Setembro 19 2010

 

Este será um derby de risco pontual para o Benfica de Jorge Jesus. Com o pior arranque do seu historial, pior pontuação à quarta jornada, um mau resultado no desafio desta noite com o Sporting, agravará a crise que se abateu neste início de temporada no emblema da águia.
Três pontos obtidos em quatro jogos é pecúlio nunca antes visto na equipa encarnada nas contas do Campeonato, fruto de uma única vitória até ao momento, em casa frente ao V. Setúbal, e três derrotas somadas na Luz com a Académica e nos terrenos do Nacional da Madeira e V. Guimarães.
Após uma época de domínio absoluto, equipa campeã nacional, futebol atacante que deslumbrou plateias e recolheu elogios de toda a Europa, no início de 2010/11 tudo ruiu como um baralho de cartas, com queixas, como há muito não se via, de arbitragens tendenciosas e até apelos aos adeptos para boicotarem a ida aos estádios adversários. Nervos em franja, consequência dos nove pontos de atraso para o líder FC Porto.
Polémicas à parte, eis que chega o derby. O rival da Segunda Circular viaja até à Luz com a consciência de que os homens de Jorge Jesus não desejam atrasar-se ainda mais na Liga, sob pena de ficaram irremediavelmente afastados do objectivo título: uma derrota esta noite aliado a um eventual sucesso do FC Porto (que se desloca ao terreno do Nacional) deixaria as águias a 12 pontos de distância do topo da tabela classificativa. Algo impensável de acontecer à passagem pela quinta jornada.
Seguem-se ainda outros desafios: Marítimo, Sp. Braga e pelo meio o Schalke. Ultrapassando este ciclo de quatro jogos com sucesso as águias chegarão a Outubro com a cabeça de novo levantada... ou no cenário inverso em crise ainda mais profunda.
Sporting: Plano A
O plano B utilizado por Paulo Sérgio em Lille funcionou na perfeição, com os leões a conseguirem uma vitória em terras francesas (2-1), terá baralhado as contas do treinador tendo em conta o jogo de hoje diante do Benfica e Hélder Postiga, marcador de um golo de excelente execução frente ao dogues, pode ter garantido mesmo um lugar na equipa hoje, no lugar que tem pertencido a Yannick.
Os golos são sempre factor motivacional extra para qualquer ponta-de-lança e Paulo Sérgio não pretenderá perder esta oportunidade de jogar com o aditivo recebido pelo 23 em Lille e lançá-lo na titularidade hoje. Ao lado de Hélder Postiga estará o inevitável Liedson, o homem que em 12 encontros com o Benfica só para o Campeonato já marcou oito golos desde que chegou ao Sporting, no início da temporada 2003/04.
Mas recuando no terreno de jogo, a alteração começa pela baliza, com Tiago a ceder a posição a Rui Patrício. Na direita da defesa, João Pereira estará de volta ao seu posto para render Abel, enquanto Nuno André Coelho será o companheiro de Daniel Carriço. No lado esquerdo é certo que jogará Evaldo, até porque Torsiglieri foi uma adaptação usada em Lille, pois embora este posto não lhe seja totalmente estranho, o argentino é central de raiz.
No meio-campo, Maniche não seguiu viagem para França mas estará completamente recuperado do problema na coxa esquerda que o afectou e é um dos homens que faz parte da espinha dorsal de Paulo Sérgio e tudo indica que, caso o técnico opte pelo 4x4x2 em losango, esteja no lado direito do meio campo.

 

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 11:16
Tags:

Setembro 19 2010

O equilíbrio é a nota dominante no que toca à altura média das equipas prováveis do Benfica e do Sporting. Há quem defenda que a equipa leonina padece de falta de centímetros, mas basta fazer as contas para chegarmos à conclusão que o conjunto da águia não manifesta uma grande superioridade nesse capítulo. O onze que Jesus deve escalar para o dérbi de hoje só apresenta 1 centímetro a mais relativamente ao de Paulo Sérgio (1,80m/1,79m). A diferença é fruto dos atletas que evoluem no ataque.

O quinteto defensivo do Benfica possui duas torres, Roberto (1,95m) e Luisão (1,93m), contando ainda com um terceiro elemento de elevada estatura, David Luiz (1,85m). Apesar de Maxi (1,73m) “estragar” a contabilidade – Coentrão é um pouco mais alto (1,78m) –, a defesa constitui o setor com uma altura média mais elevada (1,84m). Essa é, aliás, a mesma marca atingida pelo quinteto recuado do Sporting, no qual pontificam os dois jogadores mais altos do onze, Rui Patrício (1,88m) e Nuno André Coelho (1,90m).

Baixinhos no miolo

O meio-campo do Benfica é maioritariamente composto por elementos de estatura mediana. Exceção feita a Javi (1,86m), o miolo está entregue a “baixinhos” – Martins (1,72m), Gaitán (1,73m) e Aimar (1,70m) –, cujo talento é inversamente proporcional à estatura. A intermediária leonina apresenta uma altura média igual (1,75m). E, graças a Cardozo (1,93m), é no ataque que surge a desigualdade entre os conjuntos. O Tacuara compensa a baixa estatura de Saviola (1,68m) no mano-a-mano com Postiga (1,82m)/Liedson (1,75m)

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:09

Setembro 19 2010

16 de setembro de 2000, há precisamente 10 anos, Carlos Martins chegava à Liga principal do futebol português como uma das maiores esperanças da cantera sportinguista. Os leões tinham quebrado o maior jejum de títulos da sua história e Augusto Inácio, o artífice da grande conquista, não olhou para trás num jogo com o Alverca, em Alvalade: lançou aquela que prometia ser a nova estrela do firmamento verde e branco. A estreia não foi tão feliz quanto seria de esperar, porque Martins participou nos derradeiros 32 minutos do jogo e os ribatejanos acabariam por empatar praticamente no último lance da partida. Uma década depois, o leão promissor transformou-se num dos soldados mais temíveis do exército de Jorge Jesus. A carreira não terá sido aquela que se antevia e que o seu talento sempre justificou mas, apesar de tudo, ainda foi a tempo de atingir a Seleção e ser campeão nacional, prova de que, afinal, nem tudo se perdeu pelo caminho.

Aposta de Camacho

Viagem inversa fez João Pereira, o miúdo em quem José Antonio Camacho apostou como solução para a direita do ataque benfiquista, a 17 de agosto de 2003, no Bessa, onde jogou os últimos 28 minutos do empate (0-0) com o Boavista. Num percurso feito de altos e baixos, avanços e recuos, afirmação e dúvida, João Pereira acabou por crescer e formar-se fora da Luz, onde nunca gerou consenso como futebolista de futuro. Baixou no terreno, tornou-se um dos melhores laterais-direitos do futebol português (processo com origem na passagem pelo Gil Vicente e dimensionado pela exuberância com que atuou no Sp. Braga) e, sete anos depois de se ter estreado pelo Benfica, regressa à casa onde se formou vestindo a pele de leão indomável.

Assumidos

Maniche partiu do mesmo lugar de João Pereira e teve o mesmo destino, ou seja, começou nas camadas jovens do Benfica e terminou de leão ao peito. Com uma diferença pelo meio: Maniche nunca escondeu que era sportinguista, mesmo quando cresceu na Luz e se afirmou no Dragão como um dos melhores médios da sua geração – João Pereira guardou para ele essas escolhas profundas. Por falar em opções conhecidas, recordemos dois casos de sentido oposto, relativas a jogadores encarnados. Fábio Coentrão chegou a afirmar que nasceu com paixão leonina (hoje acrescenta que isso aconteceu no tempo em que “andava iludido...”), imprudência que Mantorras também cometeu em determinado momento da carreira. Neste vaivém, última palavra para Luís Filipe, o benfiquista que, como sportinguista, marcou o primeiro golo no novo Estádio José Alvalade.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:06

Setembro 19 2010

O confronto entre o conjunto encarnado e a equipa leonina vai contar com a presença de mais de 50 mil pessoas nas bancadas. Este número tinha sido ligeiramente ultrapassado no final do dia de ontem, mas é possível que hoje exista uma afluência de última hora às bilheteiras, o que fará crescer o registo de assistência.

No dérbi da temporada passada, o Estádio da Luz encheu com os 59.317 adeptos que presenciaram ao vivo o embate entre os rivais lisboetas, mas este deverá ser um número difícil de atingir hoje, até pela quantidade de bilhetes que estavam vendidos até ontem.

Ainda assim, com a presença de mais de 50 mil pessoas, a Luz vai ultrapassar o registo de 7 milhões de espectadores. Desde o dia da inauguração do novo estádio, a 25 de outubro de 2003, e até ao último encontro, com o Hapoel, tinham entrado no recinto benfiquista 6.954.862, isto excluindo das contas os jogos da Seleção que ali se realizaram.

Ou seja, a partir de hoje e confirmando-se os números avançados, a média de espectadores no novo estádio é de um milhão por ano.

Apesar do fraco início de temporada protagonizado pelo Benfica a massa associativa do clube respondeu positivamente aos apelos que têm sido feitos por jogadores e pela equipa técnica. Um dérbi chama sempre muitos adeptos ao estádio e este não é exceção.

Recorde-se que antes do desafio entre as equipas de Jesus e Paulo Sérgio, o Benfica vai receber o troféu de campeão nacional da temporada passada e os jogadores terão direito às respetivas medalhas. Este será mais um motivo de festa para os simpatizantes do clube encarnado, que estarão em maioria no estádio.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:01
Tags:

Setembro 19 2010

publicado por Benfica 73 às 10:54
Tags:

BENFICA 73
contador grátis
Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...