Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

benfica73

Toda a informação sobre o Glorioso

«Estou feliz por voltar e quero triunfar» - Urreta

23.05.11, Benfica 73

Jonathan Urretavizcaya, 21 anos, um dos nomes confirmados no plantel do Benfica para 2011/12, esclareceu, em conversa com A BOLA, que nunca lhe passou pela cabeça recusar o regresso à Luz, desmentindo assim o agente Pablo Betancourt, que, recentemente, falou em «desconfiança» e «falta de vontade» por parte do jogador, perante a nova oportunidade que o clube pretende dar-lhe.

«É mentira que eu não queira voltar ao Benfica. Muito pelo contrário. Já sei que tenho de me apresentar a 22 de Junho e estou muito feliz pelo facto de o clube acreditar em mim para integrar o plantel. Tenho muitas ganas em voltar a vestir a camisola do Benfica e espero que este seja o momento certo. Quero triunfar», vincou o jovem atacante uruguaio.

Contratado ao River Plate do Uruguai no Verão de 2008, Urreta até teve algumas oportunidades de mostrar serviço na primeira temporada ao serviço das águias (17 jogos em todas as provas, um golo), mas, apesar das boas indicações, nunca foi aposta clara. 
Depois, com Jesus, em 2009/10, não saiu da sombra até 20 de Dezembro de 2009, dia em que, surpreendentemente (mas também devido a várias baixas), se estreou, ainda por cima a titular, na referida temporada, na recepção ao FC Porto, para a Liga. O Benfica ganhou (1-0) e Urreta foi considerado um dos melhores em campo. Repetiu o lugar no onze logo no jogo seguinte, com o Nacional, para a Taça da Liga (1-0) e... foi embora para o Peñarol, por empréstimo, estatuto que se manteve em 2010/11 - primeiro ao serviço do Desp. Corunha, com opção de compra de 15 milhões, depois novamente no Peñarol.

El rayo acredita que desta vez será diferente. «Estou mais maduro e regresso ao Benfica com a mentalidade de mostrar o que sei e de trabalhar para merecer oportunidades por parte do treinador. Acredito que, fazendo bem e com tranquilidade o meu trabalho, essas oportunidades vão aparecer naturalmente», explica.

Fonte: A Bola