Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Javi García em entrevista: «Quero tornar-me no capitão do Benfica»

26.06.11, Benfica 73

Do Benfica não sai e do Benfica ninguém o tira: Javi García diz que nunca sentiu tanto uma camisola; garante que um dos desafios da nova época passa por «marcar mais golos». 
Nunca se lesiona e está sempre disponível para todos os jogos. Qual é o segredo de tanta regularidade?
Graças a Deus nunca tive lesões problemáticas. Pode ser do meu físico, pelo facto de ser delgado e não ser muito musculado. Mas não quero falar muito disso e bato na madeira. Espero continuar assim. 
Nunca marcou tantos golos como no Benfica. Aqui tem menos medo de arriscar?
No Osasuna joguei com apenas 17 anos o primeiro ano de primeira divisão, estava mais inibido. No ano seguinte, no Real Madrid, joguei 15/16 jogos, ao passo que no Benfica joguei 45 a 50 jogos por época. É natural que marque mais golos. Aqui jogo numa posição mais defensiva, mas nas camadas jovens actuava mais à frente e não era estranho aparecer na cara do guarda-redes. Esse é outro dos meus objectivos para esta época.
Teve propostas para sair esta época? Falou-se especialmente do Málaga...
Sinceramente, nada sei. Fui lendo os jornais, o que se dizia de mim, mas pouco falei com o meu empresário e nem havia muito para falar porque não quero sair do Benfica. Estou muito feliz aqui. Esta é a melhor fase da minha vida, quer profissional quer pessoalmente, e a isso devo ao Benfica. Devo muito a este clube e a esta gente e depois de ter vivido o que vivi no primeiro ano em que estive aqui e ter ganho os títulos que ganhei quero muito voltar a repetir esse momento e se puder ser com um título europeu, melhor. Há dois anos fomos aos quartos-de-final, na época passada às meias e quem sabe se este ano não chegamos a uma final... 
O que o faria deixar o Benfica? Porque costuma transmitir a ideia de que criou raízes muito fortes aqui, nunca admitiu ver-se noutro lado, nunca surgiram notícias nesse sentido...
Nunca senti tanto uma camisola como esta [agarra o colarinho]. O facto de viver nesta cidade e sair à rua e sentir o tipo de apoio que me dão... não sei, sinceramente, sinto algo no coração que nunca senti. Não tenho qualquer intenção de sair daqui, este clube deu-me muito, deu-me a oportunidade de crescer como futebolista. 
Imagina ficar muitos anos no Benfica, é isso?
Luisão, Nuno Gomes e Moreira são ídolos nesta cidade porque estão e estiveram muitos anos no Benfica. Sinceramente, tenho inveja deles pelo amor que os adeptos têm por eles. É uma inveja sã e espero poder ficar aqui muitos anos e tornar-me num dia o capitão desta equipa. Porque para um jogador não haverá muito mais coisas tão grandes quanto isto.

Fonte: A Bola