Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

Nolito em entrevista: «Se for preciso até jogo a guarda-redes»

08.06.11, Benfica 73

Nolito justifica a escolha pelo Benfica, revela que tem acompanhado a realidade do clube, conhece os novos companheiros e conta as horas para se apresentar em Lisboa. Vai para um «grande clube», com o sonho de poder chegar à selecção espanhola. Mas sabe que primeiro tem de triunfar nos encarnados.
Acabou a temporada e teve convites de vários clubes. Porque decidiu assinar pelo Benfica?
O Barcelona deu-me a possibilidade de renovar por um ano, fazendo parte do plantel da primeira equipa. O Benfica ofereceu-me um contrato de cinco anos e pareceu-me uma excelente opção, que garante estabilidade na minha vida. Vou para um grande clube e poderia jogar na Liga dos Campeões.
Foi uma decisão difícil?
Sim, porque o Barcelona é a melhor equipa do mundo e não é fácil para um jogador deixá-la e trocá-la por outra. Andava a pensar no meu futuro há algum tempo quando surgiu o Benfica a apostar forte em mim, com um projecto que dá continuidade à minha carreira. O que quero é jogar com regularidade e isso seria muito problemático no Barcelona, que tem um ataque fantástico, com Messi, Villa, Pedro, Bojan, Affelay e, agora, também se diz, vão comprar o Rossi. Com tanta gente de grande qualidade seria muito difícil jogar com certa assiduidade.
Que sabe do Benfica?
Desde que sei que vou para o Benfica, tenho procurado informar-me o mais e o melhor possível sobre tudo o que diz respeito à equipa: procurei ver jogos na televisão e acompanhar de perto tudo o que fez na parte final da época. Conheço bem muitos dos meus futuros companheiros, como Javi García, Roberto, Aimar, Gaitán, Saviola, Carlos Martins ou Cardozo. Ainda não tive qualquer contacto com o treinador, Jorge Jesus, mas ele pode contar comigo. Farei tudo para seguir os conselhos dele e não o desiludir. Irei trabalhar ao máximo para que seja curto o tempo da minha adaptação, para começar a ajudar a equipa o mais rapidamente possível e para desfrutar jogando futebol, que é o que mais gosto.
Como se define como jogador?
Não gosto muito de falar de mim, prefiro que sejam os outros a fazê-lo. Normalmente, jogo no lado esquerdo, também já joguei na direita, mas é na esquerda que me sinto mais à vontade. Jogarei onde o treinador quiser, procurarei adaptar-me às necessidades da equipa e se for preciso jogar a guarda-redes também o farei.

Fonte: A Bola