Junho 19 2010

publicado por Benfica 73 às 19:35

Junho 19 2010

O Real Madrid começou por avaliar o passe em sete milhões de euros, mas o avançado pode chegar à Luz pelo mesmo preço que custou Saviola.

O preço já está definido: se Rodrigo chegar à Luz a SAD terá de pagar cinco milhões de euros. O negócio está bem encaminhado e apesar de a sua concretização não depender directamente da transferência de Di María para o Real Madrid, dificilmente será feito antes da consumação do acordo.

No início das conversações os merengues começaram por pedir sete milhões de euros mas foram baixando a parada até a uma verba consensual.

Rodrigo é um avançado de 19 anos que actuou na época passada ao serviço do Castilla, filial do Real Madrid dedicada a formar jogadores do clube madrileno. É avançado mas pode jogar mais recuado, no apoio ao ponta-de-lança ou mesmo nas alas. Esquerdino puro, tem na velocidade, técnica e bom remate de meia distância as suas principais características.

O brasileiro naturalizado espanhol (já é internacional pelos sub-19 da roja) será, de resto, um dos jogadores da cantera que José Mourinho irá querer observar antes de dar sinal positivo à sua saída.

 

BI

Rodrigo Moreno Machado

Nome profissional – Rodrigo

Posição – Avançado

Data de nascimento – 06 / 03/ 1991 (19 anos)

Naturalidade – Rio de Janeiro (Brasil)

Altura – 1,80m

Percurso – Ureca de Nigrán, Flamengo, Celta de Vigo e Real Madrid Castilla

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 14:15

Junho 19 2010

Já faz mais de uma semana que a Selecção portuguesa, baptizada por Carlos Queiroz com o nome de Navegadores, se encontra na África do Sul. Surpreendentemente, ainda nenhum poeta se ofereceu para narrar em verso a epopeia destes navegadores, cujo cognome evoca outros que, mais ou menos no mesmo sítio, viveram aventura igualmente emocionante - mas tiveram a sorte de arranjar bardo que os cantasse. Soubesse eu fazer decassílabos e, com boa vontade, tomaria nas mãos a tarefa de transformar em poema épico os heróicos feitos da equipa nacional nesta passagem, cerca de 500 anos depois, de novos navegadores pelo Cabo da Boa Esperança.

Creio que o trabalho não seria demasiado difícil. Em lugar do clássico início «As armas e os barões assinalados», talvez se justificasse uma referência a episódios um pouco mais actuais: «As armas que os jornalistas assaltados / na meridional praia africana», etc. Neste campeonato do mundo tão rico em tácticas defensivas e empates, é refrescante encontrar alguém que esteja realmente interessado em atacar, e até agora os bandidos têm sido dos poucos a atacar com arreganho e consistência. Nem que seja só por isso, merecem a simpática menção.

A segunda estrofe começaria, provavelmente, com a tradicional evocação à musa. Excepcionalmente, o poeta não pediria ajuda para si. Camões pediu à musa dele que o ajudasse a escrever; o vate dos novos navegadores pediria à musa que ensinasse a equipa a jogar. É uma questão de prioridades e, de facto, os jogadores precisam mais de ajuda do que o bardo.

À medida a que o canto avança, o melhor seria comparar os actuais navegadores com aqueles que lhes deram o nome. Os navegadores do século XVI e os do século XXI postos frente a frente, para ver quais são os mais valentes. «Escorbuto e fome nas caravelas / São nada a comparar com as vuvuzelas». Com todo o respeito para com o escorbuto, duvido que seja mais incomodativo que um estádio cheio daquelas cruéis cornetas.

O homólogo de Vasco da Gama na epopeia de hoje seria, creio, Carlos Queiroz, pelo que o poeta lhe daria especial atenção. «Da táctica não sabe o bê-á-bá / Mas queixa-se da tala do Drogba» poderia ser o princípio de uma visita à personalidade do nosso herói. Quem sabe se Manuel Alegre, que em tempos dedicou um poema a Figo, não poderá cantar agora o Queiroz em lugar do Gama?

 

Mesmo sabendo que quase só se fala de Selecção, sinto-me obrigado a referir outro assunto: o Sporting. Um cronista não pode falar apenas dos grandes temas, e além disso desta vez vem mesmo a propósito. O Sporting acaba de apresentar três reforços, dois dos quais são o Maniche. Ainda estive tentado a contar os duplos queixos do novo jogador do Sporting, mas não tinha a máquina de calcular à mão e desisti. Se, prosseguindo esta política de contratar estrelas do passado, o Sporting contratar Rochembach, ninguém passará pelo meio campo do Sporting. Não pela eficácia das marcações, mas porque não haverá mesmo espaço para passar.

Autor: Ricardo Araújo Pereira

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:52

Junho 19 2010

As classificações anuais dos árbitros podem ser estruturadas com base em critérios de rigor, mas apenas são entendíveis em toda a sua extensão por gente do ofício. Sempre se nos apresentaram por isso envoltas em estranho manto de mistério, propensas a desconformes interpretações. Não é assunto particularmente entusiasmante, nem a confraria alguma vez revelou interesse em deixar de funcionar em circuito fechado, pois no dia em que a arbitragem decidir transformar-se em coisa normal, poderemos então encontrar respostas para muitas das dúvidas que hoje incomodam quem, como eu, entende mal os códigos de conduta no império do apito. Se me refiro a elas, às classificações, é por ver Pedro Henriques em lugar de despromoção. O árbitro que até há pouco tempo era apontado como exemplo, ao nível da filosofia, privilegiando um certo estilo inglês, em que o jogador é de facto o único protagonista, e também de seriedade, foi ‘despachado’ para a 2ª categoria. Sentiu-se atingido. Por isso, a um ano de terminar a carreira, sugeriu-lhe a dignidade que acabasse já! Nobre atitude.

Na época transacta foi nomeado para oito jogos da Liga Sagres, três deles em que um dos intervenientes foi o FC Porto. No primeiro, em Olhão, errou, mas distribuiu a asneira pelas duas aldeias. E nos outros?

FC Porto-V.Setúbal: rezam as crónicas não ter visto dois penalties, um sobre Hulk e o outro sobre Sapunaru.

V.Setúbal-FC Porto: mostrou a Falcao o cartão amarelo que o afastou do clássico no Dragão com o Benfica. Ah!, e expulsou Jesualdo Ferreira.

Com pecados destes, Pedro estava à espera de quê?...

Autor: Fernando Guerra

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:13

Junho 19 2010

publicado por Benfica 73 às 08:46
Tags:

BENFICA 73
contador grátis
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...