba acima dos 15 milhões de euros que os encarnados julgam ser um bom investimento face ao tremendo potencial do atleta. O jovem avançado, que tem sido uma das grandes figuras do campeonato argentino, tendo apontado já 4 golos em 10 jogos realizados, pode chegar já durante a reabertura do mercado de transferências em janeiro.

Quanto a Roberto Pereyra tem sido uma das revelações do futebol argentino no último ano. Apenas com 19 anos, este médio-direito apresenta já uma maturidade e capacidade de explosão que também está a despertar a cobiça de emblemas de renome do futebol europeu. Contudo, mesmo que avance já para a contratação do jogador, este só deverá chegar no início da próxima temporada, apesar de Jorge Jesus pretender contar com mais um jogador para o meio-campo já no mês de janeiro.

Ao efetivar a aquisição destes dois jovens atletas, o Benfica pode vir a contar com o precioso auxílio de fundos de investimento que irão ajudar a pagar as verbas pedidas pelo River Plate, ficando com participações nos passes dos atletas, como já sucede com a maioria de jogadores do plantel encarnado. Os encarnados continuam atentos a um mercado que tão bons frutos tem dado e não querem perder oportunidades de negócio.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:47

Outubro 15 2010

Há um mês dizia esperar não voltar a errar Agora assume que está ao melhor nível. «”Penalty” com V. Setúbal foi a viragem», assume.

O tempo costuma ser bom conselheiro e Roberto é um bom exemplo da virtude de saber esperar por melhores dias, mais alegrias e menos erros individuais. A pouco e pouco, o guarda-redes espanhol que a SAD contratou ao Atlético Madrid foi adquirindo confiança e ajudando a esmorecer a aura de desconfiança por parte dos benfiquistas relativamente aos seus méritos.

Pelo menos é assim que o próprio se sente. Basta comparar o que disse a 13 de Setembro, na véspera do jogo com o Hapoel Telaviv, para a primeira jornada do Grupo B da Liga dos Campeões, com as afirmações proferidas ontem, em entrevista à agência EFE, de Espanha.

Afirmou há um mês o espanhol, em tom soturno e rosto tenso, ainda com os frangos bem presentes na memória colectiva encarnada: «Não é fácil explicar [tantos erros]. Mas o mais importante é ter a cabeça tranquila e não voltar a falhar. Sou o mesmo guarda-redes [que jogava em Espanha]. Continuo a acreditar em mim.»

Vincou ontem à agência noticiosa do seu país: «Encontro-me num momento de forma muito bom e acho que as pessoas estão agora a conhecer o Roberto que mais me agrada.» As diferenças no discurso retratam as diferenças no plano emocional e desportivo. Diz Roberto que a defesa ao penalty no jogo frente ao V. Setúbal, cobrado pelo ex-benfiquista Hugo Leal, «foi o ponto de viragem», colocando para trás talvez aquele que tenha sido o maior pesadelo da sua carreira (embora mais tarde tenha afirmado que só sentiu realmente nervoso quando nasceu a sua filha).

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:33

Outubro 15 2010

O dirigente do Benfica realçou, esta quinta-feira, a importância de «tentar ganhar» a Taça de Portugal, visto que é um objectivo que tem «falhado há alguns anos».

«A Taça de Portugal é uma prova importante. O Benfica está nela para tentar ganhar, e já nos falha há alguns anos. O facto de o Arouca ser de outra divisão e não ter expressão no futebol português não nos fará faltar ao respeito pelo adversário», afirmou Rui Costa, em declarações à Benfica TV.

O dirigente do Benfica também considerou que o interregno no campeonato, por causa dos jogos da Selecção Nacional, foi benéfico para o clube: «Esta paragem forçada de jogos, por causa das selecções, servirá para voltarmos ao nosso ritmo! Servirá para reencaminharmos outra vez a época no sentido que queremos. Jogaremos com a maior determinação, como se tivéssemos um superadversário pela frente.»

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:01

Outubro 15 2010

O director desportivo do Benfica, Rui Costa, apelou aos emigrantes para apoiarem a equipa portuguesa no desafio com o Lyon, para a Liga dos Campeões.

«Vamos precisar dos emigrantes em França e do seu apoio. É um jogo complicado, de importância extrema. Não é o decisivo, não vai fechar as contas. Mas pontuar em Lyon deixa-nos em situação mais favorável», afirmou Rui Costa, em declarações à Benfica TV.

O director desportivo alerta para o facto de o Lyon jogar com regularidade na Liga dos Campeões: «É um clube com grande experiência da Champions, os seus jogadores são batidos nesta competição. Era o cabeça-de-série e adversário de maior renome no sorteio. Vimos de uma derrota da Alemanha na Champions, por isso inevitavelmente teremos de fazer melhor. Queremos sair de lá com um resultado positivo.»

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:51

Outubro 15 2010

O Barcelona sofreu cinco golos em seis partidas até ao momento na liga espanhola e, por isso, Pep Guardiola pensa em reforçar já em Janeiro o sector defensivo do seu plantel com... David Luiz. A rádio espanhola Cadena Ser garantiu ontem que a equipa catalã não perde de vista o defesa-central brasileiro e pensa em fazer uma oferta ao Benfica durante o mercado de Inverno, apesar das garantias recentes do presidente Luís Filipe Vieira de que não sairá nenhum jogador até ao final da temporada.

As chamadas à principal selecção do Brasil - onde tem sido titular - têm valorizado ainda mais o passe do jogador que vem sendo cobiçado, há muito, pelos principais clubes da Europa, nomeadamente o Manchester City e principal rival dos blaugrana, o Real Madrid. O companheiro do camisola 23 no centro da defesa do Brasil, Thiago Silva, também já recomendou a contratação do amigo ao AC Milan. "Seria um grande negócio. Pode perfeitamente ser o novo Nesta", afirmou recentemente.

Pep Guardiola, treinador do Barcelona, parece concordar a 100 por cento com Thiago Silva. O plantel do Barcelona é actualmente curto para todas as competições em que a equipa está envolvida e está claramente desfalcado de defesas-centrais, só contando com três jogadores de raiz nesta posição.

David Luiz tem contrato com o Benfica até 2015 e uma cláusula de rescisão de 50 milhões de euros, o valor que o clube catalão precisa de desembolsar se quiser levar o carismático jogador brasileiro sem se sujeitar ao acordo com o emblema da águia.

Luís Filipe Vieira não estará, tudo indica, disposto a negociar em Janeiro. Só no final da época, aliás, como lhe prometera. Nessa altura, David Luiz terá 24 anos e deverá mesmo sair para um grande da Europa.

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 09:41

Outubro 15 2010

publicado por Benfica 73 às 08:40
Tags:

Outubro 15 2010

Sousa Tavares algo Miguel, não tem vergonha, nem honestidade intelectual. Para este “arauto”(?) do Estado de Direito, a ambiguidade e incoerência vivem alegremente de mãos dadas, como o seu clube vive com o guarda Abel, a “fruta”, os “quinhentinhos”, as viagens pagas ao dissimulado José Amorim ou José Pratas, correndo à frente de impunes jogadores. Jornalistas agredidos nas Antas, um consultório matrimonial, para árbitros e familiares dos mesmos, “montado” em casa do presidente da agremiação, com o Kit GPS para árbitros e empresários, (sempre em frente), os tratamentos por “Engenheiro Máximo”, “Gerente de Caixa” à vista de todos no Youtube, menos para os imparciais tribunais, do Porto e Gondomar, e o ST algo Miguel.

Tribunais com gente como Lúcio Barbosa, a quem V. Loureiro congratulou por estar no lugar capaz de ilibar os arguidos do “Apito Dourado”, ou Mortágua o tal que disse: “Quinhentos contos é muito barato para corromper um árbitro”, mas faz parte do tribunal de recurso da UEFA, onde o FC Porto conseguiu evitar as sanções desportivas pela acção desta criatura. Todos do FCP, alguns fizeram parte da direcção. Isto, sim, gente impoluta.

Para este “arauto” as escutas não valem a não ser as do Freeport. Desonestidade intelectual.

A ex-putativa candidata a cônjuge de Pinto da Costa teve credibilidade para viver com o credível presidente, seis anos. Falta de inteligência deste, pois o “imparcial” tribunal, composto por amigos, conseguiu em muito menos tempo descobrir que se tratava, afinal, de uma ex-rameira.

E se a minha amiga, Filomena Morais resolver escrever um livro?

publicado por Benfica 73 às 00:18

Outubro 15 2010

Já dá vómitos a conversa do fanático portista Tavares com a «teoria Hulk» - esse grande génio do futebol - que segundo o porta-voz do PC foi arredado da competição pelo Benfica e por Luís Filipe Vieira, numa conspiração feita a preceito com a ajuda do dr. juiz Ricardo Costa que abandonou a emporcalhada justiça do futebol português a tempo, não fosse o lobby portista mandá-lo prender por fazer cumprir a lei anti-corruptos e vigaristas! Na realidade torna-se impossível a algum benfiquista suportar os ataques constantes deste miserável cronista que quando lhe convém, diz o pior da Justiça portuguesa, mas quando lhe agradam as decisões que limpam os crimes cometidos pelos homens do “Apito Dourado” que ajudaram o seu clube a ganhar tantos títulos imerecidos acha que a justiça é célere e séria… Para este sujeito as centenas de escutas telefónicas onde se ouve toda esta pandilha a combinar resultados, a manipular influências, a afastar pessoas sérias de decisões, a nomear e a desnomear árbitros, etc, etc, não servem de nada. Isto é tudo mentira, é tudo ficção! A verdade é a teoria dele que defende a escusa dos tribunais em utilizarem as escutas como prova. Aliás, a única possível para punir corruptos e vigaristas! Ninguém está a imaginar nenhum corrupto confessar por sua livre vontade os actos que cometeu. E é por causa desta situação, que foi adaptada à medida para safar esta gente, e outros, com crimes tão ou mais perversos que estes, com 19 (!‼) revisões do Código de Processo Penal e do Código Penal nos últimos anos, que vivemos de novo com esta situação de um FC Porto invencível. É claro que sim. No primeiro jogo da Liga com a Naval ganharam com um penálti que não foi. Nos jogos com o Rio Ave e com o Nacional tiveram o caminho aberto com ajudas que já viam desde os tempos do José Silvano e José Guímaro. Enquanto isto o Benfica era roubado em Guimarães e na Luz com a Académica. São 9 pontos de distância porque não podem ser mais.

É assim que o Tavares gosta! Os árbitros a levarem o FCP ao colo e o seu genial Hulk a poder bater em tudo o que mexe nos túneis sem ser castigado pelos seus conselhos de Disciplina e Justiça. Assim até o Clube da Foz é campeão nacional! Aliás, eles é que ainda não se lembraram disso…

publicado por Benfica 73 às 00:08

BENFICA 73
contador grátis
Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9






subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...