Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Amigos de Zidane e Ronaldo 3 - 3 All-Stars do Benfica

26.01.10, Benfica 73


 

Foram 51.312 espectadores que disseram presente no jogo de apoio às vítimas do terramoto no Haiti. Numa partida recheada de estrelas do futebol mundial, o resultado final foi um empate a três golos.

Como uma frente de ataque composta por jogadores no activo (leia-se Nuno Gomes e Fabrizio Miccoli), os All-Stars do Benfica criaram as primeiras duas situações de golo na 7.ª edição do Jogo Contra a Pobreza. Miccoli (2’) e Rui Costa (10’), actual director-desportivo dos “encarnados”, testaram a atenção de Fabian Barthez.
Mas foi a equipa dos amigos de Zidane e Ronaldo que abriu a festa no Estádio da Luz, ao marcar por intermédio de Kaká (jogou em representação de Ronaldo). O futebolista do Real Madrid entrou na área e contornou o guarda-redes Quim, colocando o esférico dentro da baliza (14’).
Miccoli, um dos jogadores mais aplaudidos no encontro desta noite, aproveitou para dar espectáculo aos 16 minutos. Com um toque de calcanhar, o futebolista do Palermo desmarcou brilhantemente Nuno Gomes. O avançado isolou-se e fez o empate.
Os mesmos protagonistas voltaram a estar em evidência aos 20 minutos. Miccoli fez mais um passe de classe para Nuno Gomes, mas o remate saiu rente ao poste da baliza. No entanto, aos 22, Nuno Gomes fez mesmo o 2-1 e novamente após receber uma assistência de Miccoli.
A equipa de Zidane teve duas situações para empatar o jogo, mas Quim e Neno travaram os remates de Pauleta (26’) e Zidane (35’), respectivamente.
Foi uma primeira parte marcada também pela entrada de Fernando Chalana. O “pequeno genial” fez vibrar as bancadas, lembrando os bons velhos tempos.
No intervalo, a fadista Katia Guerreiro, acompanhada pelo público presente no Estádio da Luz, cantou os parabéns ao aniversariante Eusébio da Silva Ferreira. O “pantera negra” comemorou 68 anos.
Para o segundo tempo, o velocista Francis Obikwelu entrou para a equipa de Zidane e animou muito as bancadas no pouco tempo que esteve em campo. O luso-nigeriano saiu pouco depois de a sua equipa ter marcado. Após uma assistência de Zidane, o compatriota Robert Pires bateu Moreira (53’) e fez, assim, o empate.
Depois de uma excelente defesa de Moreira a remate de Kluivert (59’), o Benfica marcou num bom remate de Éder Luís (60’). O reforço de Inverno estreou-se a marcar com a camisola dos “encarnados”, ainda que num jogo não oficial.
Foi uma partida que também teve direito a uma invasão de campo bem-sucedida, o que provocou um burburinho no Estádio da Luz. Pouco depois Bhutia (85’) conseguiu igualar num remate cruzado.

Numa partida em que o resultado final era o que menos interessava, ficou mais uma vez a prova de solidariedade dos portugueses e em particular dos benfiquistas. 51.312 espectadores deram o seu contributo para minorar a situação que o povo haitiano está a viver neste momento.

Texto: Rui Manuel Mendes