Junho 12 2010

 

 

publicado por Benfica 73 às 19:31

Junho 12 2010

 

 

publicado por Benfica 73 às 19:30

Junho 12 2010

publicado por Benfica 73 às 19:08

Junho 12 2010

Apontado como prioridade de José Mourinho para reforçar o Real Madrid se a contratação de Maicon não for uma realidade, David Luiz admite que seria muito difícil recusar uma proposta do clube espanhol.

«É um grande orgulho ser associado ao Real Madrid. Quem poderia dizer-lhe que não?», questionou o central encarnado, citado pelo diário As, deixando outra pergunta no ar quando confrontado com uma eventual proposta “merengue”: «Se fosse o melhor para o Benfica, para o presidente e para todas as partes, porque não?».

«O Real Madrid está na boca dos miúdos de todo o Mundo. É o melhor clube da história e todos os jogadores querem vestir a sua camisola. Se eu sou expecção? Kaká e Cristiano [Ronaldo], que são os melhores do Mundo, tinham “fome” de vestir a camisola branca», notou David Luiz, vincando que «o Real e o Benfica são os melhores clubes do Mundo».

«Há que ter cabeça e saber que há que viver um dia de cada vez. Não se podem viver os sonhos se não trabalharmos todos os dias com dedicação», atirou.

Fonte: Jornal A Bola

publicado por Benfica 73 às 15:47

Junho 12 2010

Quando o despudor e a desonestidade intelectual se juntam, provocam uma libertação de gases, mais fétida que qualquer tipo de putrefacção biológica.

É o que normalmente Sousa Tavares algo Miguel, provoca todas as terças-feiras na coluna que ass(ass)ina, no jornal “A bola”. Tem, apenas, duas utilidades, aquela folha de jornal. Falarei apenas de uma: - Ajudar o “nosso” Ricardo Araújo Pereira a, com pouco esforço, executar o seu brilhante trabalho de “Arquivista”. A falta de humor de ST algo M, já se transformou na gargalhada nacional há muito. Pergunta ele, se alguém acredita, que Pinto da Costa tentou contratar Jorge Jesus? E que se fartou de rir. Ele ri? Terá sido a mesma gargalhada que deu, quando, Rui Águas e Dito rumaram às Antas? Ou terá sido igual à de quando Kulkov e Iuran seguiram o mesmo caminho? Ou quando Jankauskas foi reforçar a equipa de Mourinho?

Ou quando Deco via Salgueiros, assinou pelo FCP? Ou terá rido, sonora e fartamente, quando a época transacta, Álvaro Pereira e Falcão deram o dito por não dito e foram “desviados” da Luz para as novas Antas?

Sousa Tavares algo Miguel, pensa que somos todos papalvos.

Eu acho que este falhanço da contratação de JJ (o segundo com se sabe) por parte de Pinto da Costa lhe terá apenas provocado, uma forte azia e um esforçado sorriso amarelo, um pouco menos intenso, que a vitória do Spot Lisboa e Benfica no campeonato e menor ainda que o que quis dar, quando Kleber decidiu não assinar em três minutos.

Quanto à segunda escolha para treinador, de Pinto da Costa, André Villas-Boas, é de nos deixar, para já, muito felizes, pois os vaticínios de ST algo M, como um amigo nosso arquivista demonstrou este ano, são sempre desastrosos. Mas, desse arquivo trata ele. E bem.

O complexado, tal como o ignorante, é sempre arrogante e atrevido.

Autor: António Melo

Fonte: Jornal O Benfica

publicado por Benfica 73 às 15:42

Junho 12 2010

[Sobre a contratação de Villas-Boas] (…) não tenho opinião formada (e quem poderá tê-la?)

Miguel Sousa Tavares

A Bola, 8 de Junho de 2010

 

“É uma escolha fantástica”.

Rui Moreira

Antena 1, 2 Junho de 2010

 

A abordagem de Pinto da Costa a Jorge Jesus não resultou. Acontece. Por uma qualquer razão difícil de explicar, o treinador do campeão nacional não se mostrou interessado em ir orientar o terceiro classificado na Liga Europa. Enfim, nem todos os contactos do presidente do Porto podem ser tão bem sucedidos como aquele telefonema que manteve com o árbitro Augusto Duarte. E, além disso, é natural que os treinadores vivos desconfiem de um presidente que falha as promessas a treinadores falecidos. Benfiquismo à parte, foi pena. Sinceramente, gostaria de ter visto a equipa técnica que Jorge Jesus iria formar no Porto. Este adjunto que Pinto da Costa acabou de contratar podia ser um excelente ajudante de Raul José, Miguel Quaresma, Mário Monteiro e Pietra. Quem sabe se, no futuro, Villas-Boas não pode ainda integrar a equipa técnica de Jorge Jesus e aí demonstrar todo o seu celebrado talento para a observação e a estatística?

 

Tal como sucedeu nos processos de Domingos Névoa e Fátima Felgueiras, também o processo Apito Dourado terminou sem qualquer condenação por corrupção. O empresário Manuel Godinho, detido no âmbito de processo Faca Oculta, de quem se diz erroneamente que aguarda julgamento, na verdade aguarda absolvição. Os processos têm pontos de contacto notáveis. Fátima Felgueiras foi passar uma temporada ao Brasil, talvez no mesmo avião em que viajou Carlos José Amorim Calheiros, conhecido como Carlos Calheiros para efeitos de arbitragem e como José Amorim para fins turísticos. Por outro lado, enquanto Manuel Godinho oferecia peixe, Pinto da Costa oferecia fruta. Tudo víveres que devem fazer parte de uma alimentação saudável. Quanto mais não seja por semelhante elevação de princípios, não admira que não haja tribunal que se atreva a condenar esta gente.

 

Esta semana trouxe boas notícias e más notícias. A boa notícia é que Rúben Amorim foi chamado à Selecção. A má notícia é que foi chamado à Selecção portuguesa. Por um daqueles enormes azares, o rapaz não pode integrar uma equipa cuja categoria e ambição estejam à sua altura, infortúnio que partilha, aliás, com Fábio Coentrão. Que se apoiem mutuamente nesta hora difícil e voltem sãos e salvos, é o que lhes desejo. Até porque a equipa portuguesa continua a jogar um futebol desorganizado, com jogadores que parecem não saber o que estão a fazer em campo. Liedson, por exemplo, está de tal forma mal integrado na equipa que quem não soubesse até diria que é estrangeiro.

 

Depois de André Villas-Boas (sete épocas de Mourinho), Baltemar Brito (seis épocas de Mourinho) é o segundo adjunto do Special One a ser contratado para treinar um clube português. O Belenenses, sem capacidade financeira para sete épocas de Mourinho, teve de se contentar com seis. Além de que Baltemar Brito veste pior do que Villas-Boas, e não é ruivo. Nisto do futebol, a qualidade custa dinheiro, e tanto os fatos de bom corte como a coloração capilar têm um preço elevado, até pelos pontos que rendem no final da época. Segundo consta, o barbeiro de José Mourinho está nos planos do Trofense. Ora, na qualidade de cidadão que já trocou quatro SMS com o Special One, aproveito esta oportunidade para fazer saber ao mercado que não estou disponível para orientar equipas. Mas, ao que me dizem, o corta-unhas de José Mourinho vai mesmo treinar o Arrentela.

Autor: Ricardo Araújo Pereira

Fonte: Jornal A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:01

Junho 12 2010

O Benfica e a Olivedesportos vão tentar chegar a acordo para a celebração de um novo contrato de direitos de transmissão televisiva. A actual ligação, que proporciona uma receita de cerca de oito milhões de euros anuais, acaba em 2012/13, havendo possibilidades concretas de ser prolongado – mas, obviamente, por valores substancialmente mais favoráveis para o Benfica. Fonte próxima de processo revelou a A Bola que a SAD poderia aceitar um valor na ordem dos 25 milhões de euros por época, estando na mão da Olivedesportos satisfazer essa exigência. Em cena pode entrar a PT ou mesmo um operador estrangeiro se o Benfica decidir fazer um concurso internacional, mas entre os encarnados acredita-se que o contrato pode ser renovado. Na Luz, há a convicção de que, por arrasto, FC Porto e Sporting podem ser beneficiados com os novos contratos, embora por valores inferiores e distantes.

Fonte: Jornal A Bola

publicado por Benfica 73 às 11:38

Junho 12 2010

Afinal, a história da “lista” de 50 treinadores para escolher o eleito dos Andrades era pura bazófia. A “lista” tinha um único treinador, que por sinal era o do Benfica, e uma segunda escolha que por acaso era o treinador que por duas vezes fora impedido de assinar pelo Sporting. Não restam dúvidas que o cabecilha da colectividade esgotou a imaginação e a faculdade de discernir. Há muito que não consegue descobrir um jogador que se veja a não ser surripiando descobertas do Benfica. E em matéria de treinadores, a “lista” dos 50, afinal, era o nome de Jorge Jesus escrito cinquenta vezes. Ou vá lá que fossem 49, ficando a quinquagésima escolha para o treinador que o Sporting tentou contratar sem êxito, porque estava de reserva para o caso provável de falhar “a lista” das 50 opções.

O cabo da sociedade recreativa vive torturado por dois pesadelos: o primeiro, é o transtorno obsessivo com o Benfica, o segundo, é o seu próprio destino para além do fim de mandatos que vai adiando. E o pior é que as duas questões de algum modo interagem. O sucesso do Benfica é a maior, mais consistente e mais eminente ameaça ao império do “sistema” e ao pontificado do régulo das Antas. De maneira que o indivíduo já nem cuida de saber como vai governar a própria colectividade, mas apenas com poderá desgovernar o Benfica. Roubar-lhe o treinador? Dizimar-lhe o plantel?

A bazófia da “lista” dos 50 treinadores é um caricato número de ilusionismo de cordel que não consegue disfarçar uma patética realidade. Chama-se declínio.

Autor: João Paulo Guerra

Fonte: Jornal O Benfica

publicado por Benfica 73 às 10:18

Junho 12 2010

Presidente do Benfica diz que o avançado ganha aquilo que pediu. Não vai aumentar salário. Apela aos benfiquistas para ignorarem o «ruído dos últimos dias».

Óscar Cardozo vai ter de conformar-se com o salário que aufere, revisto e aumentado no arranque da época 2009/2010, e respeitar o contrato de mais quatro anos. Esta foi a mensagem que Luís Filipe Vieira enviou, ontem, de Macau ao avançado paraguaio e, especialmente, ao empresário Pedro Alave.

As recentes declarações do agente, que pôs em causa a vontade do melhor marcador da Liga continuar na Luz com as mesmas condições, caíram mal no Benfica e tiveram, agora, a resposta do presidente encarnado.
Jorge Jesus abriu a porta de saída a Cardozo - «Se quiser ir embora que vá», disse o treinador - mas Vieira fechou-a. Com estrondo.

O líder dos encarnados confessou alguma estranheza com a situação, sugerindo responsabilidade do empresário. «Conhecendo Cardozo, não percebo isto. O jogador quer o Benfica e o Benfica quer o jogador», desabafou, num tom irónico. Para Vieira «é tudo muito claro», porque Cardozo «tem um contrato por mais quatro anos para cumprir». Recorda a renovação em 2009 e nem quer ouvir falar de pressão para que o salário do avançado paraguaio seja outra vez aumentado.

«Que eu saiba ninguém o pressionou para assinar. Fê-lo de livre vontade. Isto não é uma bola de neve. Fizemos um contrato de cinco anos que é para cumprir. O Benfica está a pagar o que Cardozo pediu. Ele ganha o que sempre quis ganhar e o que merece!», revelou Vieira.

Fonte: Jornal A Bola

publicado por Benfica 73 às 08:56

Junho 12 2010

publicado por Benfica 73 às 08:26
Tags:

BENFICA 73
contador grátis
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





subscrever feeds
comentários recentes
Do You Need A Loan To Consolidate Your Debt At 1.0...
Here is a good news for those interested. There is...
Viva o BenficaSaudações de UMA TETRA
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...