Julho 05 2014
Luís Felipe foi a grande novidade no treino deste sábado do plantel do Benfica.
O lateral-direito brasileiro, ex-Palmeiras, juntou-se esta manhã aos novos companheiros no centro de treinos do clube, no Seixal, participando na primeira sessão de trabalho com bola da pré-época.
A componente física, porém, não foi descurada, cumprindo os jogadores diversos exercícios no relvado.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 15:42

Julho 28 2013

A equipa principal de Futebol do Sport Lisboa e Benfica terminou o prólogo de três jogos no Algarve com uma vitória ante o Nice por 2-1, com golos de Markovic e de Lima.

O Benfica entrou a “todo gás” e aos 11’ inaugurou o marcador por Markovic. O sérvio foi lançado por Salvio, amorteceu de cabeça e com um toque subtil desviou para o 1-0. No minuto seguinte estava feito o 2-0 por Lima. Salvio – sempre ele – foi lançado pela direita cruzou rasteiro e o avançado brasileiro aproveitou da melhor forma uma falha do guardião Veronese.

 

Não felizes com esta vantagem e antevendo que algo poderia acontecer, os da Luz foram atrás do 3-0 e aos 17’, Salvio levou perigo à área francesa após passe longo, com peso e medida, de Garay.

Aquilo que se previa apareceu na sua plenitude à passagem do minuto 29. Expulsão ridícula de Artur Moraes. Bruno Esteves assinalou grande penalidade a favor do Nice e expulsou o guardião num lance em que não tocou no adversário. Três minutos volvidos, e com Paulo Lopes entre os postes, Eysseric reduziu de grande penalidade.

Até ao intervalo, o jogo não viu mais golos e na segunda metade, o Nice, com mais um homem em campo, demonstrou sentir sérias dificuldades para pegar no jogo.

 

Aliás, continuou a ser o Benfica a ficar com as despesas do jogo e aos 59’ Lima temporizou, serviu de bandeja Sulejmani e este rematou pouco ao lado.

A partir deste momento, o encontro foi ficando mais quezilento, muito por culpa de uma equipa gaulesa muito agressiva perante a passividade de um árbitro que foi permitindo tudo até Salvio sair lesionado aos 70’. Aliás, estranha-se tamanha passividade, algo que não aconteceu aquando da grande penalidade inexistente que assinalou contra a formação lusa.

 

Jorge Jesus optou, entretanto, por refrescar o meio-campo e o ataque permitindo, assim, que a equipa não baixasse o ritmo imposto na partida em busca do tento da tranquilidade, algo que não aconteceu, mas o triunfo não mais fugiu.

O Benfica vai agora a Espanha para enfrentar o Elche. O jogo está agendado para dia 31 de Julho, às 19h45, no estádio Manuel Martínez Valero.

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur Moraes; Sílvio (Maxi Pereira, 61’), Lusão, Garay, Bruno Cortez; Matic (André Gomes, 85’), Enzo Perez (Ruben Amorim, 61’), Salvio (Ola John, 71’), Gaitán (Sulejmani, 46’), Markovic (Paulo Lopes, 31’) e Lima (Rodrigo, 61’).

Fonte: SLB

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=175609

publicado por Benfica 73 às 09:40

Julho 27 2013

A equipa principal de Futebol do Sport Lisboa e Benfica cumpriu, esta sexta-feira, o segundo de três jogos a realizar no Algarve. No estádio do Algarve, diante do Levante, as “águias” triunfaram por 2-1, com dois golos de Lima.

Numa partida típica de pré-temporada, jogado a um ritmo baixo, o Benfica entrou mais determinado e aos quatro minutos quase marcou. Excelente momento individual de Ola John que deambulou da esquerda à direita, foi deixando adversários para trás e rematou cruzado.

Apesar de ter mais posse de bola, a verdade é que nenhuma das equipas criava reais oportunidades de perigo até que aos 28’, Nabil El Zhar deu uma cabeçada no marasmo e marcou golo após antecipar-se a Jardel.

 

Daí até ao intervalo nada a registar, mas ficava a impressão que o golo sofrido era demasiado pesado para o que se tinha passado no relvado.

Para a etapa complementar, o treinador Jorge Jesus, fez cinco substituições e um dos entrados poderia ter marcado aos 48 minutos. Bola na área com Steven Vitória a cabecear para defesa de Navas.

De livre directo, à passagem do minuto 54, Lima colocou muito bem a bola, não deu possibilidades de defesa a Navas e fazia o empate. O avançado brasileiro estava endiabrado e aos 60 minutos apareceu descaído para a direita, disparou, mas Navas voltou a opor-se bem.

O Benfica estava transfigurado face à exibição da primeira metade e aos 64’ nova jogada vistosa. Matic fez uma abertura excepcional para Melgarejo, este cruzou e Gaitán quase marcava. Quatro minutos depois o azar “bateu à porta” do paraguaio, pois lesionou-se e foi substituído por André Gomes.

 

 Com o decorrer dos minutos, o Benfica baixou o ritmo do futebol praticado, mas nunca deixou de estar por cima na partida e à procura do golo que teimava em não chegar.

A justiça no marcador apareceu ao cair do pano. Aos 90’+2, Salvio entrou na área e foi derrubado. Lima, no minuto seguinte, converteu a grande penalidade, completando o bis no jogo.

Jorge Jesus optou por colocar o Sport Lisboa e Benfica a alinhar com o seguinte onze: Artur Moraes; Maxi Pereira (Sílvio, 58’), Lisandro (Steven Vitória, 46’), Jardel (Garay, 58’), Bruno Cortez (Malgarejo, 58’, André Gomes, 68’); André Almeida (Enzo Perez, 46’), Ruben Amorim (Matic, 58’), Sulejmani (Salvio, 58’), Djuricic (Markovic, 46’), Ola John (Gaitán, 46’, Fariña, 83’) e Rodrigo (Lima, 46’).

Fonte: SLB

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=175608

 

publicado por Benfica 73 às 08:09

Julho 23 2013
A presença do lateral uruguaio Maxi Pereira é uma das principais novidades na lista de convocados do Benfica para os três particulares no Algarve.
Os mais recentes reforços Pizzi e Fariña não figuram na convocatória do treinador Jorge Jesus.
O Benfica irá defrontar na quarta-feira o Peñarol, na sexta-feira o Levant e no sábado o Nice (27).
Todos os jogos vão decorrer às 19.45 horas.
Lista de convocados:
Guarda-redes: Artur Moraes, Paulo Lopes e Mika;
Defesas: Luisão, Mitrovic, Lisandro, Steven Vitória, Sílvio, Jardel, Garay, Maxi Pereira, Cortez e Melgarejo;
Médios: Enzo Perez, Djuricic, Matic, Gaitán, André Gomes, Salvio, Sulejmani, Ruben Amorim, Ola John, Markovic e André Almeida;
Avançados: Lima e Rodrigo.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 20:35

Julho 17 2013
Jorge Jesus reconhece que os jogadores contratados pelo Benfica para a temporada que se avizinha partem em desvantagem em relação àqueles que já faziam parte do plantel encarnado. Salienta, contudo, que a integração dos reforços – definição que não goza da preferência do treinador - está a decorrer como previsto.

«Gosto mais de falar em jogadores que vêm fazer o equilíbrio do plantel. Não é fácil para quem chega afirmar-se no Benfica, temos jogadores de muito valor e alguns já trabalham comigo há quatro anos. Estão em vantagem de processos e do conhecimento das ideias da equipa. Mas a pouco e pouco os novos jogadores estão a integrar-se e é isso que nós pretendemos», disse o treinador, em declarações à Benfica TV.

Questionado sobre qual a mensagem que tem procurado transmitir ao plantel na fase preparatória da temporada, salientou Jorge Jesus que no grupo de trabalho existe já «uma comunhão de ideias muito forte»
«A mensagem eles já sabem qual é: trabalhar sempre no máximo, dar o máximo pelo Benfica», indicou.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 09:54

Julho 17 2013

O Sport Lisboa e Benfica venceu, por 3-2, o FC Sion no último jogo que a equipa realizou em solo helvético. Este foi um bom teste frente a um adversário que já está a competir oficialmente há uma semana, com a realização da jornada inaugural do campeonato suíço.

Jorge Jesus repetiu o onze do primeiro jogo, frente ao Étoile Carouge FC e viu a equipa chegar à vantagem a um minuto do intervalo.

Antes, ao minuto 22’, surgiu a primeira grande oportunidade do Benfica. Lima sofreu uma grande penalidade e na marcação do castigo máximo, o guarda-redes suíço conseguiu defender o remate do avançado brasileiro.

 

Na sequência de um canto, aos 44’, Salvio numa jogada individual passou por quatro adversários na área e assistiu Lima que encostou para o 1-0.

Após o intervalo o Benfica continuou a dominar e, numa jogada entre dois atletas que entraram para o segundo tempo, chegou ao 2-0. Sulejmani na esquerda assistiu o seu compatriota sérvio Markovic que, aos 59’, se estreou a marcar de “águia ao peito”.

Aos 67’, mais uma vez Markovic, numa iniciativa individual pelo centro do terreno que culminou com um “chapéu” fez o 3-1.

À passagem do minuto 71’, o português Max Veloso, através de um livre directo, não deu hipótese ao guarda-redes “encarnado”, Paulo Lopes. Estava feito o 3-1.

 

Aos 82’, o Sion aumentou as contas no marcador, um golo que não foi suficiente para bater a equipa benfiquista.       

O ataque continuado, sempre na procura do golo, foi um aspecto marcante nesta passagem pela Suíça. O Benfica apontou um total de 12 golos nos primeiros três jogos da pré-temporada. Cinco atletas marcaram nos três embates em solo helvético – Salvio (três golos), Lima (três), Sulejmani (dois), Lisandro López, Urreta e Markovic (dois).

Jorge Jesus alinhou com a seguinte equipa titular: Artur Moraes (Paulo Lopes, 46’); André Almeida, Luisão (Mitrovic), Lisandro López (Steven Vitória, 55’) e Bruno Cortez (Sílvio, 46’); Matic (Ruben Amorim, 55’) e Enzo Perez (André Gomes, 46’); Salvio (Urreta, 70’), Djuricic (Markovic, 46’) e Gaitán (Sulejmani, 55’); Lima (Djaló, 75’).

Recordar que para o próximo sábado está reservado um dérbi, referente à meia-final da Taça de Honra. A partida está agendada para as 21h15, no estádio António Coimbra da Mota.

Fonte: SLB

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=174229

 

publicado por Benfica 73 às 08:23

Julho 15 2013
Depois do empate, de domingo, frente ao Bordéus (3-3), o treinador Jorge Jesus decidiu dar a manhã de descanso aos seus jogadores.
Os jogadores estão na unidade hoteleira a descansar das duas partidas realizada no fim de semana.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 10:41

Julho 15 2013

No centro desportivo de Colovray, em Nyon, o Benfica empatou com o Bordéus por 3-3, no segundo jogo da pré-época.

Frente ao histórico emblema gaulês, actual detentor da Taça de França, Jorge Jesus operou cinco alterações em relação ao primeiro onze de 2013/14. Na defesa entraram Mitrovic e Sílvio e no meio-campo alinharam Ruben Amorim, Markovic e Sulejmani.

Depois da goleada ao Étoile Carouge FC, por 6-1, os “encarnados” empataram diante dos girondinos. O Benfica entrou bem em campo logo aos primeiros minutos de jogo. Na sequência de um penálti a favor (aos 4’), Lima marcou de forma exemplar, colocando a bola no lado oposto à estirada do guarda-redes. Estava feito o 1-0.  

 

Aos 24’ surgiu o golo do empate, com Grégory Sertic a cabecear para o fundo das redes da baliza do guardião da Luz.

Vinte minutos depois, ao fechar da primeira parte, os franceses chegaram à vantagem no marcador, pelos pés de Saivet, vencendo ao intervalo (1-2).  

No segundo tempo, o Benfica entrou de forma dominante à procura do empate, o que aconteceu ao minuto 62’. Na sequência de um pontapé de canto apontado por Salvio, o seu compatriota argentino, Lisando López, que havia entrado ao intervalo, rematou com o pé direito para o 2-2.

O conjunto “encarnado” estava a atravessar o melhor momento da partida e aos 65’, Lima ameaçou a baliza francesa, ao atirar a bola à barra, após um centro na esquerda de Bruno Cortez. O golo estava iminente e foi apenas preciso esperar um minuto para o Benfica, merecidamente, chegar à vantagem. Salvio entra na área e num lance individual rematou para o 3-2.

 

Já nos descontos, após o minuto 90’, mais uma vez Saivet, após um livre no meio-campo, marcou e fechou as contas do marcador (3-3). Este acabou por ser um desfecho injusto após a grande recuperação do Benfica na etapa complementar.

Jorge Jesus alinhou com o seguinte onze inicial: Artur Moraes (Paulo Lopes, 46’); Sílvio (André Almeida, 46’), Luisão (Steven Vitória, 74’), Mitrovic (Lisandro López, 46’) e Bruno Cortez; Matic e Ruben Amorim (André Gomes, 46’); Salvio (Djaló, 82’), Markovic (Gaitán, 46’) e Sulejmani (Djuricic, 46’); Lima (Michel, 86’).

Na próxima terça-feira, 16 de Julho, os “encarnados” defrontam o Sion no Estádio Coppet, também na Suíça. O encontro está agendado para as 18h45.

Fonte: SLB

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=172782

publicado por Benfica 73 às 07:41

Julho 14 2013

Foi este sábado que se realizou o primeiro jogo da pré-época, entre Benfica e Étoile Carouge FC. A vitória sorriu aos “encarnados”, que triunfaram por 6-1.

Num primeiro tempo dominado pelo conjunto liderado pelo técnico Jorge Jesus, a primeira situação de perigo teve lugar aos 8’. Na sequência de um livre, Gaitán fez o primeiro remate do encontro, que saiu ao lado da baliza de Alexandre Casarsa.

Diante da formação helvética, aos 12’, Djuricic isolou Salvio que rematou para o primeiro golo dos “encarnados” na época 2013/14.

 

Aos 20’ surgiu então o segundo tento. Depois de um cruzamento de Djuricic, Lima cabeceou para o fundo das redes do guardião helvético.

Porém, os helvéticos não fecharam os braços e, aos 36, fizeram o primeiro golo do encontro. Estava feito o 1-2.

Aos 37’, os “encarnados” chegaram ao terceiro golo através de Salvio, numa combinação perfeita com Lima.

Já no segundo tempo, foi Miralem Sulejmani (49’) que aumentou as contas no marcador. Mas a garra benfiquista parecia não dar tréguas e, aos 61’, Urreta fez o 5-1. Aos 76’ Sulejmani fechou as contas com o 6-1.

 

Jorge Jesus alinhou com a seguinte equipa titular: Artur Moraes (Paulo Lopes, 46’); André Almeida (Sílvio, 46’), Luisão (Mitrovic, 46’), Lisandro López e Bruno Cortez (Yannick Djaló, 63’); Enzo Perez (André Gomes, 59’) e Matic (Ruben Amorim, 46’); Salvio (Sulejmani, 46’), Djuricic (Urreta, 59’) e Gaitán (Markovic, 46’); Lima (Michel, 59’).

Para este domingo está marcado um novo teste, desta vez diante do Bordéus. O encontro está agendado para as 19 horas, no estádio Colovray, em Nyon, na Suíça.

Fonte: SLB

Ficha de Jogo: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=172781

 

publicado por Benfica 73 às 08:00

Julho 13 2013
A equipa encarnada realizou, este sábado, o derradeiro treino antes da partida frente aos suíços do Étoile Carouge (19.30 horas).
Embora o treino, que decorreu em Meyrin, nos arredores de Genebra, fosse à porta fechada, alguns adeptos marcaram presença com o objetivo de verem os jogadores.
Existe uma grande expectativa junto dos adeptos do Benfica para ver os reforços em ação no particular frente ao Étoile Carouge.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 11:23

Agosto 10 2012
O Benfica viajou esta sexta-feira para a Alemanha, onde amanhã defronta o Fortuna Dusseldorf, às 14.30 horas, no último teste da pré-temporada.
Em Lisboa, Jorge Jesus deixou apenas os lesionados, com destaque para Michel (mialgia na coxa esquerda), Rodrigo Mora (mialgia na coxa esquerda) e Hugo Vieira (lombalgia), que se juntam a Nicolás Gaitán (contusão abdomino-ilíaca esquerda) e Pablo Aimar (mialgias de esforço).
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 13:58

Agosto 06 2012
O particular que o Benfica vai realizar no próximo sábado, dia 11, na Alemanha, com o Fortuna Dusseldorf, vai realizar-se às 15.30 horas, menos uma hora em Portugal, e não às 17 horas como estava inicialmente previsto.
O encontro com os recém-promovidos ao principal escalão do futebol alemão será o último teste da equipa orientada por Jorge Jesus antes do arranque oficial da temporada 2012/13 diante o SC Braga.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 20:50

Agosto 02 2012

O Sport Lisboa e Benfica empatou (1-1) esta quarta-feira, dia 1 de Agosto, com a Juventus, num desafio de carácter particular disputado em Genebra, na Suíça. A equipa de Futebol profissional colocou-se em vantagem perto do fim (87’), no entanto, o adversário conseguiu igualar no período de descontos.

 

Com oito encontros realizados até ao momento na pré-época, um dos quais o jogo “Um gesto contra a fome”, o Benfica apresentou Michel como a principal novidade no onze inicial. Mas antes de qualquer lance de perigo junto das balizas, a partida ficou marcada por uma contrariedade madrugadora. Gaitán sofreu um toque e saiu lesionado aos quatro minutos, sendo substituído por Bruno César.

 

O objectivo principal nestes desafios de pré-época passa por afinar os mecanismos de uma equipa e este jogo não fugiu à regra, isto perante uma formação oriunda de um país com grande tradição em termos defensivos. Foi esse o grande desafio ao longo da partida, tentar ultrapassar o sistema defensivo da Juve, o que podia ter acontecido aos 10 minutos, altura em que Michel fez um ligeiro desvio para defesa de Buffon.

 

O primeiro tempo foi, assim, pautado por um grande equilíbrio, não havendo perigo junto das duas balizas.

Já a etapa complementar começou com uma grande penalidade a favor da Juventus. O árbitro considerou que Maxi Pereira fez falta sobre Alessandro Matri, no entanto, o avançado não conseguiu superar Artur Moraes. O guarda-redes brasileiro travou o remate e manteve, assim, o nulo no encontro (48’).

 

A resposta benfiquista veio pouco depois num cabeceamento perigoso de Cardozo (51’). Ainda nas alturas, Javi García tentou alvejar as redes contrárias, no entanto, a bola sofreu um desvio ilegal por parte central Bonucci, algo que não foi assinalado pelo árbitro (55’).

O jogo foi muito mais aberto na segunda metade, com Mora a ameaçar as redes da baliza de Juventus (66’). Storari, substituto de Buffon, defendeu o remate do atacante, vendo depois Maxi Pereira rematar ao lado (84’).


O Benfica chegou mesmo à vantagem num excelente cabeceamento de Cardozo aos 87 minutos, após um cruzamento do lado esquerdo de Luisinho. Apesar deste rude golpe, a Juventus não desistiu e ainda conseguiu evitar a derrota no período de descontos, através de uma conclusão de Krasic.
Este foi, então, um bom teste com vista à preparação da equipa para a temporada que aí está à porta.

O Benfica alinhou com a seguinte equipa: Artur Moraes; Maxi Pereira, Garay, Luisão e Melgarejo (Luisinho, 78’); Javi García, Witsel, Carlos Martins (Mora, 56’), Gaitán (Bruno César, 4’; Ola John, 66’) e Enzo Perez (Nolito, 56’); Michel (Cardozo, 45’).

Outra Crónica: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=154720

Fonte: SLB

publicado por Benfica 73 às 09:55

Agosto 01 2012
O Benfica já realizou a viagem desde Lisboa até Genebra, onde, esta quarta-feira, às 18 horas, irá jogar frente à Juventus.
O autocarro já esperava a equipa na pista e os jogadores não passaram pelas cerca de três dezenas de adeptos que aguardavam pela chegada dos atletas.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 10:49

Agosto 01 2012
A comitiva do Benfica partiu esta manhã para Genebra, onde mais logo, pelas 18 horas, defronta a Juventus em mais um jogo particular de pré-temporada.
O treinador Jorge Jesus chamou 21 jogadores, deixando em Lisboa apenas os lesionados. Yannick e Miguel Vítor, ambos a contas com mialgias na coxa direita, juntam-se aos indisponíveis Aimar e Matic, que recuperam de mialgia de esforço e entorse no joelho esquerdo, respetivamente.
Eis a lista de convocados:
Guarda-redes: Artur Moraes e Paulo Lopes;
Defesas: Luisão, Maxi Pereira, Garay, Jardel, Luisinho e Melgarejo;
Médios: Javi García, Bruno César, Nolito, Ola John, Nicolás Gaitán, Carlos Martins, Witsel e Enzo Perez;
Avançados: Cardozo, Saviola, Michel, Alan Kardec e Rodrigo Mora.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 10:03

Julho 29 2012
fg

Após a Eusébio Cup, a equipa de Futebol profissional do Sport Lisboa e Benfica deslocou-se a Barcelos para apadrinhar a apresentação do Gil Vicente aos seus associados e triunfou por 2-5.

 

O treinador Jorge Jesus não levou ao Minho os titulares do jogo com o Real Madrid, mas os “encarnados” provaram ter um plantel com muita qualidade e que dá garantias para a temporada que se avizinha.

O jogo começou mexido e o minuto 13 foi de sorte para o Benfica. Centro muito bem medido de Luisinho e Rodrigo Mora, de cabeça, a inaugurar o marcador. As “águias” estavam muito bem e cinco minutos depois, Miguel Vítor a corresponder muito bem de cabeça a um livre e a fazer o 0-2.

 

O uruguaio Rodrigo Mora – que foi o homem do jogo – estava em todas e num contra-ataque “venenoso” recebeu o esférico de Hugo Vieira e frente-a-frente com Adriano fez mais um golo para a conta pessoal.

 

O “hat-trick” do camisola 11 não demoraria muito. Aos 30´, Nélson Oliveira, descaído para a esquerda, entregou o esférico a Rodrigo Mora e este não se fez rogado.

Antes do intervalo, e através de uma grande penalidade, Cláudio reduziu para 1-4 (38´), resultado com que chegou o descanso.

Os “gilistas” começaram melhor a etapa complementar e aos 52 minutos reduziram através de Pedro Pereira.

 

A turma da Luz nunca se sentiu verdadeiramente ameaçada e aos 66 minutos voltou a marcar. Livre apontado por Bruno César, o guardião da formação minhota defendeu para a frente e Michel, oportuno, a aparecer para atirar para

o fundo das redes.

O Benfica continuará a sua pré-temporada com a partida com a Juventus a 1 de Agosto, em Genebra.

 

O Sport Lisboa e Benfica actuou com o seguinte onze titular: Paulo Lopes (Mika, 72´); João Cancelo, Miguel Vítor, Jardel, Luisinho; Roderick, Enzo Perez (André Almeida, 80´), Bruno César (André Gomes, 80´); Rodrigo Mora (Michel, 46´), Hugo Vieira (Ola John, 46´) e Nélson Oliveira (Kardec, 46´).

Fonte:SLB

Outra Crónica: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=154813

publicado por Benfica 73 às 20:27

Julho 23 2012

O estádio Mieljski em Wroclaw recebeu, este domingo, a final da 1.ª edição do torneio polaco, que colocou frente-a-frente o Sport Lisboa e Benfica e os holandeses do PSV que triunfaram por 1-3.

 

Numa final com duas equipas de propensão ofensiva viu-se um jogo mexido, com ambos os emblemas a procurarem a baliza contrária com regularidade. A primeira parte começou com uma toada equilibrada, com os dois conjuntos a terem bola, sem nenhum ascendente.

Os holandeses mostraram-se perigosos através das arrancadas fortes de Depay pela esquerda e por intermédio de Narsingh pelo lado direito. Por sua vez, o Benfica levou perigo à baliza de Tyton através de Gaitán, que rematou forte aos 3´. Carlos Martins e Cardozo foram também um perigo para o guardião polaco.

 

Aliás, o médio português acabou mesmo por fazer o golo inaugural aos 33 minutos com um disparo forte de fora da área, após ter recebido o esférico de Ola John.

O descanso chegou com o Benfica na frente por 1-0. Para a etapa complementar, e tal como no encontro com o Slask Wroclaw, o treinador Jorge Jesus optou por fazer algumas mexidas ao intervalo, mas foi o PSV quem empatou. Jorgensen, de cabeça, após a marcação de um pontapé de canto.

Decorria o minuto 55 quando se deu o lance mais caricato e polémico da partida. Willems fez falta sobre Gaitán. Resolveu, então, tirar de esforço sobre o argentino com empurrões ao jogador benfiquista. Mal o árbitro ao dar cartão amarelo a ambos, pois apenas o jogador do PSV agrediu.

 

O equilíbrio voltou a ser a nota dominante, quando o PSV voltou aos golos, consumando a reviravolta no marcador. Lens foi o autor (74´).

O árbitro quis voltar a ser protagonista e deu o segundo cartão amarelo a Maxi Pereira por uma suposta mão na bola (78´). Não estando em causa este cartão amarelo, ficaram muitas dúvidas no primeiro cartão mostrado ao uruguaio. 

Reduzidos a 10 atletas, o Benfica sofreu ainda o terceiro golo. Aos 82 minutos por intermédio de Wijnaldum.

 

O Sport Lisboa e Benfica actuou com o seguinte onze: Artur Moraes; Maxi Pereira, Luisão, Garay, Luisinho (Melgarejo, 46´); Javi García (Rodrigo Mora, 77´), Carlos Martins (Bruno César, 46´), Gaitán (Yannick Djaló, 63´), Ola John (Nolito, 46´); Saviola (Witsel, 46´) e Cardozo (Nélson Oliveira, 61´).

Fonte: SLB

Outra Crónica Aqui: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=154706   


publicado por Benfica 73 às 11:49

Julho 22 2012

A equipa de Futebol profissional do Sport Lisboa e Benfica jogou, este sábado, o primeiro de dois jogos da 1.ª edição do torneio Wroclaw Polish Masters, que está a ter lugar na Polónia. Ante a equipa da casa, os “encarnados” foram mais fortes e venceram por 2-4, garantindo a presença na final onde defrontam o PSV.

 

A papel químico do que tem sido esta pré-temporada, os comandados de Jorge Jesus entraram pressionantes a todo o campo, exercendo pressão alta sobre o portador da bola, acabando por ter, naturalmente, maior percentagem de posse do esférico.

Essa entrada a “todo o gás” foi premiada com o golo madrugador de Cardozo aos 11´. Após um trabalho magistral de Witsel que, com um pormenor delicioso tirou dois adversários do caminho, assistiu o avançado que, de primeira, atirou a contar.

Mesmo não dispondo de ocasiões flagrantes, o Benfica geriu o jogo a seu bel-prazer e esteve sempre mais perto de ampliar a vantagem do que sofrer o empate. Exemplo disso foi o cabeceamento de Witsel aos 22 minutos após centro de Nolito, mas que Kelemen defendeu por instinto.

 

Ao intervalo, o 0-1 sabia a pouco pelo Futebol praticado pelas “águias”. Regressado do descanso, Jorge Jesus optou por fazer alterações da equipa, mas foi o Slask Wroclaw quem se alterou e muito.

À passagem do minuto 59, o Benfica dispôs de um livre. Carlos Martins colocou a bola na área e Luisão, de cabeça, antecipou-se ao guardião da turma polaca e colocou justiça no marcador.

 

Em dois minutos e sem ter feito muito para que isso acontecesse, o Slask Wroclaw logrou o empate. Elsner aos 67´e Sobota aos 68 minutos foram os marcadores.

Os “encarnados” não sentiram os tentos sofridos e com uma excelente jogada de envolvimento chegou ao terceiro golo. Melgarejo recebeu o esférico de Gaitán, disparou à barra e Carlos Martins, na recarga, marcou (72´).

A cinco minutos dos 90, Ola John teve a possibilidade de marcar o tento da tranquilidade, mas permitiu a defesa de Kelemen. Não foi aí, foi aos 88´. Carlos Martins – que segunda parte – voltou a fazer uma assistência primorosa para Gaitán e este facturou.

 

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur Moraes; Maxi Pereira, Luisão, Garay, Melgarejo (Luisinho, 90´+2); Javi García, Witsel (Nélson Oliveira, 90´), Bruno César (Carlos Martins, 46´), Nolito (Gaitán, 46´), Yannick Djaló (Ola John, 46´) e Cardozo (Kardec, 66´).

Fonte: A Bola / SLB
publicado por Benfica 73 às 09:07

Julho 17 2012

Ao terceiro jogo de pré-época, Jorge Jesus colocou em campo um onze que mais não é do que um misto dos jogadores titulares nos jogos com o Marselha e com o RM Hamm. Ola John, Melgarejo e Enzo Perez “intrometeram-se” num onze que tem sido a continuidade da pretérita temporada.

Diante de uma equipa que terminou o campeonato francês em 3.º lugar, o Benfica debateu-se com um conjunto com outro tipo de pergaminhos e que, por consequência, deu mais trabalho a Artur. Contudo foram os benfiquistas que estiveram mais perto de desbloquear o nulo que teimou em ficar até final.

 

Porém, os “encarnados” mostraram, uma vez mais, a sua imagem de marca da pré-temporada: pressão alta e todo o campo, não deixando o Lille explanar o seu futebol como tanto gosta. Esse mesmo “pressing” levou a que os comandados de Jorge Jesus dispusessem de um remate perigoso de Cardozo aos 11 minutos que seria o mote para a melhor oportunidade da primeira parte.

 

Nolito atirou em jeito, mas o esférico embateu no poste com o guarda-redes Elana a ficar a olhar (26´).

Ao intervalo, o 0-0 não espelhava o maior domínio do conjunto luso. Percebendo que o Benfica dominava, o técnico dos franceses, Rudi García, a colocar Kalou em jogo para o lugar de Túlio de Melo. O Lille mostrou-se mais afoito e mais rematador, mas nem sempre com a pontaria desejada.

 

O Benfica foi um pouco ou tanto surpreendido pelos primeiros dez minutos após o reinício, mas foi equilibrando a contenda, acercando-se, novamente, com perigo da baliza de Elana.

Pouco tempo após ter entrado, Carlos Martins deu o mote. Aos 72´ teve no pé direito duas grandes oportunidades para inaugurar o marcador. Primeiro atirou para um excelente estirada de Elana para depois, após alguma atrapalhação, rematar à barra.

 

O estágio em Evian terminou com um saldo francamente positivo e segue-se o jogo de solidariedade “Um gesto contra a fome” esta quarta-feira, no Estádio da Luz, pelas 20h45.

 

O Sport Lisboa e Benfica alinhou com o seguinte onze: Artur Moraes; Maxi Pereira, Luisão, Garay, Melgarejo; Javi García (Rodrigo Mora, 80´), Witsel, Bruno César (Yannick Djaló, 80´), Enzo Perez (Nolito, 26´), Ola John (Carlos Martins, 64´) e Cardozo (Gaitán, 86´).

Fonte: SLB
publicado por Benfica 73 às 09:53

Julho 16 2012

No segundo encontro da pré-temporada, desta feita realizado no Luxemburgo, o Benfica venceu este domingo, dia 15 de Julho, o RM Hamm por 3-0. Maxi Pereira, Cardozo e Nolito foram os marcadores de serviço.

 

Rotatividade e experiências são duas das situações recorrentes em jogos de pré-temporada. No segundo encontro da equipa neste arranque de época, o treinador Jorge Jesus procedeu, então, a várias mexidas relativamente ao desafio com o Marselha. Com apenas Javi García e Carlos Martins a repetirem a titularidade, o técnico entregou a baliza a Paulo Lopes, com Yannick Djaló e Melgarejo a surgirem no lado direito e esquerdo da defesa, enquanto Jardel e Miguel Vítor foram aposta para o eixo defensivo. No ataque, Ola John e Enzo Perez surgiram nas alas, enquanto Kardec e Hugo Vieira ficaram como referências mais ofensivas.

 

Perante um adversário que não conseguiu incomodar Paulo Lopes, o Benfica assumiu o controlo total da partida, juntando a isso uma série de oportunidades de golo. Kardec acertou logo aos três minutos no poste.

Ola John alinhou no lado esquerdo e criou bastantes problemas à defensiva contrária. O holandês esteve perto de marcar aos 18 e 26 de minutos. Aos 32’, foi a vez de Miguel Vítor ameaçar as redes contrárias.

 

Carlos Martins, outro dos elementos em evidência na primeira parte, tentou a sua sorte já em períodos de descontos, mas o remate foi travado pelo guardião do Hamm. A bola ainda sobrou para Enzo Perez, no entanto, o esférico não levou a melhor direcção.

 

Na lógica de rotatividade, Jorge Jesus operou várias alterações ao intervalo. Ainda estavam decorridos apenas dois minutos quando o Benfica chegou à vantagem, através de um cabeceamento de Maxi Pereira.

O inevitável Cardozo voltou a fazer “o gosto ao pé” e ampliou o marcador aos 66 minutos. O melhor golo da noite surgiu aos 84 minutos e foi apontado por Nolito na cobrança de um livre directo.

 

O Benfica cumpriu, assim, mais uma etapa na sua preparação, numa partida que contou com o forte apoio dos emigrantes benfiquistas. Segue-se agora a partida frente ao Lille já nesta segunda-feira, dia 16 de Julho.

 

O Benfica alinhou com a seguinte equipa: Paulo Lopes (Artur Moraes, 45’); Yannick Djaló (Maxi Pereira, 45’), Jardel (Luisão, 45’), Miguel Vítor (Garay, 45’) e Melgarejo (Luisinho, 45’); Javi García (Witsel, 45’), Carlos Martins (Bruno César, 61’), Ola John (Nolito, 45’) e Enzo Perez (Gaitán, 45’); Kardec (Cardozo, 45’) e Hugo Vieira (Saviola, 45’).

Fonte: SLB
publicado por Benfica 73 às 08:13

Julho 15 2012
O Benfica já aterrou, esta manhã, no Luxemburgo, num clima de grande eurforia por parte dos adeptos. A chegada estava prevista para as 10 horas locais (9 horas em Lisboa), mas o voo charter da comitiva encarnada atrasou-se uma hora e meia.

À sua espera no aeroporto estavam cerca de 200 adeptos portugueses emigrantes no Luxemburgo, numa receção calorosa aos atletas e a todo o grupo. Presentes estiveram também jogadores do Hamm Benfica, clube que as águias vão defrontar no jogo desta noite, às 20.30 horas locais (19.30 em Lisboa), no estádio Hesperange.

Na chegada a solo luxemburguês, os jogadores do Benfica brindaram os adeptos com autógrafos e fotografias, mostrando sempre grande disponibilidade no percurso efetuado desde a zona de chegadas ao autocarro.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 11:24

Julho 14 2012

O Benfica venceu esta sexta-feira, dia 13 de Julho, o Marselha por 2-0, naquele que foi o primeiro jogo da pré-temporada da equipa. Cardozo marcou de grande penalidade e Carlos Martins fechou as contas num remate de primeira.

No primeiro jogo da pré-temporada, o treinador Jorge Jesus apresentou apenas uma novidade relativamente ao que era mais habitual na época passada. Luisinho, ex-Paços de Ferreira, alinhou do lado esquerdo da defesa, compondo o quarteto defensivo com Maxi, Luisão e Garay. Com Artur Moraes na baliza, o meio-campo benfiquista contou com Javi García, Witsel, Bruno César, Aimar e Gaitán. Já Cardozo foi o avançado de referência.

A primeira parte resumiu-se ao domínio total da equipa benfiquista. Com uma iniciativa de jogo já muito assinalável, tendo em conta que ainda estamos numa fase inicial da temporada, o Benfica chegou à vantagem perto do intervalo. Witsel foi derrubado no interior da área e o árbitro assinalou a respectiva a falta. Na hora de ser chamado a converter o castigo máximo, Óscar Cardozo não perdoou. Estavam decorridos 37 minutos.

 

O segundo tempo foi mais do mesmo, ou seja, o Benfica a criar mais situações de perigo junto da baliza do Marselha. Apesar das várias substituições operadas, a equipa manteve a sua postura e conseguiu mesmo ampliar o marcador num remate de Carlos Martins.O golo surgiu já no período de descontos.

A equipa orientada por Jorge Jesus volta a jogar no domingo, dia 15 de Julho, frente ao RH Hamm.

 

O Benfica apresentou a seguinte equipa: Artur Moraes (Paulo Lopes, 61’); Maxi Pereira, Luisão, Garay e Luisinho (Melgarejo, 45’); Javi García (Matic, 61’; Roderick, 85’), Witsel (Carlos Martins, 57’), Aimar (Nolito, 45’), Gaitán (Ola John, 45’; Enzo Perez, 82’) e Bruno César (Saviola, 61’); Cardozo (Kardec, 57’).

Fonte: SLB

Outra crónica: http://www.abola.pt/jogodirecto/ficha.aspx?id=154615


publicado por Benfica 73 às 08:40

Julho 11 2012

publicado por Benfica 73 às 08:18

Julho 10 2012
A bola já rola em Évian-les-Bains. Jorge Jesus marcou o primeiro treino do estágio encarnado para a manhã desta terça-feira no centro de treinos Camille Fournier. 

Depois do «banho de multidão» à chegada, Jorge Jesus fechou a porta do apronto aos adeptos, preparando tranquilamente o primeiro jogo particular frente ao Marselha, na próxima sexta-feira.

Dos 28 jogadores que seguiram viajem para França, apenas Pablo Aimar foi visto a trabalhar à parte com o fisiologista Bruno Mendes. O médio argentino fez trabalho de fortalecimento muscular nos 15 minutos abertos à comunicação social, não se sabendo se esteve às ordens de Jorge Jesus quando as portas do treino se fecharam para os jornalistas. Todavia, é garantido que nada de grave se passa com o número 10 das «águias».

O Benfica volta a treinar esta tarde, pelas 17 horas (hora local, 16.00 em Portugal), num apronto que será totalmente fechado, quer a adeptos quer à comunicação social.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 15:22

Julho 10 2012

As águias têm à sua espera para treinar um autêntico tapete do centro de estágio Union Sportive Évian-Lugrin, que está envolvido num cenário tranquilo, dominado pelo lago Léman. O Hotel Royal, com o seu imponente átrio, permitirá o descanso dos jogadores, que dificilmente serão incomodados numa região que é frequentada por uma classe média-alta de França e Suíça; com todas as condições para a equipa trabalhar, os apreciadores de golfe podem aproveitar as horas de lazer para dar umas tacadas...

Ver Fotos Aqui: http://www.record.xl.pt/multimedia/fotos/interior.aspx?content_id=766748

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 11:15

Julho 10 2012

Tranquilidade, um silêncio dominante, temperatura amena e um relvado em excelentes condições. Em Évian está tudo preparado para receber a comitiva encarnada que, este ano, escolheu a glamorosa estação termal francesa para ganhar o fôlego necessário para a nova temporada.

Dificilmente as águias podiam ter encontrado um local mais calmo para trabalharem. Nos próximos dias o quartel-general encarnado será o luxuoso Hotel Royal, uma unidade hoteleira situada na base dos Alpes com uma vista deslumbrante sobre o lago Léman. Aqui, o plantel tem uma área isolada na zona dos quartos e total liberdade para usar em exclusivo o ginásio e Spa. Numa unidade hoteleira há muito habituada a receber hóspedes VIP, a comitiva encarnada tem todas as garantias de poder trabalhar com toda a discrição.

Fonte: Record

publicado por Benfica 73 às 09:33

Julho 09 2012
Jorge Jesus promoveu troca de última hora na lista de convocados do Benfica para o estágio em Évian.
O defesa-central Roderick, que integrara os trabalhos da equipa B, foi chamado para o lugar do médio Yartey, desconhecendo-se ainda qual o futuro do jogador ganês.
Tanto Roderick como Yartey regressam à Luz depois de terem representado o Servette, da Suíça, por empréstimo.
Paulo Lopes, Luisinho, Michel, Ola John e Hugo Vieira, os cinco reforços já garantidos pela águia para esta época, integram as escolhas de Jorge Jesus, que chamou ainda os regressados Carlos Martins, Enzo Pérez, Melgarejo, Rodrigo Mora e Kardec.

Lista de 28 convocados:
Guarda-redes: Artur, Paulo Lopes e Mika;
Defesas: Maxi Pereira, Luisão, Garay, Jardel, Miguel Vítor, Roderick e Luisinho;
Médios: Javi García, Matic, Carlos Martins, Witsel, Bruno César, Nolito, Enzo Pérez, Pablo Aimar, Nico Gaitán, Ola John e Melgarejo;
Avançados: Cardozo, Saviola, Rodrigo Mora, Yannick, Hugo Vieira, Michel e Kardec.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 16:59

Julho 09 2012
O Benfica anunciou, este domingo, os horários dos três jogos que as águias vão realizar no estágio de pré-temporada.
O primeiro ensaio, diante do Marselha, está marcado para as 19.45 horas da próxima sexta-feira, no Estádio Tourbillon, em Sion, Suíça. 
Domingo, à mesma hora, terá lugar o jogo com o RH Hamm, desta feita no Estádio Hesperange, no Luxemburgo.
Para segunda-feira, dia 16, está agendado o último compromisso do estágio, com o Lille, no Estádio Saint Symphorien em Metz, França. A partida inicia-se às 19.30 horas.
Jorge Jesus orienta esta segunda-feira no Seixal, à porta fechada, o derradeiro treino antes da viagem para França. A partida do aeroporto da Portela, em voo charter, com destino a Genebra, está marcada para as 16.30 horas.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 10:27

Junho 03 2012
Exames médicos nos primeiros dias de julho, treinos a 4 ou a 5, estágio de 9 a 17 fora do país. 
Contagem decrescente para o arranque da nova época, com o dia de ontem a marcar um mês exato para o início dos trabalhos dos homens de Jorge Jesus, agendado para 2 de julho.
Ainda falta muito, portanto, para o regresso dos jogadores, que deverão submeter-se a exames médicos nos primeiros dois/três dias, como é habitual, com o primeiro treino agendado para 4 ou 5. Serão algumas sessões antes da viagem para o estágio de pré-temporada, que terá lugar de 9 a 17 de julho, com local ainda por definir: Suíça, França ou Luxemburgo são as hipóteses em cima da mesa, com a decisão final a ser tomada entre a SAD e a Gamasport, empresa que organiza os estágios no estrangeiro dos encarnados há vários anos, e que também marcou um jogo de caráter particular frente ao Galatasaray, em Genebra, Suíça, a 12 de novembro de 2011, que os encarnados venceram por 2-0.
Fonte: A Bola
publicado por Benfica 73 às 07:53

Julho 13 2011

  

Dijon 2- Benfica1

 

No terceiro e último jogo do estágio na Suíça, o Benfica foi derrotado esta terça-feira pelos franceses do Dijon, por 1-2. 
O Benfica, que entrou em campo com uma defesa bastante diferente do habitual, com Javi Garcia adaptado a defesa-central e Fábio Faria a lateral esquerdo, acabou por pagar essa situação com uma derrota.
Aos 41 minutos, lançamento em profundidade, com Jovial (Dijon) a desviar a bola para o colega Raphael Cáceres, que sozinho na área, ultrapassou facilmente o guarda-redes Artur. 
O Benfica, na primeira parte, limitou-se a criar perigo sobretudo pelos livres de Cardozo.
Na segunda parte, o treinador Jorge Jesus realizou inúmeras alterações e o Dijon aproveitou para elevar a contagem. Aos 73 minutos, o Dijon saiu num rápido contra-ataque, com Courgnoud a aproveitar a má posição do lateral Wass para entrar na área e bater Roberto.
A resposta do Benfica apenas surgiu perto do apito final. Aos 90 minutos, David Simão assistiu Urreta, com o jovem extremo a superar a marcação e a reduzir.

Fonte: A Bola / SLB

publicado por Benfica 73 às 00:20

BENFICA 73
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


comentários recentes
O apoio financeiro a indivíduosOlá,Você está preso...
Get a Loan Today At 3% Interest Rate, contact us a...
Boa tarde,Gostaríamos de dar a conhecer o novo sit...
Boa tarde,Será possivel obter o contato do adminis...
A nível de centrais, apesar dos 2 jovens da equipa...
Caro Benfica73, Rebocho é lateral esquerdo de raiz...
Eu aceitava nos seguintes termos, um milhão à cabe...
Esta gentinha que se governa do futebol, fala de m...
E qual é o valor da cláusula? Parece que o PC está...
Incrível como o site notíciasaominuto não sabe que...
Não terão começado já a tentar desestabilizar o Be...
Apesar de tudo e contra tudo e contra todos (ontem...
O Benfica tem uma estrutura psicológica muito fort...
ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃOVISTO NA NETE DEVE SER LIDO ...
OS PRÓPRIOS SPORTINGUISTAS LÚCIDOSE NÃO CARNEIROS ...
ACHO QUE MERECE JÁ UM POST, EM TODOS OS BLOGUES BE...
Com tal tirada sobre a falta de 'carácter', o padr...
Tanto quanto narra a história a Cinderela saiu ven...
Fosse eu a tratar deste assunto e se este está a d...
Semeaste muitos ventos ó nalguinhas! Agora, aguent...

contador visitante