Novembro 06 2015
 
O Football Leaks divulgou ontem os contratos do guarda-redes Roberto com o Benfica, o Atlético Madrid e o Olympiacos, cuja leitura mostra que as engenharias financeiras no mercado do futebol não são um conceito vago. Depois de ter jogado na Luz, em 2010/11, Roberto foi transferido para o Zaragoza, que nunca chegou a liquidar mais do que 86 mil euros dos anunciados 8,6 milhões que teria de pagar ao Benfica. Após duas épocas, as águias recuperaram o jogador e ter-lhe-ão feito um novo contrato, válido entre 2013/14 e 2016/17, a troco de 1,2 milhões/época.

Mas logo em julho de 2013, o Benfica acordou o empréstimo de Roberto ao Olympiacos, até junho de 2014, com os gregos a terem de pagar os salários (100 mil euros/mês). Mais tarde, a 5 de fevereiro de 2014, Benfica e Roberto revogaram o contrato que os ligava. Um dia antes, porém, foi assinado um contrato entre Atlético Madrid, Olympiacos, Benfica e Roberto, onde se diz que as águias tinham acordado vender os direitos económicos do guarda-redes aos colchoneros, em julho de 2013, mas mantendo os direitos desportivos, que deveriam ceder no fim do empréstimo aos gregos (a contrapartida recebida na Luz foi, ao que se sabe, o passe de Pizzi, antes na posse do Atlético Madrid).


Em fevereiro de 2014, o Atlético Madrid transferiu os direitos desportivos de Roberto para o Olympiacos, mais 50 por cento dos direitos económicos, ficando explícito que o Benfica concordava com os termos do negócio, no qual os espanhóis receberiam 2,5 milhões de euros. À mesma data, o Olympiacos assinou um acordo com os agentes Mariano López e Claudio Tonolla, da Contineo Limited, no qual aceitava a intermediação destes, na transferência, a troco do pagamento de 500 mil euros. Finalmente, Roberto assinou contrato com o clube grego, até 2018, ficando a receber inicialmente 172 mil euros por trimestre.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:04

Dezembro 05 2013
Marta Dominguez González. À partida o nome pouco dirá aos mais atentos adeptos do mundo do desporto. Mas se lhe dissermos que esta bela manequim espanhola, natural de Tenerife, é o grande amor de Roberto, guarda-redes que não deixou muitas saudades no Benfica, já ficará mais identificado. Pois bem, Marta é casada desde junho de 2011 com o agora jogador do Olympiakos, e um dos rostos presentes sempre que Roberto está em competição.
Foi assim na Luz, em Madrid e agora em Atenas. Miss Tenerife, candidata a Miss Espanha, sacrificou grande parte da carreira para estar ao lado da sua cara metade. Ela que, além de várias produções fotográficas de enorme sucesso, exibe também dotes musicais, sendo escolhida para vocalista de várias bandas como os Olé Olé, chegando, aliás, a lançar alguns edições em disco e aparições na televisão espanhola.
Atualmente vive na Grécia com Roberto, mãe de dois filhos e uma adepta de redes sociais onde se podem encontrar algumas fotografias onde está quase sempre acompanhada de Roberto, guarda-redes que já esta época foi decisivo pela equipa grega no triunfo sobre os encarnados na Liga dos Campeões. 
Fonte: A Bola
Sempre
Ela
Foi
Uma
E
Uma
Modelo
É
Desperta
Senhora
Um
Ela
Que
Uma
O
/
Ela
Tendo
Roberto
Juntos
A
publicado por Benfica 73 às 10:59

Novembro 10 2013
O Olympiakos defronta amanhã o PAOK (Miguel Vítor continua a recuperar de lesão no joelho direito), num jogo importante para o título (o campeão é líder com três pontos de vantagem sobre a equipa de Salónica), mas o técnico Michel González não esquece ainda as emoções que sentiu no jogo contra o Benfica. 

«Não o podia fazer, mas tive vontade de levar o Roberto em ombros. Muitos perguntaram se chorei no final. Não chorei, mas não me importaria de fazê-lo. Roberto venceu sozinho os 11 jogadores do Benfica e só isso seria razão para chorar de alegria. Há muito tempo que não via um guarda-redes a este nível. Em seis, sete oportunidades é quase certo sofrer um golo, mas ele defendeu tudo», frisou.

«Estou feliz pelos meus jogadores, que fizeram um grande esforço, mas sobretudo pelo Roberto porque a sua passagem pelo Benfica não correu de acordo com o seu valor, mas, olhando à sua exibição, ele merecia fazer história. Houve momentos em que o Benfica nos empurrou muito, mas senti-me sempre bem, porque pressenti que seria impossível sermos batidos naquela noite. Mas é claro que respirei de alívio depois do último apito», admitiu. 
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 23:51

Novembro 06 2013
Obstáculo intransponível na baliza do Olympiakos, Roberto viu vários jogadores do Benfica darem-lhe os parabéns pela portentosa exibição no Georgios Karaiskakis.

«Os jogadores do Benfica com quem me cruzei deram-me os parabéns. Tenho muitos amigos no Benfica e desejo-lhes o melhor sempre que o Benfica não defrontar o Olympiakos», disse o guardião espanhol. 

«Jesus? Cumprimentou-me antes do jogo», indicou Roberto, mostrando-se prudente quando questionado sobre as possibilidades de o Olympiakos marcar presença no Estádio da Luz, a 24 de maio do próximo ano, para disputar a final da Champions: «É um sonho mas o caminho é longo e difícil».
«Aquele estádio foi a minha casa e será especial sempre que regressar», salientou.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 20:58

Novembro 06 2013
Muitas vezes criticado na comunicação social, Roberto descarta qualquer tipo de «vingança» depois de ter sido decisivo ao segurar a vitória do Olympiakos (1-0) sobre o Benfica.

«No futebol, podem acontecer muitas coisas boas e más aos jogadores. Não se deve prestar qualquer atenção ao que escrevem nos jornais. Contudo, a minha exibição hoje não foi uma vingança. Foi pelo presente e por toda a equipa do Olympiakos», disse Roberto em declarações à imprensa grega, sublinhando que esta foi uma grande noite europeia para o clube grego.

«Percebi que os adeptos chamavam por mim. O maior presente que um jogador pode ter é o reconhecimento dos adeptos», prosseguiu, não se alongando sobre a possibilidade de continuar no Olympiakos depois de terminar o empréstimo do Atlético Madrid: «Nunca se sabe o que pode acontecer. Vou continuar a trabalhar e, no final da temporada, podemos falar sobre isso.»
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 11:24

Novembro 05 2013

publicado por Benfica 73 às 23:29
Tags: ,

Julho 30 2013
Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a SAD do Benfica confirmou que voltou a adquirir os direitos, quer desportivos quer económicos, do guarda-redes espanhol Roberto Jiménez, entretanto negociado com o Atlético Madrid por seis milhões de euros.
O comunicado da SAD encarnada surge depois de a CMVM ter pedido explicações ao clube sobre o anúncio feito na sexta-feira pelo Atlético de Madrid, referindo que tinha chegado a acordo com o Benfica para a transferência do guarda-redes espanhol. Em agosto de 2011, porém, as águias tinham anunciado a venda dos direitos do guarda-redes por 8,6 milhões de euros.
Agora, segundo pode ler-se no comunicado enviado à CMVM, o Benfica recuperou os direitos desportivos e económicos do jogador, devido a incumprimento da BE Plan, entidade que em agosto de 2011 adquiriu aos encarnados o guarda-redes.

Eis o comunicado na íntegra:
«A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários, vem informar que face ao incumprimento da BE Plan, entidade que adquiriu os direitos económicos do atleta Roberto Jimenez Gago em Agosto de 2011, e tendo em conta as garantias que estavam associadas a essa cedência de direitos económicos, a Benfica SAD exerceu uma das garantias, recuperando quer os direitos desportivos, quer a totalidade dos direitos económicos do jogador Roberto Jimenez Gago por via de acordos celebrados com a Real Zaragoza SAD e a BE Plan.

Recuperada a titularidade dos direitos, foram os mesmos transferidos a título definitivo para o Club Atlético de Madrid SAD pelo montante de € 6.000.000 (seis milhões de euros), sendo a transferência dos direitos económicos com efeitos imediatos e a dos direitos federativos de forma diferida para 1 de Julho de 2014.
Assim, por acordo entre as partes e o Atleta, foi este último cedido a título de empréstimo, até 30 de Junho de 2014, ao Olympiacos FC.»
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 13:06

Julho 30 2013
A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários pediu explicações, esta segunda-feira, ao Benfica, depois de na passada sexta-feira o Atlético de Madrid ter anunciado que tinha chegado a acordo com os encarnados para a compra do guarda-redes Roberto, que deixou a Luz em 2011.
A BOLA sabe que o Benfica já prestou os devidos esclarecimentos ao regulador, quando tinha até à abertura do mercado, esta terça-feira, para o fazer.
Em causa está o comunicado de sexta-feira do Atlético de Madrid, no qual se pode ler: «O Benfica e o Atlético Madrid chegaram a acordo para a transferência de Roberto Jiménez.»
Segundo o que o Benfica comunicou à CMVM em agosto de 2011, Roberto foi vendido, na altura, ao Saragoça por 8,6 milhões de euros.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 08:37

Julho 13 2012
O Saragoça é um dos interessados em garantir o concurso de Sidnei, que tem contrato com o Benfica até 2016. O guarda-redes Roberto, que foi companheiro do defesa brasileiro nos encarnados na época 2010/2011, avaliza a sua contratação.
«Para o Saragoça seria uma boa contratação. Conheço-o um pouco e oxalá nos pudesse vir para ajudar», começou por dizer o guarda-redes ao jornal espanhol El Periódico de Aragón.
«Estive uma época inteira com ele. Começou com pouco protagonismo, mas, após a saída de David Luiz para o Chelsea, começou a jogar com regularidade e a verdade é que esteve muito bem. Todos ficaram satisfeitos com o seu rendimento.
Sidnei, contudo, esteve na última época emprestado ao Besiktas e tudo indica que não terá espaço no plantel encarnado para a nova época.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 08:08

Fevereiro 05 2012

Roberto Jiménez, que na época passada tanto deu que falar no Benfica, é o segundo guarda-redes da Liga espanhola com mais defesas nas primeiras 20 jornadas realizadas ao serviço do Saragoça.

De acordo com os dados estatísticos da competição, Roberto tem 89 defesas e é apenas batido por Roberto Fernández, habitual titular nas redes do Granada, com 90 defesas realizadas.

A este dado, porém, junta-se o facto de o Saragoça ser a segunda equipa com mais golos sofridos na Liga (36, apenas batida pelo Sporting Gijón, com 38), deixando perceber as fragilidades defensivas da equipa onde também alinham os portugueses Rúben Micael e Hélder Postiga.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:15

Outubro 27 2011

Roberto voltou a falhar. O guarda-redes do Saragoça, antigo jogador do Benfica, teve responsabilidades no golo que ditou a derrota com o Valência, ontem.
Jordi Alba marcou aos 82 minutos, num lance em que Roberto hesitou e acabou por sair de forma caricata, sem conseguir deter o remate do avançado do Valência.
Depois de uma época marcada por vários erros na Luz, Roberto continua a dar que falar...

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 18:09

Agosto 30 2011

Roberto, antigo guarda-redes do Benfica, atualmente ao serviço do Saragoça, revelou esta terça-feira que foi Cristiano Ronaldo quem o recomendou ao emblema da águia. De acordo com o espanhol, Jorge Jesus pediu a opinião do português do Real Madrid e este deu nota positiva ao guardião espanhol.

“É verdade. O treinador do Benfica perguntou-lhe por mim e o Cristiano disse-lhe que tinha gostado de me ver contra o Real Madrid”, assegurou, durante uma sessão de perguntas e respostas promovida pela Eurosport.

“Estive bem em Portugal mas fico muito satisfeito por ter regressado a Espanha”, revelou depois.

E Roberto não deixou de contar que ficou radiante por reencontar Fábio Coentrão em La Liga: “No final do jogo com o Real Madrid, troquei a camisola com o Fábio Coentrão, porque já tinha a do Casillas.”

E no final, tempo para um desejo de boa sorte para as águias: “Não me arrependo de ter ido para Portugal, foi uma experiência positiva. Desejo-lhes o melhor e espero que ganhem a Liga este ano.”

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 21:16

Agosto 29 2011

O Plantel do Saragoça é novo e, por isso, necessita de tempo para ser construído, explica José Mourinho, que defendeu o guarda-redes Roberto. 
«O Saragoça é uma equipa com dez novos jogadores, que mudou muito e necessita de tempo. As minhas segundas épocas são as melhores porque continuo com os mesmos jogadores, não para o Aguirre [treinador do Saragoça] que tem um plantel praticamente novo». 
«Roberto defendeu bem, nada podia fazer nos seis golos», frisou Mourinho depois da goleada de 0-6 do Real sobre o Saragoça.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 04:13

Agosto 12 2011

O guarda-redes espanhol Roberto, que deixou o Benfica rumo ao Saragoça, estreou-se esta quinta-feira ao serviço dos espanhóis e comprometeu no empate (2-2) frente ao Numancia, em partida de preparação realizada no Nuevo Estadio Los Pajaritos, em Soria.

O guardião espanhol, que os encarnados venderam à equipa de comandada por Javier Aguirre a troco de 8,6 milhões de euros, foi um dos culpados do segundo golo do Numancia - apontado por Jaio -, de acordo com o relato feito pelos portais "El Periódico de Aragón" e "Aragondigital".

Os golos do Numancia foram apontados por Cedric (33') e Lafita (74'), ao passo que o Saragoça marcou por Gorka Larrea (24' n.p.b) e Lafita (47').

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 08:56

Agosto 04 2011

O Saragoça confirmou que o presidente do clube, Agapito Iglésias, participa no fundo que adquiriu Roberto ao Benfica. Mas não revela mais pormenores, nem mesmo o nome, do fundo em questão, que pagou 8,514 dos 8,6 milhões totais da transferência. O clube espanhol, segundo informação do Benfica, paga apenas 86 mil euros.


«O senhor Agapito Iglesias participa neste fundo, mas não queremos revelar nada mais, porque não é normal. É um mercado em que há investidores dispares e devemos respeitar o seu direito à confidencialidade», disse um porta-voz do Saragoça ao jornal «El Pais», a propósito do negócio que deu tanto que falar em Portugal e em Espanha.

Se o Benfica teve as acções suspensas e teve de dar por duas vezes informações adicionais à CMVM, o Saragoça viu-se forçado a dar explicações aos jogadores, com quem tem dívidas no valor de 14,489 milhões de euros, segundo o «El País», bem como a emitir um comunicado a explicar a sua política desportiva. 

O Saragoça, com dívidas totais de 134 milhões, está sob administração judicial e viu a Liga espanhola recusar juntar-se ao convénio de credores do clube. Na prática, isso quer dizer que a Liga não aceitará acordo do clube com os outros credores, que prevê o pagamento de 50 por cento das dívidas em oito anos. «Decidimos não aprovar o convénio porque estamos em desacordo com a forma como o Saragoza actuou em relação com os parâmetros que a LFP estabeleceu para estas situações», diz José Luis Astiazarán, presidente da Liga espanhola, citado pelo «El País».

Diz o Saragoça, num comunicado publicado no seu site oficial, que as suas prioridades são sanear a situação económica e «construir o melhor plantel possível apesar das dificuldades». «Para isso só há três opções», defendem os responsáveis do Saragoça: procurar jogadores livres, absorver jogadores cedidos por outros clubes ou «recorrer a terceiros, geralmente fundos de investimento especializados, para que sejam eles a arriscar a ajuda financeira necessária para poder materializar estas contratações de jogadores com experiência, sem comprometer o saneamento das contas do clube». «É uma prática habitual em equipas de todo o mundo e um sistema especialmente vantajoso para o Saragoça nesta altura», defende o clube.

Quanto aos jogadores, depois da perplexidade, manifestada na terça-feira por Uche («É normal que esta contratação seja comentada por nós. É uma fórmula que nos surpreendeu a todos. Não percebemos como se faz algo assim»), pediram uma reunião com o presidente. Na quarta-feira, depois da conversa com o presidente, o capitão Leo Ponzio garantiu que estava tudo esclarecido e «resolvido». 

O «El Pais» continua a falar em várias fontes que associam o português Jorge Mendes ao fundo em questão, mas cita o advogado do empresário a desmentir o seu envolvimento.

Fonte MaisFutebol

publicado por Benfica 73 às 13:53

Agosto 03 2011

Suspensas as ações da SAD, o Benfica fez um esclarecimento adicional à CMVM, como tinha solicitado. Em comunicado adianta que o clube espanhol adquiriu de forma definitiva os direitos desportivos de Roberto "mediante o pagamento de 86 mil euros". A outra sociedade passou a titular os direitos económicos mediante o pagamento de 8.514.000 euros.

Comunicado enviado à CMVM

"A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários, e em conformidade com o pedido efectuado pela CMVM relativamente à transferência do atleta Roberto Jimenez Gago, vem prestar a seguinte informação complementar:

A transferência dos direitos desportivos do aludido atleta, bem como a totalidade dos direitos económicos àqueles inerentes, foi concluída pelo valor total de € 8.600.000 (oito milhões e seiscentos mil euros), por via de dois contratos celebrados em cartório notarial, um com a Real Zaragoza SAD e outro com uma sociedade de direito espanhol situada a um nível mais elevado da cadeia de domínio da Real Zaragoza SAD.

Em consequência, a Real Zaragoza SAD adquiriu de forma definitiva os direitos desportivos do referido jogador mediante o pagamento de € 86.000 (oitenta e seis mil euros) e a outra sociedade, anteriormente identificada, passou a titular os direitos económicos mediante o pagamento de € 8.514.000 (oito milhões quinhentos e catorze mil euros).

Este pagamento será efetuado de forma fracionada e encontra-se garantido, nomeadamente por títulos de crédito.

Mais se informa que os referidos contratos foram ratificados no momento da sua celebração pelos “Administradores Concursales” da Real Zaragoza SAD."

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 12:24

Agosto 03 2011

Transferência do guardião para um clube falido gerou contestação em Espanha. O Saragoça foi obrigado a explicar a origem dos 8,6 milhões de euros.

O dia seguinte à oficialização da transferência de Roberto do Benfica para o Saragoça, a troco de 8,6 milhões de euros, não foi de consagração para os espanhóis, que foram atacados de todas as frentes por causa dos valores envolvidos na transacção e atendendo a que se trata de um clube falido. 

A reacção dos credores do Saragoça e dos principais organismos do futebol espanhol foi de tal forma violenta que o antigo emblema de Pablo Aimar foi obrigado a fazer um comunicado em que procura justificar o investimento e afastar a ideia de que será da sua responsabilidade pagar o negócio.

Roberto chegou, pois, ao Saragoça com a ajuda de um fundo de investimento e do agente FIFA português Jorge Mendes, que conduziu o negócio e estará a colaborar com o emblema espanhol na construção do plantel. Esse fundo terá assumido o pagamento de uma parte dos 8,6 milhões e cedido os direitos desportivos do guardião ao Saragoça, que poderá utilizá-lo e lucrar com uma pequena percentagem em futura venda. Tudo isto está mais ou menos expresso no comunicado do Saragoça - e dizemos mais ou menos porque o clube nunca centraliza as explicações em Roberto, mesmo que seja o motivo dos esclarecimentos. 

Verbas relativas aos ordenados que Roberto teria de receber pelos restantes quatro anos de contrato que mantinha com o Benfica, assim como valores ainda não liquidados respeitantes à compra de Aimar ao Saragoça poderão, de acordo com os espanhóis, ter entrado também no bolo.

No país vizinho o negócio foi mal recebido por credores e organismos oficiais, uma vez que o Saragoça está falido e tem dívidas que ascendem a 110 milhões de euros. O clube está mesmo a ser gerido por administradores judiciais, responsáveis pelo controlo e renegociação dessa dívida. Mais: a Comissão Delegada da Liga Espanhola, grupo de clubes que engloba os pesos pesados do futebol espanhol, como Real Madrid e Barcelona, não vai, afinal, empenhar-se em resolver o problema do Saragoça em relação aos credores, tudo por causa da aquisição de Roberto. E o Corunha, que vendeu Lafita ao Saragoça por 1,5 milhões de euros, e ainda não recebeu, reclama inclusivamente a descida de divisão do Saragoça, que lhe possibilitaria o regresso ao principal campeonato de Espanha.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:11

Agosto 02 2011

O treinador do Benfica diz que a transferência de Roberto para o Saragoça foi uma boa operação, salientando que o clube da Luz não perdeu no investimento. Ainda assim, deixou elogios ao guarda-redes espanhol. 
«Se olhar para o valor do jogador, sempre disse que o Roberto é um guarda-redes que no futuro demonstrará todas as suas capacidades. Agora, se saiu por oito milhões e não sei quanto, é porque o Benfica não perdeu no investimento que fez, portanto foi uma boa operação», considerou Jorge Jesus.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 15:05

Agosto 02 2011

Roberto vai representar o Saragoça, de Espanha, nas próximas cinco temporadas e em troca os cofres encarnados recebem 8,6 milhões de euros. O negócio foi concluído ontem, depois de viagem de Luís Filipe Vieira a Saragoça, onde esteve todo o dia. 

Depois de ter aterrado em Lisboa, ao início da noite - ao mesmo tempo que Roberto era apresentado como reforço do Saragoça -, o presidente dos encarnados, em declarações exclusivas a A BOLA, não mostrou contentamento especial, apesar de as verbas envolvidas na venda dos direitos desportivos do jogador superarem em 100 mil euros aquilo que o Benfica tinha pago, há um ano, ao Atlético de Madrid, detentor do passe. 

Para o presidente do Benfica, «Roberto foi vítima das circunstâncias, mas nunca esteve em causa o seu valor». Sem dúvidas relativamente à bondade da aposta que fez há um ano ao contratar Roberto, Luís Filipe Vieira manifestou convicção de que, «dentro de muito pouco tempo, Roberto será uma das referências mundiais no seu posto».

Sem se deslumbrar com o negócio concretizado em Espanha, para muitos considerado impossível, ao vender ao Saragoça os direitos desportivos de Roberto por 8,6 milhõe, Vieira fez uma previsão: «Roberto valerá muito mais do que aquilo por que foi vendido.»

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:20

Agosto 02 2011

O novo guarda-redes do Saragoça Roberto revelou esta segunda-feira que o Benfica não lhe deu margem de erro, revelando no entanto que não atingiu todo o seu potencial na sua passagem pelos encarnados.

"Esta foi a minha primeira opção, dou graças ao clube pelo interesse. Se a força que o Saragoça fez por mim fosse feita por outro clube, não teria feito o esforço de sair do Benfica. Em Portugal, fui muito criticado por terem pago tanto por um guarda-redes desconhecido. A adaptação não foi boa e estive abaixo do nível normal. Não me deram margem de erro", afirmou o guarda-redes espanhol na sua apresentação, que apontou ainda o dedo à imprensa portuguesa.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 01:12

Agosto 01 2011

Roberto agradeceu o esforço financeiro que o Saragoça fez para garantir a sua contratação. O antigo guarda-redes do Benfica foi esta segunda-feira apresentado no clube que bem conhece, revelando que é um "orgulho" voltar a representar a camisola do Saragoça.

"Venho com muita vontade integrar este novo projeto do Saragoça para a próxima temporada. Agradeço o esforço e o sacrifício do presidente Agapito Iglesias, para incorporar-me neste projeto novo e ambicioso. Saragoça é a minha casa. Para mim é um orgulho regressar. Conheço muitos dos meus companheiros de equipa e vou gostar imenso de trabalhar com jogadores novos e de qualidade", afirmou em conferência de imprensa.

Recorde-se que o Saragoça contratou o espanhol ao Benfica, por 8,6 milhões de euros.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 23:16

Agosto 01 2011

O Benfica vendeu Roberto ao Saragoça por 8,6 milhões de euros ao Saragoça, comunicou o clube encarnado à CMVM. O guarda-redes espanhol será apresentado ainda esta segunda-feira nos espanhóis.

Assim sendo, os encarnados, que a temporada passada compraram o guarda-redes ao Atlético Madrid por 8,5 milhões (o mais caro da história dos lisboetas), lucram 100 mil euros com a venda do espanhol, tantas vezes criticado pelos adeptos do clube e que esta época perdeu espaço no plantel.

Recorde-se que Roberto representou o Saragoça em 2009/10, por empréstimo dos colchoneros, tendo efetuado boas exibições pelo conjunto de Aragão.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 20:49

Julho 27 2011

O presidente do Saragoça, Agapito Iglesias, falou hoje sobre várias possibilidades no mercado para reforçar o plantel da equipa, tendo sido confrontado com os nomes de Bruno Gama (Rio Ave), Hugo Almeida (Besiktas) e Roberto (Benfica). 


Quanto saltaram os nomes de Hugo Almeida e Roberto, o líder do clube espanhol foi evasivo: «Haverá futebolistas de relevo e importantes que serão contratados. Chegarão na próxima semana ou na seguinte.»

Sobre Bruno Gama confirmou que é uma possibilidade. «Mas há outras mais. Estamos a trabalhar bem, mas não nos queremos equivocar. Vai chegar gente com ambição e que encante os adeptos», explicou.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 14:18

Julho 19 2011

O diário espanhol Heraldo noticia hoje que o Saragoça está a tentar junto do Benfica o regresso do guarda-redes Roberto Jiménez. 
De acordo com a referida fonte, o clube espanhol, onde o guarda-redes jogou na época 2009/2010 por empréstimo do At. Madrid, já negoceia com o Benfica.
As partes estarão ainda a tentar chegar à melhor forma de entendimento (empréstimo, dividir os direitos ou mesmo transferência definitiva), contando com a suposta vontade de Roberto, que vê com bons olhos o regresso ao Saragoça.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:07

Julho 18 2011

O futuro de Roberto pode passar pelo Atlético de Madrid. A informação é avançada pelo jornal «AS» na edição de hoje.

Com Artur assegurado para a próxima época e Eduardo a caminho da Luz, os responsáveis encarnados procuram um destino para o guarda-redes espanhol. Segundo a imprensa espanhola, em causa está o regresso ao Atlético de Madrid, por empréstimo.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:20

Julho 08 2011

Desde o primeiro dia de trabalhos que Roberto tem merecido todo o carinho por parte da massa associativa do Benfica. Nos primeiros dias de trabalho no Seixal, o guarda-redes foi sempre um dos mais aplaudidos pelos associados e este cenário repete-se agora em Nyon. Certo é que o gigante espanhol se tem aplicado ao limite e, nesta pré-temporada, é um dos destaques, numa altura em que o clube se prepara para assegurar Mika, à U. Leiria.

Aos 25 anos, o guardião está apostado em relançar a carreira na Luz, após uma época em que ficou muito aquém das expectativas. Nas sessões de trabalho abertas ao público tem sido invariavelmente Roberto a mostrar-se em melhor forma. Aliás, nos exercícios de finalização é sempre o menos batido e chega mesmo a deixar os avançados à beira de um ataque de nervos ao assinar defesas consideradas impossíveis.

Vinculado às águias por mais quatro temporadas, não se afigura fácil encontrar uma solução para um futebolista que há pouco mais de um ano foi contratado por 8,5 milhões de euros. Dado o seu elevado vencimento torna-se complicado acordar uma cedência. Uma solução que continua a ser equacionada passa pelo seu regresso ao Atlético Madrid de onde saiu De Gea mas, até ao momento, os colchoneros não fizeram chegar à Luz qualquer proposta.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 18:42

Julho 04 2011

A comitiva encarnada já aterrou em Genebra. O plantel às ordens de Jorge Jesus já chegou à Suíça onde irá cumprir o estágio de pré-época. Uma viagem atribulada, que, desde logo, durou cerca de cinco horas, devido a atraso do voo. 
Com cerca de 50 adeptos ruidosos no aeroporto de Genebra a aguardar a equipa encarnada, pouco passava do meio dia quando chegavam os primeiros adeptos, os mais aplaudidos acabaram por ser Cardozo e Roberto, que retribuíram o carinho com alguns sorrisos. 
O voo que transportou o Benfica aterrou às 17 horas locais (menos uma em Portugal) atrasou cerca de duas horas. Face a este atraso, o treino previsto para estar tarde no Centro Desportivo de Colovray poderá ser cancelado, com a equipa a ficar na unidade hoteleira em Nyon, a realizar alguns exercícios no ginásio. Ainda assim está informação ainda não está confirmada.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 18:45

Junho 30 2011

Roberto ainda não tem lugar assegurado no plantel encarnado da próxima temporada. E, neste momento, o Atlético Madrid é o único emblema que se afigura como possível destino para o espanhol. Os colchoneros viram partir De Gea para o Manchester United nestes últimos dias, e necessitam agora de outro guarda-redes no plantel, pelo que podem acolher de novo o espanhol, de 25 anos.

Roberto formou-se no emblema da capital espanhola mas nunca conseguiu impor-se na baliza, optando por evoluir noutras equipas da primeira liga espanhola. Primeiro no Gimnástic de Tarragona, depois no Recreativo de Huelva e por fim no Saragoça, o último clube que representou no país vizinho, antes de rumar aos encarnados.

O guardião foi contratado no verão de 2010 pelas águias por 8,5 milhões, mas não convenceu ao longo da última temporada. Por isso agora pode voltar à casa de partida.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 00:58

Junho 29 2011

De Gea será mesmo jogador do Manchester United e colchoneros já procuram substituto. Espanhol das águias está na lista. 
A solução para o futuro de Roberto, 25 anos, pode passar pelo regresso a casa. 

O jogador, que trabalha com os companheiros no Seixal desde segunda-feira, é um dos nomes da lista do Atlético de Madrid para o reforço da baliza, uma vez que está praticamente acertada a transferência do titular, David de Gea, para o Manchester United - o jovem, que acabou de sagrar-se campeão da Europa em sub-21, pela Espanha, já realizou mesmo os exames médicos.

Perante este cenário, os colchoneros ficam com apenas duas opções para a baliza, Joel e Asenjo, sendo que este último ainda não está totalmente recuperado da grave lesão que há vários meses o mantém afastado dos relvados.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:23

Junho 27 2011

Roberto é esperado hoje no Seixal. Processo do guarda-redes vai ser gerido com pinças. Não deverá ser muito exposto. 
É um dos regressos que maior expectativa gera entre as hostes benfiquistas. Não tanto pelo que pode trazer à equipa, antes pela situação complexa e delicada em torno do guarda-redes.
A SAD tentou encontrar uma solução para o espanhol durante o último mês mas debateu-se com grandes dificuldades perante a intransigência do jogador em ser emprestado. 
Este cenário era o mais desejado pelos encarnados, porque uma época a rodar noutro clube (e noutro país, preferencialmente em Espanha) poderia devolver algum valor de mercado a Roberto, caso o guardião realizasse uma época semelhante ao que fez em 2009/10 pelo Saragoça (emprestado pelo Atlético Madrid) o que levou os benfiquistas a contratá-lo. 
Neste momento, os responsáveis benfiquistas têm a consciência de que será quase impossível transferir Roberto sem perder dinheiro - foi transferido há um ano por 8,5 milhões de euros - e por isso vão integrar o guardião no plantel nesta fase inicial da pré-época. 

Em exames médicos
O espanhol de 25 anos deverá ser pouco exposto (hoje nem deverá aparecer ao público, tal como os restantes colegas que só hoje se apresentam, uma vez que estará a realizar exames médicos) e assim continuará até se encontrar uma solução.
Roberto chegou mais tarde que a maioria dos companheiros de equipa, alegadamente, a pedido do próprio, uma vez que esteve a gozar lua-de-mel. Na quarta-feira a SAD informou que o guarda-redes só estaria em Lisboa durante o dia de hoje.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 10:45

BENFICA 73
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds
comentários recentes
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...
Tanto quanto narra a história a Cinderela saiu ven...
Fosse eu a tratar deste assunto e se este está a d...
Semeaste muitos ventos ó nalguinhas! Agora, aguent...

contador visitante