Julho 01 2010

O Benfica cumpriu na tarde desta quinta-feira o primeiro treino da pré-época com a presença de adeptos. Mais de um milhar como que preencheu a bancada do Caixa Futebol Campus, no Seixal, empregando ambiente de euforia em torno dos campeões nacionais.
À entrada do plantel comandado por Jorge Jesus voltaram a ouvir-se os cânticos dos festejos do título da época passada, levando todos ao centro do relvado a prestar a devida vénia.
Marcaram presença 24 jogadores, incluindo o júnior Rafael e o jovem guarda-redes esloveno Jan Obelak, contratado ao Olimpija Ljubljana. Caras novas também o guarda-redes Roberto, o defesa Fábio Faria e os argentinos Gaitan e Jara.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:13

Julho 01 2010

No jogo com a Espanha bastava a Carlos Queiroz ter tido a inspiração, o rasgo de génio para, aos 57 minutos da segunda parte, substituir Cristiano Ronaldo por Danny, deixando ficar em campo Hugo Locomotiva Almeida, e teríamos, hoje, garantido não a vitória, porque isso é impossível de afirmar, mas, pelo menos, a tranquilidade de espírito necessária à população em geral para recordar a passagem da selecção portuguesa pelo Mundial de 2010 sem cair naquela fúria tão a gosto e tão portuguesa de apontar culpados.

Nem sequer ninguém poderia apontar o que quer que fosse ao próprio Cristiano Ronaldo que, sem ter feito um grande Mundial, também não fez muito menos do que um Mundial razoável. No jogo com a Costa do Marfim foi o único que conseguiu estremecer o adversário num remate direito ao poste que levou Drogba a benzer-se, no jogo com a Coreia do Norte fez um golo meio maluco e, no final, foi-lhe elogiada a disposição com que se envolveu no jogo colectivo da equipa, no jogo com o Brasil não esteve pior nem melhor do que os companheiros e, finalmente, no jogo com a Espanha, e de novo na marcação de um livre, obrigou Casillas a largar uma bola que só não deu golo porque os companheiros da recarga chegaram atrasados.

E depois deste lance, aos 27 minutos da primeira parte, Ronaldo pouco mais produziu contra os espanhóis. Não fosse ele Ronaldo e a sua substituição, antes do primeiro quarto de hora da segunda parte, teria sido muito bem compreendida pela imprensa e pelos adeptos. Sendo ele Ronaldo, a sua substituição não teria provocado nenhum motim na equipa portuguesa, Carlos Queiroz teria produzido um notável exercício de justiça e de autoridade e, tivesse ele um bocadinho de sorte ao jogo, estaria agora dispensado de vir para os jornais falar sobre «camisolas pequenas demais». E, muito menos, de vir falar de braçadeiras grandes demais.

 

O Uruguai foi duas vezes campeão do mundo há muitos, muitos anos. E depois ofuscou-se, vá lá saber-se porquê, e nunca mais voltou a exibir-se como um candidato forte no patamar das grandes emoções. Este Uruguai de 2010 tem sido um encanto de ver jogar e ganhar. E marcar. Forlán e Suarez rêm cumprido impecavelmente as suas missões lá na frente e Cristian Rodriguez nem sequer está no Mundial. Como diz um amigo meu, muito versado em temas internacionais, ao Uruguai está a acontecer precisamente o que aconteceu ao Benfica. Ou seja, melhorou bastante desde que abdicou da cebola.

 

Quim voltou para o Sporting de Braga de onde saiu para vir para o Benfica. É um percurso lógico para um guarda-redes que, já não sendo um jovem, ainda não está em fim de carreira. Em Braga, Quim não vai querer desperdiçar a oportunidade de provar a Carlos Queiroz que ainda tem futuro e de provar aos adeptos do Benfica que também ele teve a sua quota-parte importante nos títulos nacionais alcançados em 2004/2005 e em 2009/2010.

Entretanto, o Benfica gastou 8,5 milhões de euros para comprar Roberto ao Atlético de Madrid. Há quem se espante com o volume financeiro do negócio. É normal. Já no ano passado aconteceu haver quem desconfiasse dos 7 milhões dados por Javi Garcia e bastaram meia dúzia de jogos do jovem espanhol para desvanecer a desconfiança geral. Sobre Roberto, os benfiquistas sabem pouco. Cresceu no Atlético de Madrid e, pelos vistos, cresceu bastante, mede 1 metro e 94 centímetros. Lesionou-se no primeiro terço da época passada, cedeu o lugar a Gea e, em Janeiro deste ano, foi emprestado ao Saragoça que lutava para não descer de divisão. Roberto terá sido decisivo nessa luta o que facilmente se confirma pesquisando nos sites dos adeptos do Saragoça que, sem êxito, lançaram a campanha Roberto quédate porque não queriam ver a ir-se embora.

As opiniões dos adeptos são sempre de levar em conta porque não são movidas por outros critérios que não sejam os da produtividade e eficácia. Ao contrário dos empresários, dos jornalistas, dos teóricos e dos treinadores, os adeptos nunca se enganam. A tristeza com que a afición do Saragoça viu partir Roberto garante, à partida, a alegria com que o vamos receber.

Ou não será assim? Porque também é verdade que ninguém viu ou ouviu os adeptos do Saragoça a chorar quando Fábio Coentrão se veio de lá embora depois de meia temporada incógnita na liga espanhola. O futebol, afinal, não é tão simples como parece.

 

JOSÉ EDUARDO BETTENCOURT tanto anunciou que o Sporting, nesta época, ia «deixar a pele em campo» que a equipa logo se estreou com um 10-0 frente ao Sarilhense, o adversário escolhido para abrir a pré-temporada leonina. É verdade que com o Sarilhense é difícil haver sarilhos dentro das quatro linhas, mas esse facto não invalida nenhum dos dez golos que lhes foram aplicados em campo pelos sportinguistas.

Fora de campo, o Sporting de Costinha esmera-se também em evitar sarilhos. E ninguém acredita que Hugo Viana tenha aceitado baixar o salário em 40 por cento para se juntar aos eleitos de Alvalade e também ninguém acredita que João Moutinho tenha ficado minimamente aborrecido por perder o estatuto que a braçadeira lhe conferia. Aliás, o próprio Paulo Sérgio já explicou bem a situação: «Moutinho será um dos meus capitães.»

No futebol profissional ao mais alto nível, os capitães são como os chapéus, enfim, há muitos.

 

Na segunda-feira, o primeiro golo da Holanda contra a Eslováquia nasceu de um passe certeiro de Sjneider para Robben, que não desperdiçou. Depois, já perto do fim do jogo, Sjneider fez o 2-0 e acabou com a discussão. Os dois holandeses que não serviram para o Real Madrid serviram, muito bem, para o Inter de Milão e para o Bayern de Munique, onde se sagraram campeões, e continuam em maré de prestar bons serviços, agora à selecção do país onde nasceram.

Sjneider deu uma entrevista curiosa, na África do Sul, desejando toda a sorte do mundo a José Mourinho, que considera o melhor treinador com quem trabalhou, e afirmando peremptoriamente que «nem morto» regressa ao Real Madrid onde, diz, lhe faltaram ao respeito.

É por estas e por outras que ainda não perdi a esperança de ter Di María, para o ano, de volta ao Benfica na condição de emprestado…

Autor: Leonor Pinhão

Fonte: Jornal A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:11

Julho 01 2010

Toni recebeu um convite de Eriksson. São amigos, foram cúmplices de muitos momentos de glória no Benfica. O treinador sueco quis que Toni auxiliasse na observação dos adversários da Costa do Marfim no Mundial. Eriksson sabe o que faz, sabe o que quer. Toni sabe muito de futebol, sabe ter olho perspicaz para a função.

Colocava-se um problema, problema maior num País pejado de chagas menores. A Costa do Marfim era adversária de Portugal na fase inicial do certame da África do Sul. Toni, em tempo útil, até avisou Carlos Queiroz. Fê-lo e fê-lo bem. De resto, não consta que Toni fosse alguma vez convidado pela nossa Federação para desempenhar tarefas semelhantes, não obstante a sua reconhecida competência. Sabida a coisa, dispararam as críticas ao antigo treinador do nosso Clube. Valeu tudo e mais alguma coisa. Toni foi rotulado de espião, de anti-patriota, de mais uma série de disparates. Então o brasileiro Otto Glória não dirigiu a Selecção Nacional no Mundial de 66? Luiz Felipe Scolari não fez o mesmo recentemente? O próprio Carlos Queiroz não orientou, há tempos, a equipa nacional da África do Sul? O italiano Capello não é responsável pela formação inglesa? E onde é que nasceram Deco, Pepe ou Liedson?

Toni é um cidadão exemplar, Toni é um patriota convicto, Toni é um profissional competente, Toni ama o futebol como poucos. Toni tem todo o direito de fazer as opções que entender na sua carreira. Toni não traiu, jamais trairia o país pelo qual suspira. Os seus detractores, esses sim, traem o espírito da bola, traem os especialistas da bola, traem a própria bola.

Autor: João Malheiro

publicado por Benfica 73 às 12:09

Julho 01 2010

Rodrigo Moreno, avançado vinculado ao Real Madrid cuja contratação o Benfica tem praticamente acertada com os merengues, quer garantir a transferência até domingo. Nesse dia, o jogador vai integrar o estágio de preparação da seleção espanhola Sub-19 para o Campeonato da Europa da categoria, que terá lugar em França, entre 18 de 30 de julho.

Regressado a Madrid, depois de ter gozado um período de férias no Brasil, o avançado hispano-brasileiro, de 19 anos, garante: "Espero definir o meu futuro até domingo, Pretendo ir tranquilo para o Europeu."

O processo relacionado com a contratação de Rodrigo pelas águias decorreu paralelamente ao da transferência de Di María da Luz para Madrid. O negócio está quase fechado, mas o esquerdino ainda não o dá como terminado.

"Conheço o interesse do Benfica, mas não sei exatamente como está o processo", assinala o jovem, nascido no Rio de Janeiro, que se mostra entusiasmado com a perspetiva de representar o emblema da águia. "O Benfica é um grande clube, o campeão de Portugal. Deixa-me orgulhoso saber que uma grande equipa europeia tem seguido o meu trabalho."

Adaptação fácil
Rodrigo remete a decisão para os merengues. "O Real Madrid vai decidir o que é melhor para o clube e para mim", sublinha, frisando que nada pode adiantar "até que o acordo seja oficial". "Estou supertranquilo relativamente ao que possa acontecer", refere ainda.

O brasileiro naturalizado espanhol, que há um ano trocou o Celta Vigo pelo Real, garante, ainda, assim, que a adaptação a Portugal, caso se confirme a transferência, não será difícil. "Falo a mesma língua. E sei que em Portugal há uma grande colónia brasileira. Quando estava em Vigo, deslocava-me muitas vezes ao Porto e reparei que havia muitos restaurantes brasileiros", observa Rodrigo, realçando que jogar no Benfica ou no Real são duas possibilidades que o deixam "contente".

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:11

Julho 01 2010

O seleccionador do Paraguai, Gerardo Martino, revelou que Óscar Cardozo pediu para marcar o último penaltie frente ao Japão. O avançado do Benfica garante que não sentiu «qualquer pressão» na altura de converter a grande penalidade que garantiu o apuramento da “albirroja” para os quartos-de-final.

«Quando terminou o prolongamento, Cardozo veio ter comigo e pediu-me não apenas para marcar um penalty, mas especificamente para ser o quinto. Quando um jogador faz isto e depois converte a grande penalidade com a serenidade com que ele o fez, só podemos tirar-lhe o chapéu», disse o seleccionador paraguaio, lembrando que Takuara não é ainda um jogador preponderante na selecção como é no seu clube.

Em entrevista ao site oficial da FIFA, Cardozo voltou a frisar que apontou «o golo mais importante» da sua carreira: «Não tinha nada no pensamento. Não senti qualquer pressão. Foi como marcar uma grande penalidade num jogo na minha rua. É um momento alto para todos nós, a nossa selecção nunca atingiu nada assim.»

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 11:04

Julho 01 2010

publicado por Benfica 73 às 09:40

Julho 01 2010

 

"É difícil chegar ao topo e é difícil mantermo-nos lá. Vamos partir para a nova época, este ano, com a convicção de que seremos bicampeões!"

 

“É bonita a camisola e é bonito os jogadores. Tudo é bonito no Benfica. Está à altura das expectativas e das nossas convicções”, afirmou sobre o novo equipamento alternativo, que se mostrou confiante para a nova época: “De certeza que vamos ter mais um ano com muita magia. O Benfica vai ter novamente uma equipa forte.”

A saída de Di María foi anunciada na terça-feira, mas Jorge Jesus está plenamente confiante no jogador que vai ocupar a sua posição. “Já temos substituto para o Di María. É o Gaitán. O Di María já justificou e por isso vai para o Real Madrid. O Gaitán vai ter de provar todo o seu potencial e tudo aquilo que acredito nele. Por isso, fomos contratá-lo”.

Relativamente a Fábio Coentrão, o treinador não se mostrou surpreendido com as exibições do atleta no Mundial. “Foi aquilo que previ. Antes de começar o Campeonato do Mundo, disse num programa de televisão que o Fábio ia ser a revelação e que ia ser um dos melhores laterais do mundo. Cada vez mais tenho essa convicção e o Fábio demonstrou de facto que é um lateral-esquerdo com um nível muito alto”, afirmou Jorge Jesus, remetendo uma eventual saída do atleta para Luís Filipe Vieira: “Essa área pertence ao presidente, não passa por mim.”

publicado por Benfica 73 às 08:18

Julho 01 2010


«Queremos repetir a conquista do título nacional. As expectativas são essas, é esse o objectivo. Este ano com responsabilidades acrescidas, pois somos os actuais campeões. Temos mais responsabilidade na luta pelo título nacional.
Os adeptos do Benfica habituaram-se, ao longo da História do clube, a serem vencedores. Seguramente que gostaram muito da época passada e estão contentes com aquilo que o clube fez. Espero que durante esta próxima época possam acompanhar a equipa como acompanharam o ano passado».

publicado por Benfica 73 às 07:59

Julho 01 2010

publicado por Benfica 73 às 07:28
Tags:

BENFICA 73
contador grátis
Julho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...