Setembro 10 2013
A passagem foi curta mas cheia de êxitos. Em apenas uma época – 2009/2010 - no Benfica, Ramires foi campeão nacional e conquistou a Taça da Liga. Depois, transferiu-se para os ingleses do Chelsea. Apesar da rápida estadia em Lisboa, o médio brasileiro não se esquece das águias e espera um dia voltar... 
«O Benfica tem uma grande equipa, com um grande passado, um grande treinador. Ao Benfica nos últimos anos só têm faltado títulos acompanho a época do Benfica e espero um dia voltar. O futebol é uma caixinha de surpresas e gostava um dia de voltar», desejou o jogador do Chelsea, durante a conferência de Imprensa de antevisão do duelo lusófono entre Brasil e Portugal, agendado para a madrugada desta terça-feira em Boston, nos EUA. 
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 10:46

Maio 16 2013
O médio brasileiro Ramires admitiu que o Benfica jogou melhor e que merecia a vitória, mas recordou que os jogos só terminam quando o árbitro apita.
«O Benfica pelo que jogou merecia ter ganho, mas no futebol se não tiveres atenção até ao fim tudo pode acontecer. Nós somos fortes na bola parada e apostamos tudo no último lance», afirmou Ramires.
O antigo médio encarnado preferiu defrontar o Benfica na final do que noutra eliminatória: «Torci pelo Benfica nesta competição, mas foi melhor jogar contra eles na final do que numa meia-final».
Ramires não pensa em sair do Chelsea: «Estou feliz e faço o meu trabalho para ganhar».
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 12:32

Abril 13 2013
O médio Ramires, que representa o Chelsea, congratulou-se por não enfrentar o Benfica, clube pelo qual foi campeão em 2009/2010, nas meias-finais da Liga Europa.

«Assisti ao sorteio. Até gostaria de voltar ao Estádio da Luz, onde vivi muitas alegrias, mas sempre disse que se tivesse de enfrentar o Benfica, preferia que fosse numa final. Seria maravilhoso rever os meus amigos e o clube, com o qual tenho grande ligação, nesse contexto», revelou o brasileiro, em declarações ao portal Lancenet.

Ramires deixou ainda a garantia de que a equipa londrina tudo vai fazer para chegar à final: «Agora vamos trabalhar para que isso aconteça. Nem o Benfica nem o Chelsea vão ter a vida facilitada. O Basileia e o Fenerbahçe estão a jogar um futebol muito bom e vamos ter de suar muito para chegar à final.»
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 09:06

Agosto 07 2012

Quem esteja minimamente atento às movimentações do Benfica no mercado chega à conclusão que o encaixe proporcionado apenas pela venda de elementos do meio-campo também é astronómico.

Debrucemo-nos somente nas últimas duas operações. Ramires, internacional pelo Brasil, rumou ao Chelsea em troca de 22 milhões de euros. Refira-se, a propósito, que o clube de Londres tirou bastante proveito do ex-benfiquista, que se cotou como um dos baluartes na caminhada em direção à conquista da Liga dos Campeões.

E se a transferência de Ramires atingiu uma fasquia elevada o que dizer da saída de Di María para o Real Madrid de José Mourinho?. O medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, rumou ao clube merengue por 25 milhões de euros, a que se somaram posteriormente outros 11 milhões, relativos à utilização e performance desportiva.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 15:19

Julho 08 2012

Aos 25 anos, o médio foi uma das peças fundamentais do Chelsea na conquista da Champions. E sente agora estar a passar pela melhor fase como jogador profissional.

RECORD – Como está a correr a vida em Inglaterra e, em particular, no Chelsea?

RAMIRES – Está tudo bem. Estou complemente adaptado e a minha família também. É muito bom morar em Londres, é tudo muito tranquilo. Estou muito feliz.

R – Até que ponto a sua passagem pelo Benfica ajudou a formar o profissional que é hoje?

R – O Benfica foi importantíssimo na minha vida. Deixei grandes amigos no clube, tenho orgulho de dizer que defendi as suas cores. Torço e sempre torcerei pelo bem do Benfica.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 17:07

Maio 11 2012
O médio Ramires, ex-Benfica, foi eleito o melhor jogador da temporada pelos seus colegas de equipa. Para isso ajudou ter sido o herói da eliminação do Barcelona na Liga dos Campeões, ao marcar um golo com um chapéu a Valdês dando vantagem na eliminatória aos “blues”.
«É especial receber esse prémio no meu segundo ano aqui. Espero vencê-lo novamente», disse ao site do clube.
Ramires também foi agraciado com o prémio do melhor golo pelo segundo ano consecutivo, com o tal chapéu ao Barcelona.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 09:26

Abril 24 2012

publicado por Benfica 73 às 21:50

Abril 04 2012
Depois de David Luiz e Ramires... Nicolas Gaitán e Axel Witsel. É esse o desejo do médio internacional brasileiro Ramires, jogador que trocou o Benfica pelo Chelsea e que pretende agora nova investida do clube inglês no Estádio da Luz.

«Se o Chelsea me perguntar eu estarei sempre pronto para ajudar e obviamente recomendaria Gaitán e Witsel», referiu Ramires, que deixou ainda elogios a Maxi Pereira.
«Gaitán brilharia aqui. É um excelente jogador, um dos melhores do Mundo», acrescentou Ramires.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 11:35

Abril 03 2012

Ramires saltou da Luz para um colosso inglês e ao fim de quase duas épocas em Londres mantém a humildade que sempre o caracterizou. O homem que começou por acalmar os adeptos encarnados ao dizer para terem calma, que não estavam perante "nenhum craque", é titular no Chelsea e há uma semana deu água pela barba a Emerson. Na Luz, deixou saudades, mas também uma declaração que muita tinta fez correr. Agora, através de O JOGO, aproveita para se desculpar ao compatriota - não pelo que o fez sofrer em campo, mas pelo que disse depois - enquanto lança o decisivo embate de amanhã: com os pupilos de Di Matteo bem longe do título inglês, a conquista da Liga dos Campeões pode muito bem ser uma "escapatória" de luxo para a época.

Disse no final da primeira mão que explorou o ponto fraco da defesa do Benfica, o esquerdo, onde jogou Emerson. É uma estratégia a repetir em Stamford Bridge?

Acabei por me explicar mal; aliás, até aproveito para deixar as minhas desculpas a Emerson. Quando me referi a isso, queria falar na equipa do Benfica como um todo e nunca quis referir-me concretamente a Emerson. Na altura caiu tudo sobre ele e devo-lhe um pedido de desculpas, porque não queria de maneira nenhuma faltar-lhe ao respeito. Aproveito para frisar isso, porque foi complicado e não tive essa intenção. Quando estiver com ele antes do jogo, vou pedir-lhe também desculpa pessoalmente.

Já o conhecia?

Não. Por acaso, não o conhecia do Brasil nem nunca o defrontei, mas mesmo assim temos de ter sempre todo o respeito por um colega de profissão, ainda para mais do Benfica. Além disso, se ele está no Benfica é porque tem qualidade.

Mas fez-lhe algumas maldades no Estádio da Luz, até no lance do golo...

Dentro do campo, cada um defende a sua camisola e tenta dar o melhor. Como nós queremos avançar na prova, todos demos o máximo. É preciso ver que a Champions pode salvar a nossa época e por isso estamos a dar tudo nesta competição, e também no campeonato, para garantir um lugar de acesso na próxima época.

O discurso de quase todos os elementos do Chelsea até agora tem sido muito cauteloso relativamente a este jogo decisivo com o Benfica. Como estão os jogadores a encarar a partida?

Há cautela, claro. A vitória na Luz foi só a primeira parte do jogo, e agora ainda temos o segundo tempo. Faltam 90 minutos, e sabemos que só temos um golo de vantagem. Na Luz, soubemos defender e agora esperamos um grande Benfica. Temos de respeitá-los até ao último segundo do último minuto, porque só quando o árbitro apitar é que podemos dizer que o apuramento está garantido.

Com as lesões de Garay, Jardel e Miguel Vítor, o Benfica terá grandes problemas para formar a defesa e deverá ser Javi García a fazer dupla com Luisão. É uma vantagem para o Chelsea explorar?

Este jogo vai ser muito difícil para nós. A motivação do Benfica vai ser ainda maior do que no primeiro jogo, e eles virão para cima de nós à procura do golo. Por isso, independentemente de quem joga na defesa, temos de estar bem ligados à corrente. Temos de estar preparados para tudo, de forma a não sermos surpreendidos por Jorge Jesus. Quanto a Javi García em concreto, é um jogador de grande qualidade; além disso, vai jogar com Luisão, que é o companheiro ideal. Quem jogar ali, ao lado de Luisão, a ouvir os conselhos e as correções dele, está sempre tranquilo. Luisão passa sempre boas instruções, e vamos esperar o que vai preparar o míster Jesus. Aliás, vamos é preparar-nos para o que ele vai montar, de forma a não sermos surpreendidos.

Ainda por cima, Fernando Torres começou a marcar golos...

É bom! O Nando voltou a faturar, Drogba também marca os golos dele, e tudo isso encaixa numa equipa mais competitiva.

E para este jogo, fez alguma aposta com os seus ex-companheiros do Benfica?

Não, desta vez ninguém fez apostas. Estamos é a trabalhar de forma muito séria, e não dá para isso. É um jogo tão importante que não dá para brincar ou relaxar minimamente. E além disso, imaginem o que é, por exemplo, perder um jogo destes e, no final, ainda ter de pagar um jantar ao adversário? [risos] Já chega a azia da derrota...

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 17:47

Março 27 2012
O regresso a Lisboa para defrontar o Benfica não era desejado por Ramires, por isso o brasileiro mostrou-se comedido no lançamento dos quartos de final da Liga dos Campeões.

«Não queria voltar para jogar com o Benfica, mas teve de ser e cá estou», afirmou o médio internacional brasileiro na chegada da comitiva do Chelsea a Lisboa.

Ramires, que seguiu para o emblema londrino proveniente do clube da Luz no verão de 2010, depois de ter ajudado os encarnados a conquistar o título de campeão nacional, admitiu que será diferente e especial defrontar o Benfica, mas escusou-se a apontar favoritos:
- É difícil dizer qual das equipas está melhor neste momento. Só depois dos dois jogos é que vamos poder dizer.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 11:39

Março 25 2012
O treinador do Chelsea, Roberto Di Matteo, diz que conta com o conhecimento de David Luiz e Ramires sobre o Benfica para o confronto nos quartos de final da Champions, a iniciar esta terça-feira no Estádio da Luz.

«Eles estão ansiosos por encontrarem o seu anterior clube e isso pode ajudar-nos, pois conhecem o ambiente e a equipa», referiu o treinador dos blues, dando o exemplo de quando ele próprio era jogador:

- Lembro-me que passei uma situação destas quando joguei contra a Lazio. Podemos passar muita informação para os nossos companheiros de equipa.

Na imprensa inglesa surgiram notícias que o treinador italiano teria falado com André Villas Boas sobre o Benfica. «Gostaria de manter isso privado e confidencial. Estou bem documentado sobre o Benfica, já os vi muitas vezes a jogar e tenho muita informação para preparar este jogo», comentou Di Matteo.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 17:42

Outubro 19 2011

Internacional brasileiro diz-se um admirador do trabalho de André Villas Boas e mostra-se agradado com a aposta do treinador do Chelsea. 
«O facto de ele já me conhecer de Portugal ajudou, mas também porque trabalho sempre muito e da melhor forma que posso. (...) Villas Boas é um excelente treinador e falava-se muito dele quando eu estava em Portugal. Ter a oportunidade de trabalhar com ele no Chelsea é fantástico. Admiro imenso o trabalho que fez no FC Porto e, devido à sua forma de ser, faz com que seja o melhor treinador que já tive», disse Ramires em declarações ao site do clube londrino.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:24

Abril 17 2011

O médio brasileiro Ramires encontra «muitas semelhanças» entre o estilo de jogo do Chelsea e o do Benfica. 
Tal como sucedia com Jorge Jesus no Benfica, Ramires tem sido preferencialmente utilizado por Carlo Ancelotti no lado direito do meio-campo.
«Fazia o mesmo em Portugal, por isso não é uma posição nova para mim. Quando a equipa defende, eu procuro fechar no meio; quando estamos no ataque, tenho de dar espaço aos jogadores mais criativos. No Benfica, Angel Di Maria jogava na esquerda, como extremo, e havia apenas um médio de contenção à frente da defesa. Por isso há muitas semelhanças», descreve o médio brasileiro, em entrevista à televisão do Chelsea.
A chegada de David Luiz a Stamford Bridge foi, igualmente, tema de conversa.
«David é um brincalhão. Teve uma adaptação fácil, não só no campo mas também fora dele. Chegou com confiança e decidido a ter sucesso», observou Ramires, destacando que o defesa-central está ainda a conhecer um futebol diferente do português.
«Não é fácil disputar a Liga inglesa vindo do campeonato português. Em Portugal, o objectivo é conquistar rápido a bola e partir para o ataque; aqui, como o ritmo é mais intenso, temos de jogar mais pela certa. Mas o David fala muito nos treinos com Ivanovic, Terry e Alex para aprender a ler o jogo. Ele é inteligente e não vai precisar de muito tempo para saber o que tem de fazer», afiançou.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 08:55

Dezembro 27 2010

As transferências de Di María e Ramires não podem ser usadas como explicação para o menor rendimento do Benfica nesta temporada. Quem é o diz é o próprio internacional brasileiro, actualmente no Chelsea, que recorda até palavras do próprio Jorge Jesus no último Verão. "É complicado falar disso, pois quando deixámos o clube, o técnico disse que tinha três jogadores semelhantes a mim e ao Di María e que a equipa não iria sentir a nossa falta, pois esses jogadores estavam no plantel. Por isso acho que o Benfica deve mesmo ter esses jogadores", afirmou o Queniano numa entrevista a publicar hoje pelos jornais "Sunday Times" e "The National" a que O JOGO teve acesso.

O futebolista que o Benfica foi recrutar ao Cruzeiro no Verão de 2009 até concorda com Jorge Jesus, considerando que os encarnados "continuam a ter uma excelente equipa". "Eu, Di María e o Quim, o guarda-redes, saímos, mas a equipa continua a ser muito boa. O FC Porto está um pouco melhor que o Benfica neste momento, mas na temporada passada aconteceu precisamente o oposto", recordou o antigo camisola 8 da Luz.

Para Ramires, "o mais importante" é que tanto ele como Di María tentaram "dar o melhor" enquanto estiveram na Luz. "Acho que o fizemos", declara o brasileiro, mostrando-se actualizado com a realidade dos encarnados, pese o facto de não ter conseguido ainda ver jogos do clube da Luz nesta temporada. "Infelizmente não consegui ainda ver nenhum jogo, mas consulto notícias na internet e sei que passaram por algumas dificuldades. As coisas não estão assim tão mal, pois ocupam neste momento a segunda posição. Nem acho que o Benfica esteja assim tão mal; acho é que o FC Porto está muito melhor esta temporada", reforçou Ramires.

David Luiz à esquerda é um erro

Jorge Jesus esteve sob o fogo das críticas depois do clássico com o FC Porto que terminou com a derrota do Benfica por 5-0. Apesar de não ter visto a partida, Ramires soube que David Luiz actuou como lateral-esquerdo, uma escolha do treinador que foi polémica e muito criticada. "É complicado quando se coloca um central a jogar do lado esquerdo, ou um avançado a jogar a central, ou um médio-defensivo como avançado. Quando se faz isso, pode ter a certeza de que mesmo que o jogador actue bem, nunca estará a 100 por cento", analisa o internacional brasileiro do Chelsea.

O Queniano não tem dúvidas de que David Luiz "é um grande jogador", mas apenas quando actua a central. "É complicado colocar um futebolista destro como lateral-esquerdo, sobretudo quando precisa de se preocupar com um atacante como o Hulk, que tem um potencial enorme. É muito, muito difícil", reconhece o médio, atribuindo a responsabilidade - ainda que sem o dizer abertamente - à escolha do treinador. "A culpa nunca é do jogador, que quer sempre jogar, independentemente da posição em que começa", sublinha, reafirmando que "é difícil alguém jogar tão bem como o faria na posição de origem".

Adaptação a Inglaterra está a ser dolorosa

Ramires chegou ao Benfica e rapidamente convenceu a crítica, os adeptos e Jorge Jesus: impôs-se facilmente como titular e assim ficou durante toda a temporada, apesar da quebra física registada na segunda metade da época. Em Inglaterra, tudo tem sido bem diferente: apesar de já somar 18 jogos em todas as competições, o brasileiro tem sido criticado pela Imprensa britânica. O facto de não ter tido (mais uma vez) férias completas tem sido apontado como principal razão para ainda não estar adaptado ao ritmo da Premier League.

22 | Os milhões de euros envolvidos na transferência de Ramires do Benfica para o Chelsea. Deste valor, o Benfica recebeu um total de 17 milhões. Na altura da venda, os encarnados detinham metade do passe - que lhes rendeu 11 milhões de euros -, sendo que a outra metade, tinham-na vendido semanas antes à empresa Jazzy Limited por 6 milhões.

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 00:42

Outubro 27 2010

Médio brasileiro sente no Chelsea a mesma pressão por resultados que sentia no Benfica. A diferença, diz, reside na «visibilidade muito maior» do clube inglês.
«A pressão por resultados no Cruzeiro e no Benfica também era grande. A diferença é que, no Chelsea, a visibilidade é muito maior. Ficamos mais expostos se tivermos uma má actuação, assim como somos supervalorizados quando jogamos bem», explica Ramires, em entrevista ao site da FIFA.
Contratado no último Verão pelo clube londrino, o queniano faz um balanço positivo dos primeiros meses na Premier League.
«O futebol inglês é muito físico e rápido, não há muito tempo para ficar com a bola no pé. Tem que definir-se logo a jogada. Além de procurar as jogadas quando tenho a bola, sempre marquei forte. Por isso, não tenho encontrado muitas dificuldades», refere, juntando: «Agora só preciso dar sequência ao trabalho para conquistar o meu espaço e ajudar a equipa a manter-se vitoriosa como nos últimos anos».

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 17:01

Setembro 01 2010

Os ex-benfiquistas Di María e Ramires e o ex-portista Bruno Alves, jogadores que deixaram a Liga portuguesa durante o recente "mercado de verão", fazem parte da lista dos 20 jogadores mais caros de 2010.

Os três atletas rumaram a outras paragens no início da nova época, mas deixaram recheados os cofres dos clubes que representavam, tendo em conta a análise efetuada às mais caras transferências realizadas entre 1 de janeiro e 31 de agosto.

O extremo argentino obrigou o Real Madrid, de José Mourinho, a gastar 25 milhões de euros na sua contratação, verba que tornou o antigo número 20 benfiquista na sexta contratação mais cara de 2010.

Quanto a Ramires e Bruno Alves, encontram-se na oitava posição do ranking, depois de Chelsea e Zenit terem pago 22 milhões de euros, mesmo valor que Yoann Gourcuff e Javier Mascherano custaram a Lyon e Barcelona, respetivamente.

Na liderança da lista aparece, destacado, o ponta de lança internacional espanhol David Villa, que trocou o Valencia pelo Barcelona, a troco de 40 milhões de euros.

O médio ala inglês James Milner, contratado pelo Manchester City ao Aston Villa, por 31 milhões, está na segunda posição, à frente do companheiro de equipa Yaya Touré, por quem os citizens pagaram 30 milhões ao Barça.

De resto, a equipa britânica é a que coloca mais jogadores, quatro deles entre os cinco primeiros, numa lista onde não constam jogadores contratados por qualquer equipa da Liga portuguesa.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 18:07

Agosto 17 2010

Ramires esteve ontem no Seixal a fim de se despedir dos seus antigos companheiros. O médio vendido ao Chelsea neste defeso, por 22 milhões de euros, fez-se acompanhar pela mulher, Islana, e à saída do centro de estágio mostrou-se disponível para cumprimentar alguns adeptos que ficaram surpreendidos com a sua presença nas instalações encarnadas.

Com um sorriso nos lábios, o internacional canarinho, de 23 anos, deixou o complexo já após o final da sessão de trabalhos das águias e parou breves momentos à porta para cumprimentar os adeptos que voltaram a dispensar-lhe um enorme carinho.

O Queniano aproveitou também para confortar os seus ex-colegas de plantel, dando-lhes uma palavra de conforto, algumas horas depois da derrota que marcou o início do campeonato na Luz.

A presença do brasileiro no Seixal não passou despercebida, mas fez lembrar, por outro lado, a ausência do médio na estrutura de Jesus. Isto numa altura em que os responsáveis pelo emblema da águia continuam no mercado à procura de reforços para o meio-campo.

Ramires ainda não teve oportunidade de jogar com a camisola do Chelsea, até porque só foi apresentado como reforço dos blues na passada 6.ª feira, devido a questões burocráticas que atrasaram a sua estreia.

Depois de ter falhado o arranque da Premier League – o Chelsea goleou o WBA por 6-0 – o médio está, agora, na expectativa de ser uma opção de Carlo Ancelotti para o confronto com o Wigan, no sábado. Refira-se que Ramires escolheu o 7 para usar nesta aventura inglesa, ficando assim com o número que pertencia a Shevchenko. O 8 que envergava no Benfica já tem dono, é de... Lampard.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:01

Agosto 08 2010

O treinador adjunto do Chelsea, Ray Wilkins, admite que Carlo Ancelotti espera contar com Ramires no primeiro compromisso na “Premier League”, agendado para o próximo dia 15, diante do West Brom.

«Gostaríamos que algo desse género pudesse acontecer», disse Wilkins, em declarações à imprensa inglesa, notando, porém, que a contratação do médio brasileiro do Benfica não está concluída.

«Nada está finalizado, mas estamos a movimentar-nos nesse sentido. Gostaríamos que ele fosse nosso jogador e, se tudo correr bem, estará connosco muito em breve», referiu.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 22:31

Agosto 08 2010

Jogam juntos na "canarinha" e é por isso com propriedade que Kaká fala sobre Ramires. E não podiam ser mais elogiosas as palavras do jogador do Real Madrid sobre o craque que o Benfica foi buscar ao Brasil. «É o melhor jovem médio do mundo», sentencia.

«Fico satisfeito por Ramires ter ingressado num grande clube europeu. Não tenho dúvidas de que o Chelsea contratou o melhor jovem médio centro do mundo. Agora que está no Chelsea, penso que se tornará o melhor do mundo dentro de dois anos, sendo comparável a nomes como Claude Makelele, Roy Keane e Patrick Vieira», vaticinou Kaká, em declarações ao Daily Star Sunday.

«Ramires é um excelente jogador e um rapaz humilde, está sempre disposto a aprender», contou, considerando que Frank Lampard «será um grande mentor» para o queniano. «Podem formar uma dupla devastadora, que ninguém na Premier League poderá parar», afiançou.

«Ramires é um médio centro completo. Recupera bolas, é bom nos passes, trabalha muito, é forte e marca golos. Fará do meio-campo do Chelsea algo de assustador. Joga sem medo e representar um clube como o Chelsea não será problema. Não vejo ninguém capaz de impedir o Chelsea de sagrar-se bicampeão inglês», atirou.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 19:11

Agosto 06 2010

Muitos questionam a operação-Ramires: a divisão do bolo com estranhos, a curta estadia em Lisboa, a venda por valores abaixo da cláusula de rescisão e por aí fora. Mas a verdade é que a venda do médio ao Chelsea por 22 milhões de euros representa mais um triunfo da águia em tempo de vacas magras. O negócio Ramires, desde que saiu do Cruzeiro, é mais uma forma eficaz de contornar a crise, valorizando a equipa, o nome do clube e, claro, os seus cofres.

Num ano, Ramires foi determinante desportiva e financeiramente e, neste caso mais do que uma vez. Primeiro através da alienação de 50 por cento do seu passe, que valeu seis milhões de euros ao Benfica. E, agora, mais M€ 11 através da sua venda aos Blues. Contas feitas, o Benfica lucra 9,5 milhões de euros (custara M€ 7,5) com o jogador que provavelmente mais quilómetros correu durante a época.

Ora, um título e consequente presença na Champions, mais seis milhões em Junho, mais onze milhões em Julho através da venda para um grande da Europa e o nome do Benfica bem vincado na selecção brasileira. Se isto não é um bom negócio, não sei o que será...

Fonte: O Jogo

publicado por Benfica 73 às 08:40

Agosto 05 2010

O internacional brasileiro Ramires despediu-se esta quinta-feira do Sport Lisboa e Benfica. Em declarações ao canal de televisão do Clube, o médio agradeceu a oportunidade dada pela direcção e o apoio dos adeptos no tempo que esteve na instituição.

Na hora da despedida, Ramires salientou a forma como foi recebido pelo Clube, onde ajudou a conquistar a Taça da Liga e o campeonato nacional. “Em termos profissionais não há nada melhor do que chegar a um clube, ser bem recebido e ganhar títulos. Acho que isso é o mais importante na vida de um jogador”, começou por afirmar à Benfica TV.

O brasileiro referiu também que a conquista do 32.º título nacional do Benfica lhe vai ficar sempre na memória: “No Benfica tive uma das melhores alegrias da minha vida que foi ganhar o título nacional e isso é algo que vou levar para o resto da minha vida.”

Os sócios e simpatizantes do Benfica também não foram esquecidos por Ramires na hora do adeus. “É um clube com excelentes profissionais, isto para não falar dos adeptos que sempre nos acompanharam, apoiaram e respeitaram o nosso trabalho. Fiquei impressionado com os adeptos do Benfica. Quando se fala do Benfica, muitos não têm noção do que é. É preciso viver o dia-a-dia do Clube para conhecer a sua dimensão”, afirmou o brasileiro.

O futebolista, que vai ingressar nos ingleses do Chelsea, deixou também uma palavra de agradecimento ao Clube: “O Benfica foi um dos clubes mais importantes da minha vida, pois abriu-me as portas na Europa. Foi o terceiro clube onde joguei como profissional e onde tive muitas alegrias apenas num ano, o que não tive nos outros. Fico muito feliz pela oportunidade e agradeço à direcção, aos profissionais do Benfica e a todos os adeptos.”

Questionado sobre o golo que mais lhe marcou no ano que esteve ao serviço da equipa de Jorge Jesus, o jogador revelou que foi o tento apontado ao Vitória de Guimarães na segunda jornada da edição 2009/2010 da Liga. “Foi o golo frente ao Guimarães, onde um dia antes tinha ficado a saber que a minha esposa estava grávida”, recordou.

No final, Ramires deixou ainda a porta aberta para um regresso ao Sport Lisboa e Benfica: “Com certeza. Na minha cabeça, só penso em voltar um dia ao Benfica.”

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 16:10

Agosto 05 2010

«Espero que todos compreendam esta decisão. É assim o futebol. Este desfecho é bom para o clube e para mim».

 

«Adoro o Benfica, adoro este clube. Levo o Benfica no coração, levo a sua torcida no coração, claro! Estou muito feliz. Jamais esquecerei o quanto ganhei aqui, onde fui campeão, onde me projectei e fui muito feliz. Foi um ano maravilhoso! Com os adeptos que tem, o Benfica só pode ser grande. E confio que vai continuar a ganhar títulos sem mim: ficarei a torcer por isso».

 

«Foi em Lisboa que tive a felicidade de ser pai pela primeira vez. Só acaba por ser curta a minha passagem pelo clube. Estou grato a todos pelo carinho. Mas espero que todos entendam que era uma oportunidade muito boa para mim a nível pessoal, desportivo e financeiro. E jamais ficaria triste se ficasse ou ainda vier a continuar no Benfica, que me deu tudo».

publicado por Benfica 73 às 09:02

Agosto 04 2010

O Benfica confirmou esta quarta-feira, num comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), ter chegado a acordo com o Chelsea para a venda de Ramires por 22 milhões de euros.

A finalização do negócio está agora dependente da concretização dos testes médicos.

Leia o comunicado na íntegra:

A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, em cumprimento do disposto no artigo 248.º do Código dos Valores Mobiliários, vem informar que alcançou um princípio de acordo com o Chelsea FC para a transferência, a título definitivo, dos direitos desportivos e económicos do jogador profissional de futebol Ramires Santos do Nascimento pelo valor de € 22.000.000 (vinte e dois milhões de euros).

Mais se informa que o referido acordo de transferência será formalizado assim que o atleta concluir os exames médicos a que se irá submeter, com o consentimento da Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD, e vier a ser acordada a celebração de um contrato de trabalho entre aquele atleta e o Chelsea FC.

O Conselho de Administração

Lisboa, 4 de Agosto de 2010

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 20:17

Agosto 03 2010

Más notícias na contagem decrescente para o arranque oficial da época. Ramires lesionou-se no treino desta segunda-feira do Benfica, tendo abandonado o relvado com o tornozelo direito ligado.

Não foi perceptível o momento em que o médio brasileiro terá contraído a lesão, admitindo-se que tenha acusado dores apenas na parte final da sessão.

Certo é que Ramires, de chuteiras nas mãos, deixou o relvado com o tornozelo direito ligado e com gelo, desconhecendo-se, por ora, a gravidade do problema.

O internacional brasileiro fica assim em dúvida para o jogo com o Tottenham, que se realiza esta terça-feira, no Estádio da Luz, relativo à Eusébio Cup, e faz soar o alarme na antecâmara do desafio com o FC Porto, para a discussão da Supertaça Cândido de Oliveira, no próximo sábado.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 00:04

Agosto 02 2010

Ramires vai ser jogador do Chelsea, sendo muito provável que o acordo entre o Benfica e o clube inglês seja ultimado durante o dia de hoje, segundo Record apurou. Pela transferência do internacional brasileiro o clube de Stamford Bridge vai pagar 22 milhões de euros, sendo que os encarnados vão receber apenas 11, já que tinham vendido metade do passe do médio canarinho recentemente por 6 milhões ao fundo de investimento liderado por Kia Joorabchian.

Desta forma, a SAD benfiquista vai encaixar um total de 17 milhões, apenas um ano depois de ter adquirido o jogador ao Cruzeiro por 7,5 milhões. Com esta transferência, o Benfica consegue fazer a invejável soma de 42 milhões de encaixe financeiro com as transferências de apenas dois jogadores (Di María e Ramires). Refira-se ainda que em ano de Campeonato do Mundo, os encarnados foram os únicos que conseguiram transacionar jogadores de Brasil e Argentina, porventura as duas potências futebolísticas com maior capacidade de exportar talentos.

Mesmo com a proposta do Chelsea em cima da mesa e detendo apenas metade do passe, o Benfica poderia segurar o jogador, exercendo a cláusula de recompra que ficou fixada quando vendeu metade do passe ao referido fundo de investimento inglês. Contudo, e para além do avultado investimento que tal medida acarretaria, os encarnados resolveram respeitar a vontade de Ramires, que queria mudar-se para Londres.

A proposta para o internacional brasileiro é bastante elevada e comporta valores que são inatingíveis para o clube da Luz. Mesmo que os dirigentes benfiquistas aumentassem o salário do médio sul-americano, nunca conseguiriam chegar perto dos valores oferecidos pelos campeões ingleses.

Ramires já não foi utilizado por Jorge Jesus no encontro de ontem frente ao Aston Villa, no Torneio Guadiana, precisamente pelo facto de a transferência para o Chelsea estar praticamente consumada. Os responsáveis benfiquistas entenderam por bem não arriscar e só um volte-face fracamente improvável poderia inviabilizar a transferência do médio para Londres.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 10:05

Julho 29 2010

Ramires está sensível ao esforço da SAD em mantê-lo no plantel. Se o médio brasileiro ficar, deverá ver a situação salarial revista, mas a última palavra cabe aos investidores que detêm metade do seu passe.

Ramires começou ontem a pré-época, tal como Luisão, e o tema da sua permanência na Luz, ou eventual partida rumo a terras de Sua Majestade, é um dos dossiers mais sensíveis nas mãos dos responsáveis da SAD. É conhecido o real interesse do Chelsea na aquisição do seu passe, por valores que superam a barreira dos 20 milhões de euros, mas também é conhecida a intenção dos encarnados em manter no plantel um jogador que Jorge Jesus considera preponderante para a estrutura da equipa.

À chegada a Lisboa, anteontem, Luís Filipe Vieira fez questão de ter uma primeira e rápida conversa com o jogador para lhe traçar o ponto da situação e qual a vontade da SAD relativamente ao seu futuro.

Ramires mostrou-se sensível aos argumentos do Benfica e disposto a permanecer mais um ano na Luz, desde que esse seja também o entendimento entre todas as partes com relevância neste dossier.

Recorde-se que 50 por cento do seu passe pertence à empresa Jazzy Limited e, de acordo com o que ficou estabelecido quando os encarnados cederam parte dos direitos, a chegada de uma proposta concreta obriga a SAD vender, ou então a cobrir a proposta.

Na Luz a estratégia passa por convencer os investidores desta empresa a perceber que ficando mais uma época na Luz, Ramires pode valorizar-se ainda mais, face por exemplo à participação na Champions, e render uma negociação superior na próxima época.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 09:35

Julho 28 2010

Poucas horas após ter vencido os ingleses do Sunderland (2-0), o Benfica voltou ao trabalho, numa sessão realizada à porta fechada, no Estádio Municipal de Albufeira.

Apesar de Jorge Jesus ter fechado as portas aos olhares «indiscretos» é certo que os brasileiros Luisão e Ramires trabalharam integrados no grupo, cumprindo o primeiro treino desde que voltaram do período estendido de férias após terem estado no Mundial-2010.

O técnico dos «encarnados» poupou alguns dos jogadores que mais minutos tiveram no encontro da véspera com o Sunderland, até porque há nova sessão agendada para as 18 horas, novamente à porta fechada.

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 12:05

Julho 28 2010

David Luiz e Ramires vão poder dar o contributo à equipa do Benfica na Supertaça, a 7 de agosto, marcando presença, três dias depois, no jogo que a seleção do Brasil tem com os Estados Unidos, em New Jersey. Este entendimento foi conseguido ontem entre os responsáveis encarnados e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), pelo que Jorge Jesus pode respirar de alívio.

Recorde-se que, segundo os regulamentos da FIFA, os jogadores têm de se apresentar na seleção 48 horas antes da data marcada para o jogo particular e, a jogar a 7 em Aveiro, David Luiz e Ramires – este caso continue no Benfica – dificilmente conseguiriam cumprir os prazos.

Os dois brasileiros vão viajar dia 8 logo pela manhã para os Estados Unidos e, mesmo que cheguem atrasados, estão autorizados pelos responsáveis da canarinha.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 09:12

Julho 27 2010

Ramires é esperado hoje em Lisboa para decidir o seu futuro, que dificilmente passará por continuar de águia ao peito na próxima temporada. O brasileiro, de 23 anos, que esteve no Brasil a gozar as férias após a presença na África do Sul, encontra-se a um passo do Chelsea e é esperado hoje na capital portuguesa acompanhado pelo compatriota Luisão. Note-se que Maxi Pereira só volta mais tarde, já que o Uruguai chegou às meias-finais do Mundial.

Ramires e Luisão vão viajar diretamente para o Algarve, onde se juntam aos restantes companheiros, embora a situação do Queniano vá ser estudada antes.

Os encarnados enfrentam uma tarefa complicada para segurar o médio, mas ainda têm uma palavra a dizer no futuro do jogador. Além do Chelsea, também o Manchester City tentou o jogador.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:04

Julho 26 2010

O novo seleccionador do Brasil, Mano Menezes, convocou 24 jogadores para o particular que a “canarinha” vai realizar com os Estados Unidos no próximo dia 10 de Agosto em Nova Jersey.

Destaque para a chamada de David Luiz, central do Benfica que se estreia numa convocatória da selecção principal brasileira.

Em relação ao grupo eleito pelo antigo seleccionador, Dunga, para disputar o Mundial da África do Sul, Mano Menezes manteve apenas quatro jogadores: Ramires, Daniel Alves, Robinho e Thiago Silva.

De fora da primeira convocatória de Mano Menezes ficam jogadores como Kaká, Luis Fabiano, Júlio César, Lúcio e Luisão.

Eis a lista de convocados:

Guarda-redes: Renan (Avaí), Jefferson (Botafogo) e Victor (Grêmio)

Defesas: Rafael (Manchester United), Marcelo (Real Madrid), André Santos (Fenerbahçe), Daniel Alves (Barcelona), David Luiz (Benfica), Henrique (Santander), Réver (At. Mineiro) e Thiago Silva (Milan).

Médios: Ederson (Lyon), Carlos Eduardo (Hoffenheim), Hernanes (São Paulo), Sandro (Internacional),
Paulo Henrique Ganso (Santos), Lucas (Liverpool), Jucilei (Corinthians) e Ramires (Benfica).

Avançados: Robinho (Santos), Neymar (Santos), Alexandre Pato (Milan), André (Santos) e
Diego Tardelli (At. Mineiro).

Fonte: A Bola

publicado por Benfica 73 às 21:19

BENFICA 73
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds
comentários recentes
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...
Tanto quanto narra a história a Cinderela saiu ven...
Fosse eu a tratar deste assunto e se este está a d...
Semeaste muitos ventos ó nalguinhas! Agora, aguent...

contador visitante