Setembro 15 2010

De facto o nome do Benfica serve para tudo. Principalmente para sustentar os outros clubes e até a comunicação social. Toda.

Nas últimas semanas, o “Correio da Manhã”, não teve pejo, em publicar uma mentira e uma suspeição, à volta do Benfica num caso e de um novo profissional recentemente contratado, da segunda vez.

No primeiro caso, noticiou falsamente, que os prémios aos jogadores, referentes à brilhante, honesta e limpa época do ano passado, teriam sido acertados agora. Não é verdade. O presidente há muito que tem isso resolvido e no tempo e altura que estava estipulado e marcado com os profissionais do Clube.

No segundo, insinuando que não entendia a contratação e pior, pondo em causa a competência ou mais-valia de Paulo Sampaio (Rifa) para a equipa técnica do Benfica. Aqui cabe-me, como sempre por honestidade, esclarecer que Rifa é uma amigo, um grande amigo meu. Tal como Carvalhal é, com quem Rifa trabalhou 13 anos. Repito, 13 anos. Puseram a mesma questão quando ele acompanhou Carvalhal, para todos os clubes que treinaram? Não. Perguntaram a Carvalhal a opinião sobre a competência do seu adjunto mais antigo? Não. Perguntaram a Jorge Jesus, porque razão o quis na sua equipa técnica? Não. Puseram em causa a competência de Jorge Jesus? Puseram. E a de Carvalhal também.

Em todos os momentos que marcam a vida profissional do meu amigo Carlos Carvalhal, como treinador, Rifa esteve sempre junto, e deu o seu contributo, para o (muito) bom trabalho no Leixões, Setúbal e Sporting (aqui as facadas ficam com quem as cometeu) e para o menos bom, comum a todos os treinadores.

Pergunto: Jorge Jesus seria tolo e traria Rifa para a sua equipa técnica se ele não tivesse qualidade? Jesus, como qualquer outro treinador, quer trabalhar com os melhores, foi por isso que o trouxe para o Benfica. Carvalhal sofreu uma baixa, mas como amigo e não tendo de momento, perspectivas de treinar em Portugal um clube à sua altura, vê com certeza com bons olhos a promoção do seu amigo e ex-adjunto Rifa. Há jornais que teimam em tornar-se “pasquins”. Talvez devesse mudar de nome. Em vez de “Correio da Manhã”, devia chamar-se “CORREIO DA MANHA”.

publicado por Benfica 73 às 22:39

Setembro 15 2010

Podia ter sido perfeita a noite de ontem para um Benfica convalescente, não fosse aquele indicador esquerdo de Cardozo cruzado sobre os lábios, “reclamando” silêncio dos que o assobiavam. O adversário, incómodo durante algumas passagens da partida, nunca chegou a assustar o campeão nacional. Ainda assim, obrigou-o a correr e a mostrar, a espaços, o regresso da frutífera pressão alta da época passada. Deixou brilhar Aimar, que é de facto um prazer singular sempre que se mostra em condições e sempre que a equipa percebe que pode confiar nele para desequilíbrios e repentismos. Confirmou a absolvição de Roberto que, aos poucos, lá vai explicando a aposta do técnico e da entidade empregadora. Apostou no coletivo em que Carlos Martins, Luisão, Javi García e Maxi Pereira tiveram direito aos seus episódios de redenção. Fundamentalmente, permitiu que o Benfica tivesse, enfim, uma entrada vitoriosa à terceira competição oficial em que se envolve esta época.

A Supertaça foi perdida sem glória perante um adversário superior. O campeonato, por força do já decorrido, há-de ser feito a correr de trás para a frente, sabendo-se que esta está, por enquanto, a uma distância que era impossível de prever. Mais do que isso, o Benfica precisa de triunfos claros – e não de favores da arbitragem – para sustentar o duríssimo comunicado lançado anteontem pelos seus corpos sociais.

A razão é fácil de entender: o Benfica não elegeu um alvo, multiplicou-os. Confesso que os compreendo quase todos, à exceção do tiro ameaçado à Taça da Liga – só explicável como um lembrete ao novo presidente da Liga de que os campeões estiveram entre aqueles que ajudaram a conquistar o posto e não admitem ser prejudicados perante silêncios complacentes. Laurentino Dias e Vítor Pereira são, ao invés, escolhas óbvias. O “toca-e-foge” de um e o acumular de erros de outro puseram-nos a jeito para a artilharia pesada do maior clube português. O apelo aos adeptos para se ausentarem dos jogos que a equipa dispute fora do Estádio da Luz chega para pôr muitos a fazer contas. A rutura das negociações com a Olivedesportos é provavelmente a maior demonstração de forças do clube. Tudo junto, significa que o Benfica decidiu avançar, já em setembro, para uma salada de frentes de batalha que só não serão desgastantes se houver resultados e exibições como suporte armado dessas declarações de guerra. O primeiro efeito foi conseguido: o Sporting, cujos arautos tantas vezes se queixam de ser o mais prejudicado das arbitragens, trocou o médio prazo pelo imediato, os princípios pelo imediatismo, e veio falar de pressão sobre o jogo de domingo. Típico de quem trocou o espírito ganhador pela “ambição” de perder por poucos.

Autor: João Gobern
publicado por Benfica 73 às 22:37

Setembro 15 2010

O presidente da Mesa da Assembleia Geral do Benfica, Luís Nazaré, diz que os encarnados têm razões de sobra para se queixarem da arbitragem, considerando que a classificação na Liga não traduz os pontos que a equipa deveria ter amealhado nas quatro jornadas já disputadas.

«O Benfica só quer árbitros imparciais, que decidam de forma justa – havendo uma tolerância ao erro, pois somos todos humanos -, mas que não demonstrem a parcialidade e falta de isenção de que o Benfica foi objecto nestas quatro jornadas, designadamente na primeira [derrota com a Académica] e na última, com o V. Guimarães», afirmou Luís Nazaré em declarações à TSF, refutando a acusação feita por dirigentes do Sporting de alegada pressão sobre a arbitragem na antecâmara do “derby” do próximo domingo.

«O Benfica não coloca pressão em ninguém, só quer verdade desportiva. Já basta ter sido prejudicado da maneira que foi nas quatro primeiras jornadas. Temos, no mínimo, seis pontos a menos do que devíamos ter se tivesse havido isenção e decência. Não aspiramos a mais do que imparcialidade, rigor e competência da parte dos árbitros, que pelos vistos não abunda e não sei quantas pessoas estão interessadas em que essa competência seja reforçada», atirou.

Luís Nazaré comentou, ainda, o episódio protagonizado por Óscar Cardozo durante o jogo com o Hapoel: «Foi uma atitude sensata pedir desculpa por aquilo que fez».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 21:14

Setembro 15 2010

O capitão do Benfica, Nuno Gomes, afirmou esta quarta-feira que a equipa vai lutar contra tudo e contra todos para alcançar o objectivo traçado desde o início da época, ou seja, de revalidar o título nacional.

Na sequência da péssima arbitragem de Olegário Benquerença no jogo da última jornada da Liga com o Vitória de Guimarães, os órgãos sociais do Sport Lisboa e Benfica reuniram-se e apelaram para que os adeptos se abstenham de acompanhar a equipa nos jogos fora de casa.

Em declarações à Benfica TV, Nuno Gomes mostrou-se solidário com a decisão e garantiu que o Benfica continua concentrado em conseguir o objectivo de vencer o campeonato nacional. “Foi uma tomada de posição e uma decisão dos órgãos sociais do Clube que os jogadores respeitam e concordam. O Benfica vai lutar este ano contra tudo e contra todos e, portanto, temos de estar preparados para o que ainda aí vem. Estamos unidos e com o pensamento focado no objectivo que é ser bicampeão nacional e ninguém nos vai conseguir desviar desse caminho”, assegurou, acrescentando: “Com ou sem adeptos, vamos com certeza entrar em campo ainda mais com força do que nos jogos anteriores.”

Relativamente ao dérbi do próximo domingo, Nuno Gomes espera o apoio dos sócios e adeptos para vencer o Sporting no Estádio da Luz. “É mais um dérbi que o Benfica quer ganhar. Jogamos em casa, sabemos do nosso valor e contamos com o apoio do nosso público. Queremos regressar às vitórias na nossa Liga, que é o mais importante”, salientou.

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 21:07

Setembro 15 2010

«As expectativas são as de sempre, dar tudo por tudo e conseguir os três pontos. Precisamos de dar continuidade à vitória frente ao Hapoel e esperamos que os adeptos, que estão sempre connosco, sejam mais um campo e venham dar tudo, tal como nós vamos dar».

 

«No ano passado atrevo-me a dizer que sem eles nada teria sido possível. Agora precisamos mais deles. Necessitamos da força de cada pessoa e de cada adepto que venha ao estádio.»

publicado por Benfica 73 às 21:02

Setembro 15 2010

Mais um exemplo de bom jornalismo. Ontem, no final do jogo com o Hapoel, e já na zona mista, o jornalista do “Record” questionou Pablo Aimar sobre o apelo saído do plenário dos órgãos sociais do Sport Lisboa e Benfica para que os adeptos não se desloquem aos jogos que a equipa realize fora do Estádio da Luz.
A pergunta terminou da seguinte forma: “Mas os jogadores não precisam do apoio dos adeptos?” A resposta era óbvia. “Gostamos sempre de ter os adeptos connosco”, disse o jogador argentino, que, sem se deter, também afirmou: “Mas se a Direcção tomou essa posição é pelo bem do Benfica, temos de a respeitar.”
De tudo isto o “Record” colocou na primeira página “Aimar contraria apelo directivo”. Contrariar significa ir contra. Aimar fez exactamente o oposto. Mas algum iluminado na redacção do “Record” não deve saber o significado da palavra contrariar.
Uma simples consulta ao dicionário teria resolvido o problema.

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 13:54
Tags:

Setembro 15 2010

O vice-presidente do Benfica, Rui Gomes da Silva, refutou esta quarta-feira as declarações de Rogério Alves. O presidente da mesa da Assembleia Geral da SAD do Sporting havia afirmado ontem que o plenário das águias mais não foi do que uma "tentativa de pressão" sobre a arbitragem.

Aos microfones da Rádio Renascença, o "vice" encarnado referiu que "Rogério Alves teve declarações precipitadas e que não leu o comunicado do plenário na íntegra". Gomes da Silva revelou depois que o dirigente leonino "ficou esclarecido" sobre este assunto após conversa mantida com o presidente das águias, Luís Filipe Vieira.

Rui Gomes da Silva esclareceu ainda que o comunicado emitido na passada segunda-feira não teve por objetivo beneficiar os campeões nacionais, no que a arbitragens diz respeito. "Queremos que esta garanta que, quem ganhe, o faça com golos limpos, sem outras situações que o Benfica tem sofrido na pele."

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:51

Setembro 15 2010

O Benfica realizou esta quarta-feira de manhã um jogo-treino frente aos juniores “encarnados”. Foi uma sessão onde participaram os jogadores que não foram convocados para a partida da Liga dos Campeões com o Hapoel Tel-Aviv, bem como os atletas que não foram titulares nesse jogo da 1.ª jornada do Grupo B da prova.
Os futebolistas Eduardo Salvio e Javier Balboa também não participaram no jogo-treino frente à formação comandada por João Santos. O argentino Salvio fez tratamento e trabalho de ginásio, enquanto Balboa efectuou corrida, tratamento e trabalho de ginásio. Já o avançado brasileiro Alan Kardec participou no jogo-treino, mas sob vigilância médica.
Referir que o resultado foi favorável aos seniores por 5-0, graças aos golos apontados por Felipe Menezes (três tentos) e César Peixoto (dois).
Os “encarnados” regressam ao trabalho nesta tarde de quarta-feira. A sessão está agendada para as 17 horas e vai decorrer à porta fechada.

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 13:34
Tags:

Setembro 15 2010

Carlos Xistra, 36 anos, é o árbitro nomeado para o Benfica-Sporting da 5.ª jornada da Liga Zon Sagres.

O dérbi lisboeta, um dos grandes clássicos do futebol nacional, terá lugar no próximo domingo, às 20 e 15, na Luz, em ambiente de grande tensão devido à posição assumida pelos encarnados devido às arbitragens.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:32

Setembro 15 2010

Oscar Cardozo mandou calar os adeptos mas não tem grandes razões para invocar o silêncio daqueles: esta época marcou apenas o segundo golo em seis jogos oficiais, depois de ter contribuído para a única vitória na Liga, frente ao V. Setúbal, no Estádio da Luz.

De qualquer forma, o avançado paraguaio já contabiliza 15 golos nas provas europeias, o que equivale a mais de meio golo por jogo (regista 28 presenças). A título de exemplo, Nuno Gomes, o mais experiente em termos internacionais, ontem no banco de suplentes, conseguiu 28 golos em 82 partidas. A nível de Liga dos Campeões, este foi o quarto de Cardozo, ainda muito longe dos 15 apontados por Saviola na prova ou até mesmo dos 11 de Nuno Gomes. Mesmo assim, o sul-americano iguala o registo de Pablo Aimar, com quatro golos (mas o argentino tem o dobro em todas as competições da UEFA em 53 presenças divididas por Valência, Saragoça e Benfica).

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:30

Setembro 15 2010

Luisão marcou ontem aos israelitas do Hapoel, logo nos primeiros minutos, e provavelmente nem se terá lembrado do significado especial, não do golo, mas da data em que acabara de o assinar. Há sete anos, no mesmo dia, no Estádio Nacional (devido a obras no Estádio da Luz para construção de um novo estádio para o Euro’04), Luisão fazia a sua estreia com a camisola encarnada, contribuindo com um golo para o empate (3-3) registado no final do encontro da Liga portuguesa.

No mês anterior, o Benfica já havia defrontado a Lazio, em jogos da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões, da qual viria a ser afastado, mas o internacional brasileiro não participou em qualquer uma das partidas (nem em Roma, nem no Estádio do Bessa).

Para Luisão, este foi o quarto golo nas provas europeias (nunca marcou mais do que um por época). Em 2009/10, na Liga Europa, apontou um na goleada (5-0) ao Everton, no Estádio da Luz; há dois anos, o central brasileiro marcou ao Nápoles, em Itália, em jogo da Taça UEFA que os encarnados perderam (2-3); finalmente, em 2005/06, Luisão também fez das suas ao Liverpool, no Estádio da Luz, apontando o golo solitário do Benfica, até ontem o único em jogos da Liga dos Campeões.

Depois de Nuno Gomes (82) e Saviola (71), Luisão é o jogador do plantel com maior experiência internacional a nível de clubes. O defesa contabiliza 53 presenças nas competições da UEFA.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 13:28

Setembro 15 2010

Uma tarja com a palavra «humildade», exibida nas bancadas do Estádio da Luz, levou Pablo Aimar a garantir que o plantel do trabalho do Benfica continua a trabalhar da mesma forma que chegou ao título. Após a vitória sobre o Hapoel Tel Aviv (2-0), no primeiro jogo da Liga dos Campeões, o médio argentino (o melhor em campo) não prometeu vitórias, mas garantiu a mesma dedicação de sempre:

«Era importante vencer. A época não começou bem, e este triunfo cai bem. Uma vitória no domingo também seria boa. Ganhámos a uma equipa que tem algo a dizer nesta fase de grupos.»

[como é que o Benfica pode voltar aos bons resultados na Liga?] «Com muita intensidade. Ninguém duvide que vamos dar a vida pela equipa. Não nos chega o êxito da época passada. Há coisas que não se explicam. Vi uma tarja a pedir humildade. Não há falta de humildade. Nem sempre sai bem. Jogamos contra onze jogadores que têm o mesmo objectivo que nós. Não estamos a conseguir manter o bom ritmo e o bom jogo que nos conduziu ao êxito na época passado, mas ninguém duvide que estamos a procurar isso.

[podem prometer aos adeptos uma vitória sobre o Sporting?] «Isto é futebol. Não se pode prometer uma vitória. Podemos prometer que vamos correr e lutar, como fizemos na época passada e como temos feito.»

[ainda sobre as diferenças relativas ao Benfica da época passada] «É claro que a equipa não está como na época passada. Na época passada ganhámos três dos quatro primeiros jogos e este ano perdemos três dos primeiros quatro.»

[sobre o conselho que a SAD do Benfica deixou aos adeptos, para que não marquem presença nos jogos fora de casa] «Precisamos dos adeptos, mas se a direcção toma essa decisão, é para o bem do Benfica e da equipa. Por isso temos de respeitar.»

Fonte: Mais Futebol

publicado por Benfica 73 às 10:58

Setembro 15 2010
publicado por Benfica 73 às 10:54

Setembro 15 2010

A nação benfiquista une-se no grito do revolta, mas o desejo de ver os craques em ação inviabiliza o boicote dos adeptos aos jogos fora de casa, contrariando o apelo dos órgãos sociais para que aqueles apoiem a equipa apenas e só no Estádio da Luz. Este é o sentimento de presidentes do Casas do Benfica ouvidos por Record.

A próxima deslocação do Benfica será ao reduto do Marítimo, na Madeira, onde a representação das águias está encerrada. João Machado Oliveira, que presidiu à Casa do Benfica, duvida da eficácia do pedido. “No Marítimo, há 70 por cento de benfiquistas. Se não forem ao jogo como benfiquistas, vão como maritimistas.” Oliveira torce também pelo rival Nacional e, se não fosse o apelo, estaria nos Barreiros, clarifica.

Aqui tão perto...

No Algarve e, concretamente em Portimão, cujo clube mais representativo regressou este ano à Liga, há muita gente desejosa de ver o campeão nacional ao vivo. “Acho bem que o Benfica se revolte. No entanto, 80 por cento de Portimão é benfiquista. Quando são jogos no Estádio da Luz, os bilhetes esgotam em poucas horas. Imagine-se como será agora, com o Benfica aqui tão perto... é irresistível”, refere João Veiga, presidente da Casa do Benfica daquela cidade... e diretor suplente do Portimonense.

Na Figueira da Foz, Hermenegildo Neto alinha pelo mesmo diapasão. “Há pessoas que não têm possibilidades financeiras de ir à Luz e aproveitam para ver o Benfica aqui, em Coimbra, em Leiria ou em Aveiro.” Presidente da Casa figueirense há 18 anos, Neto quer ouvir os parceiros de direção antes de tomar uma decisão. Mas, por ele, se o jogo com a Naval fosse hoje, “não venderia bilhetes”, ao contrário do que aconteceu na última época. “Até adiantei um cheque pessoal.”

Quem não hesita é a líder das águias do Porto, Rosa Lima. O boicote é para seguir à risca. “Não está certo sermos abono de família dos outros e apanharmos pancada.”

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 09:25
Tags:

Setembro 15 2010

publicado por Benfica 73 às 08:32
Tags:

Setembro 15 2010

Foi um arrufo que chegou de surpresa e rapidamente passou. Cardozo mandou calar os adeptos do Benfica depois de marcar um golo. Menos de uma hora depois, já de duche tomado, fez questão de pedir desculpa pelo gesto que lhe valeu um coro de assobios.

«Quero pedir desculpa ao público pela minha atitude. Estava nervoso e não vou voltar a fazer aquilo. Peço desculpa a todos os adeptos do Benfica», começou por dizer o futebolista ao passar na zona mista (espaço de entrevistas rápidas) já depois do duche.

O ponta-de-lança paraguaio garantiu que não voltará a reagir a quente, mesmo que seja assobiado de novo: «Não volto a fazer o mesmo. Isto já passou, há que esquecer e continuar a ganhar. Tenho a certeza que os adeptos vão perdoar».

Cardozo admitiu que a vitória alcançada diante do Hapoel é um forte tónico para o jogo com o Sporting. «É muito importante ganhar esta partida. Estamos motivados para jogar com o Sporting e vamos entrar com a mesma atitude desta noite».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 00:11

Setembro 15 2010

«Ter ganho e não ter sofrido golos foi bom. O Hapoel vai complicar este grupo, não vai ser o quarto classificado, pode ser a surpresa deste grupo, vamos estar cá para ver. Estávamo com ideia clara do valor desta equipa e estivemos sempre muito seguros defensivamente. Se marcássemos primeiro, tinham de ir à procura de desfazer a desvantagem».

Quanto à atitude de Cardozo, Jesus pediu tempo para ele para outros jogadores que chegaram mais tarde aos treinos, desvalorizando o gesto do paraguaio: «Durante o jogo, os jogadores têm o sangue a 500 à hora, mesmo na comunicação comigo são bruscos. O Oscar fez 38 golos no ano passado, não é qualquer avançado que o faz. Não está tão bem como no ano passado, mas chegou 2 semanas antes de começar o campeonato, só tem 4 semanas de trabalho. As pessoas têm de o perceber, dar-lhe alguma confiança. Não é ágil, parece que não quer correr, mas ele é mesmo assim, só com treino vai ficar melhor. Preciso de mais umas semanas para estes cinco jogadores que chegaram mais tarde ficarem em forma.»

publicado por Benfica 73 às 00:08

BENFICA 73
contador grátis
Setembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...